Abrir menu principal

Átax ou Átace (m. 418[1]) foi rei dos alanos ocidentais na Hispânia, atual Espanha e Portugal. Em 409, os alanos se fixaram nas províncias romanas da Lusitânia e Cartaginense: Alani Lusitaniam et Carthaginiensem provincias, et Wandali cognomine Silingi Baeticam sortiuntur.[2] Existem dúvidas sobre se os alanos teriam conquistado integralmente ou apenas partes da Cartaginense.[3]

Foi o sucessor de Respendial,[1] que liderou os alanos, juntamente com os vândalos e os suevos, numa invasão do Império Romano ocidental, a partir de 406 d.C.[4] Em 418, os alanos foram derrotados por Vália, rei dos godos,[1] que havia atacado as tribos invasoras sob as ordens do imperador Honório, em terras "tartéssias", provavelmente próximo a Gibraltar. Os alanos ocidentais restantes na Ibéria tiveram que suplicar ao rei vândalo Gunderico para aceitar a coroa alana; os reis vândalos posteriores, no norte da África, passaram a adotar o título de rex Wandalorum et Alanorum ("rei dos vândalos e dos alanos").

Referências

  1. a b c Nicolas Lenglet-Dufresnoy, Tablettes chronologiques de l'histoire universelle sacrée et profane, ecclésiastique et civile, depuis la création du monde, jusqu'à l'an 1743 ..., Histoire d'Espagne, p.406 [google books]
  2. Hidácio, 68.
  3. Bury, 203 e n2.
  4. J. B. Bury, History of the Later Roman Empire, Chapter VI, The german invasions under honorius, $2. The German Invasion of Gaul and Spain, and the Tyranny of Constantine III (A.D. 406?411)

BibliografiaEditar

  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.