Érika Coimbra

ÉrikaVolleyball (indoor) pictogram.svg
Érika em 2013.
Informações pessoais
Nome completo Érika Kelly Pereira Coimbra
Apelido Kiki
Modalidade Voleibol
Nascimento 23 de março de 1980 (40 anos)
Belo Horizonte, MG
Nacionalidade brasileira
Compleição Altura: 1,80 m
Clube Hinode Barueri
Medalhas
Jogos Olímpicos
Bronze Sydney 2000 Equipe
Copa do Mundo de Voleibol
Prata Japão 2003 Equipe
Bronze Japão 1999 Equipe
Jogos Pan-Americanos
Ouro Winnipeg 1999 Equipe
Prata Rio de Janeiro 2007 Equipe
Grand Prix de Voleibol
Ouro Reggio Calabria 2004 Equipe
Bronze Manila 2000 Equipe

Érika Kelly Pereira "Kiki" Coimbra (Belo Horizonte, 23 de março de 1980) é uma jogadora de voleibol brasileira.

Pela seleção brasileira, iniciou sua trajetória no ano de 1996 quando foi convocada pela primeira vez para integrar a categoria de base e sagrou-se campeã sul-americana infanto-juvenil e um ano mais tarde, em 1997, já conquistou o Mundial Infanto-Juvenil. Além de campeã, Érika foi a maior pontuadora do torneio. Marca que rendeu a ela o título de melhor atacante e jogadora do Mundial.

A jogadora ainda participou da campanha que rendeu ao Brasil a medalha de ouro no Pan de Winnipeg 1999. Na Olimpíada de Sydney 2000 conquistaria com a equipe a medalha de bronze.

Fato pouco conhecido e divulgado pela mídia brasileira, a bela e feminina Erika teve seu sexo questionado nas Olimpíadas de Sydney, onde se levantou a suspeita de que fosse homem ou "hermafrodita cujos órgãos masculinos foram extraídos", assim como ocorreu com a judoca Edinanci Silva (embora as suspeitas sobre esta última tenham sido mais noticiadas). Após exames, foi atestado que Erika é realmente do sexo feminino. Atualmente joga no Hinode Barueri.[1]

Principais conquistasEditar

Referências

  1. «Aos 35, Érika acerta com Bauru para o restante da Superliga». ESPN. Consultado em 9 de dezembro de 2015 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um(a) voleibolista, integrado ao Projeto Desporto, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.