Abrir menu principal

O áxion (português brasileiro) ou axião (português europeu) é uma partícula elementar hipotética, proposta por Roberto Peccei e Helen Quinn, na chamada teoria de Peccei-Quinn, como uma solução para a violação CP, em cromodinâmica quântica. Se os áxions existirem e tiverem uma massa baixa dentro de uma faixa específica, eles podem ser um possível componente da matéria escura fria.

Áxion
Interação: Gravidade, Eletromagnetismo
Estado: Hipotética
Teorizada: 1977, Peccei e Quinn
Massa: 10−6 a 1 eV/c2
Spin: 0

PesquisaEditar

O axion é provavelmente a melhor explicação para a matéria escura e sua busca tem sido o foco de um esforço experimental em larga escala. Há uma corrida para chegar a novas ideias para descobrir o axion em todas as áreas onde poderia estar escondido.

PlasmasEditar

Um estudo propõe que, dentro de um campo magnético, os axônios gerariam um pequeno campo elétrico que poderia ser usado para conduzir oscilações no plasma. Basicamente, encontrar o axion é como sintonizar um rádio: é preciso sintonizar a antena até encontrar a frequência certa. Ao invés de música, experimentalistas seriam recompensado com o ‘som’ da matéria escura que a Terra está viajando através.[1]

Referências

  1. «A new way to 'hear' dark matter». Tech Explorist (em inglês). 9 de outubro de 2019. Consultado em 9 de outubro de 2019 
  Este artigo sobre física é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.