20th Century Animation

20th Century Animation, Inc.[1] (originalmente Fox Family Films, Fox Animation Studios e 20th Century Fox Animation) é um estúdio de produção de animação e uma divisão do Walt Disney Studios. Originalmente formado em 1994 como uma subsidiária da 20th Century Fox (atualmente 20th Century Studios), o estúdio está localizado em Century City, Los Angeles, e produz longas-metragens.[2] Blue Sky Studios, a unidade principal da 20th Century Animation, foi fechada em 7 de abril de 2021.[3]

20th Century Animation
Divisão
Atividade Animação tradicional
Animação digital
Filmes
Fundação Fevereiro de 1994
Sede Century City, Los Angeles, Califórnia, Estados Unidos
Pessoas-chave Robert Baird (copresidente)
Produtos Filmes de animação digital
Empresa-mãe Walt Disney Studios
Antecessora(s) Fox Family Films (1994–1998)
Fox Animation Studios (1998)
20th Century Fox Animation (1998–2020)

OrigensEditar

Antes da 20th Century Fox iniciar sua divisão de animação, a Fox lançou seus primeiros sete filmes de animação, como Hugo the Hippo (1975), Wizards, Raggedy Ann & Andy: A Musical Adventure (1977), Fire and Ice (1983), FernGully: As Aventuras de Zak e Crysta na Floresta Tropical (1992) com Interscope Communications[4], Era Uma Vez na Floresta (1993) e Pagemaster - O Mestre da Fantasia (1994).

Em maio de 1993, a Fox assinou um contrato inicial de dois anos com a Nickelodeon para filmes familiares.[5] O acordo incluiria principalmente material original, embora um executivo da Nickelodeon não tenha descartado a possibilidade de fazer filmes baseados em The Ren & Stimpy Show, Rugrats e Doug.[6] No entanto, nenhum filme saiu do acordo devido à aquisição da Paramount Pictures em 1994 pela empresa-mãe da Nickelodeon, a Viacom, e eles distribuíram os projetos de filmes em seu lugar.[7]

HistóriaEditar

A divisão começou inicialmente em fevereiro de 1994 como Fox Family Films, como uma das quatro divisões de filmes da 20th Century Fox sob o comando do executivo John Matoian. A divisão foi planejada para produzir seis longas-metragens por ano como parte de um plano para produzir mais filmes por ano no geral.[5] O vice-presidente sênior de produção da Fox, Chris Meledandri, foi transferido para a unidade como vice-presidente executivo em março de 1994, após ter sido contratado no ano anterior.[8] Na semana de 6 de maio de 1994, a Fox Family anunciou a contratação de Don Bluth e Gary Goldman para um novo estúdio de animação de US$ 100 milhões que começou a construção naquele ano em Phoenix, Arizona. Em três anos, o estúdio de animação produziria e lançaria seu primeiro filme, Anastasia (1997).[2] Em setembro de 1994, Matoian foi promovido por Rupert Murdoch para chefiar a rede Fox. Meledandri foi selecionado para chefiar a unidade em 1994.[9]

Produziu filmes em live-action como Power Rangers: O Filme (1995), Dunston Checks In (1996) e Esqueceram de Mim 3 (1997). Em agosto de 1997, a Fox Family diminuiu o número de filmes em live-action.[2]

20th Century Fox AnimationEditar

Em 1998, após o sucesso de Anastasia, a divisão foi renomeada para Fox Animation Studios, voltando a se concentrar em filmes de animação, incluindo stop motion, mídia mista e produção digital. Filmes em live-action da divisão em desenvolvimento na época incluía Marvel Comics' Silver Surfer, a paródia de filmes-catástrofe Disaster Área, Fantastic Voyage[2] e Goosebumps. Para Sempre Cinderela (1998), uma adaptação de Cinderela, foi o último filme em live-action da divisão.[2] Neste momento, havia vários filmes de animação na lista de desenvolvimento da empresa: Dark Town com Henry Selick, Chris Columbus e Sam Hamm, Santa Calls na Blue Sky, e projetos de Matt Groening, Steve Oedekerk e Joss Whedon. O estúdio Phoenix na época estava produzindo Planet Ice esperado em 1999 e dirigido pelos produtores/diretores Don Bluth e Gary Goldman de Art Vitello e Anastasia e o projeto então a ser anunciado em breve.[10] Chris Meledandri foi então nomeado presidente da divisão[2] [11], que era conhecido em 1999 como 20th Century Fox Animation. A única série de televisão que o estúdio Phoenix produziu foi Adventures from the Book of Virtues, que foi uma co-produção entre Fox Animation Studios e PorchLight Entertainment; essa série ia ao ar no canal PBS entre 1996 e dezembro de 2000.[12] [13]

