Abrir menu principal
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde abril de 2018). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Água Santa de Minas é um distrito do município mineiro de Tombos.

EtimologiaEditar

O topônimo de Água Santa tem origem no rochedo próximo ao distrito, onde nasce uma água cristalina, daí o nome que perdura desde os tempos mais remotos de sua existência.

HistóriaEditar

Os seus primeiros habitantes foram os índios e escravos. Mais tarde, foi Água Santa devidamente colonizada, destacando-se os proprietários das terras, fazendeiros, sitiantes e serviçais. As famílias Lazzaroni, Teixeiras, Dias Ferreira, Morais, Vasconcelos e Miquelote foram as primeiros a habitar a localidade e responsáveis pelo seu desenvolvimento na área da agricultura.

Com a descoberta da nascente, onde os seus primeiros habitantes ficaram encantados com o que viram, tiveram a idéia da construção de uma capela, que tem como padroeira Nossa Senhora Mãe dos Homens, onde no início todos rezavam com muita piedade. Este acontecimento vem se sucedendo através dos tempos, onde a maioria de sua população é católica apostólica romana.

Hoje, o seu nome é Água Santa de Minas, distrito criado pela lei municipal nº 1.085, de março de 1994.

GeografiaEditar

É uma localidade que fica a 20 quilômetros da cidade de Tombos, com 550 metros de altitude, tornando-se um local agradável e simpático para os visitantes.

A sua principal riqueza se alicerça na agropecuária e pecuária. Nos dias atuais, a família Lazzaroni(Italiana) se constitui na maior parte de sua população, juntamente com outras que fazem parte ativa da comunidade e de sua densidade demográfica.