Abrir menu principal
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações (desde junho de 2019). Ajude a melhorar este artigo inserindo fontes.

Ébórá é um termo do iorubá que significa "Um homem forte, aquele que é notável, um mito poderoso" (FONSECA JR. p. 117).

Os ébórás foram homens e mulheres de etnias africanas diversas, que, por conta da importância ao grupo social de que faziam parte, quando vivos, obtiveram essa visão de mitos poderosos quando mortos, sendo cultuados pelos seus povos como ancestrais importantes (Ogum, Xangô, Ayirá, Oya, Oxum etc.). Com isso, por toda evocação, foram confundidos, posteriormente, com os orixás, seres divinos elementares da natureza, que não tiveram vida terrena. Os orixás e os éborás fazem parte das figuras centrais no culto iorubano e afro-brasileiro.

BibliografiaEditar

  • FONSECA JR. Eduardo. Dicionário Yorubá (Nagô) - Português. Sociedade Yorubana Teológica de Cultura Afro-Brasileira: Rio de Janeiro, 1983. p. 117.