Abrir menu principal
Wiki letter w.svg
Por favor, melhore este artigo ou secção, expandindo-o. Mais informações podem ser encontradas no artigo «Çayönü» na Wikipédia em castelhano e também na página de discussão. (dezembro de 2010)

Çayönü, também conhecido como Çayönü Tepesi, é um povoado neolítico situado no que é hoje o sul da Turquia, a 40 km a noroeste de Diyarbakır, no sopé dos Montes Tauro, próximo do Bestakot, um regato intermitente, e do Rio Bogazçay, um afluente do Tigre. Foi habitado entre 7 200 a.C. e 6 600 a.C.

ArqueologiaEditar

As primeiras escavações foram conduzidas por Robert John Braidwood entre 1964 e 1978 e posteriormente entre 1985 e 1991. O assentamento cobre os períodos Neolítico pré-cerâmico A (PPNA), Neolítico pré-cerâmico B (PPNB) e Neolítico cerâmico (PN).

A estratigrafia está dividida nas seguintes subfases, de acordo com a arquitetura dominante:[1]

  • circular, PPNA
  • em forma de grelha, PPNB inicial
  • com canais ou com grandes salas pavimentadas, PPNB médio
  • em forma de celas, PPNB tardio
  • com grandes salas inidviduais, PPNB tardio, Neolítico inicial

Pecuária e agriculturaEditar

Çayönü pode ter sido o lugar onde o porco foi pela primeira vez domesticado. A fauna selvagem incluía javalis, cervídeos, ovelhas e cabras. O ambiente no Neolítico incluía sapais e pântanos junto ao Bogazcay, bosques abertos, áreas de estepe e florestas de pistáchio a sul.

Em 1997, cientistas do Max-Planck-Institut für Pflanzenzüchtungsforschung (Instituto Max-Planck para Investigação em Crescimento de Plantas) descobriu que os antepassados genéticos de 68 tipos contemporâneos de cereais se encontram em plantas que ainda crescem de forma selvagem nas encostas do Monte Karaca, situado nas proximidades de Çayönü.[2]

NotasEditar

Referências

  1. Bernabeu, Joan; Aura, J. Emili; Badal, Ernestina (1993). Al oeste del Eden. Las primeras sociedades agrícolas en la Europa mediterránea (em espanhol). [S.l.]: Ed. Síntesis. ISBN 84-7738-182-8 |edição=1ª|páginas=125-129
  2. Heun, Manfred; Schäfer-Pregl, Ralf; Klawan, Dieter; Castagna, Renato; Accerbi, Monica; Borghi, Basilio; Salamini, Francesco (14 de novembro de 1997). «Site of Einkorn Wheat Domestication Identified by DNA Fingerprinting» (PDF). Science (em inglês). 278: 1312-1314. Consultado em 28 de dezembro de 2010. Arquivado do original (PDF) em 31 de dezembro de 2006 

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre arqueologia ou arqueólogos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  Este artigo sobre a Turquia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.