1.º Exército de Cavalaria Bolchevique

O 1.º Exército de Cavalaria Bolchevique (em russo: Первая конная армия) também conhecida como A cavalaria de Budionny ou Konarmia. foi uma das mais destacadas formações militares do Exército Vermelho durante a Guerra Civil Russa e na Guerra Polaco-Soviética. Sua história está intimamente ligada à figura de seu comandante, Semion Mikhailovich Budionny.[1]

1.º Exército de Cavalaria Bolchevique
Armata a cavallo.jpg
A cavalaria durante Guerra Civil Russa, ao centro, da direita para esquerda, Vorochilov, Ordjonikidze e Budionny
País União Soviética
Corporação Exército
Missão cavalaria
Denominação "A cavalaria de Budionny", "Konarmia"
Criação 1918
Extinção 1924
História
Guerras/batalhas Guerra Civil Russa:

Guerra Polaco-Soviética:

Logística
Efetivo até 17500
Comando
Comandantes
notáveis
Semion Budionny
Kliment Vorochilov
Semyon Timoshenko
Gueorgui Jukov
Uma visão poética do Iº Exército. Quadro de Mitrophan Grekov, 1934

FormaçãoEditar

Em 1918, quando do início da Guerra Civil, Budionny, veterano de baixa patente do antigo exército imperial russo, recrutou cossacos na região do Rio Don para defender a revolução bolchevique. Esta força rapidamente cresceu em números e acabou recebendo a denominação de Iº Exército de Cavalaria, formando um força de guerrilha até se tornar em uma força regular, sob o comando militar de Budionny e a assessoria política de Kliment Voroshilov. Em agosto de 1920, às vésperas da batalha de Komarow, a cavalaria estava com um contingente de 11.597 cavaleiros, 1.418 infantes, 387 metralhadoras e 72 canhões de campanha.[2]

Referências

  1. Johann Jarymowycz, Roman (2008). Cavalry from Hoof to Track (em inglês). [S.l.]: Greenwood Publishing Group. p. 154. 276 páginas. ISBN 9780275987268. Consultado em 22 de Dezembro de 2015 
  2. ZAMOYSKI, Adam. Varsóvia 1920. Record, Rio de Janeiro, 2013, p.152

Ligação externaEditar