O vice-presidente de produção física da 20th Century Fox Animation, Chuck Richardson, foi enviado no início de dezembro de 1999 para a subsidiária da Fox, Blue Sky Studios, como gerente geral e vice-presidente sênior. Richardson foi enviado para preparar Blue Sky para a produção de filmes de animação.[14]

O estúdio de Phoenix, que manteve o nome Fox Animation Studios, dispensou 2/3 de sua força de trabalho em fevereiro de 2000 antes de seu fechamento no final de junho daquele ano, dez dias após o lançamento de Titan e seis meses antes de Adventures from the Book of Virtues ter o seu último episódio exibido. A Fox Animation procurou produzir filmes na Blue Sky e em sua sede em Los Angeles.[15]

Em janeiro de 2007, Meledandri foi para a Universal Pictures para estabelecer a Illumination, com Vanessa Morrison como sua substituta, enquanto respondia ao recém-nomeado vice-presidente do 20th Century Fox Film Group, Hutch Parker. Morrison saiu da divisão de live-action, onde supervisionava filmes familiares como vice-presidente sênior de produção.[16] Morrision estava fazendo um acordo com produtores externos, como a adaptação em stop motion de O Fantástico Sr. Raposo, de Roald Dahl.[17]

Em setembro de 2017, a Locksmith Animation fechou um contrato de produção de vários anos com a 20th Century Fox, com a Fox distribuindo os filmes da Locksmith, e com o objetivo de Locksmith lançar um filme a cada 12 a 18 meses. O acordo era para reforçar a produção da Blue Sky e substituir a perda de distribuição dos filmes da DreamWorks Animation, que agora pertencem e são distribuídos pela Universal Pictures.[18]

Em 30 de outubro de 2017, Morrison foi nomeado presidente de uma divisão recém-criada da 20th Century Fox, a Fox Family, que tinha um mandato semelhante a esta empresa quando era chamada de Fox Family Films.[19] Andrea Miloro e Robert Baird foram nomeados co-presidente da Fox Animation no mesmo dia e também teriam a supervisão direta da Blue Sky e supervisionariam o acordo da Locksmith Animation e desenvolveriam a Fox Animation com outras parcerias e acordos com produtores.[20]

Era DisneyEditar

Em 18 de outubro de 2018, foi anunciado que a 20th Century Fox Animation seria adicionada junto com a 20th Century Fox ao Walt Disney Studios após sua aquisição da 21st Century Fox, com os co-presidentes Andrea Miloro e Robert Baird mantendo a liderança enquanto se reportavam ao presidente do Walt Disney Studios, Alan Horn e a vice-presidente da Twentieth Century Fox, Emma Watts.[21]

Em 21 de março de 2019, a Disney anunciou que o selo 20th Century Fox Animation (incluindo a Blue Sky Studios) seriam integrados como novas unidades dentro do Walt Disney Studios com os co-presidentes Andrea Miloro e Robert Baird continuando a liderar o estúdio reportando-se diretamente a Alan Horn.[22] Miloro deixou o cargo de copresidente no final de julho de 2019.[23] Em agosto de 2019, o chefe da Walt Disney Animation Studios, Andrew Millstein, foi nomeado copresidente da Blue Sky para operações do dia-a-dia ao lado de Baird, enquanto o presidente da Pixar Animation Studios, Jim Morris, também assumiria uma função de supervisão com Millstein.[24] Com a aquisição da Disney, o acordo da Locksmith trocou a 20th Century Fox pela Warner Bros. em outubro de 2019, exceto pelo primeiro e único filme do acordo, Ron's Gone Wrong.[25]

Em 28 de janeiro de 2020, a Disney retirou o nome "Fox" das duas unidades principais do estúdio de cinema adquiridas da 21st Century Fox, enquanto não houve menção de mudanças em outras unidades de longa-metragem menores.[26]

Em 9 de fevereiro de 2021, a Disney anunciou que estava fechando o Blue Sky Studios em abril de 2021, a unidade principal da 20th Century Animation.[3] [27]

FilmografiaEditar

Fox Family FilmsEditar

Fox Animation StudiosEditar

De 1994-2000, a Fox operou Fox Animation Studios, um estúdio de animação tradicional que foi fundado para competir com a Walt Disney Animation Studios, que estava tendo grande sucesso com filmes como A Pequena Sereia (1989), A Bela e a Fera (1991), Aladdin (1992) e O Rei Leão (1994). O estúdio Fox, no entanto, não foi tão bem-sucedido. Seu primeiro longa-metragem, Anastasia, arrecadou quase US$ 140 milhões na bilheteria mundial com um orçamento de US$ 53 milhões em 1997[28], mas seu próximo longa-metragem, Titan, foi uma grande perda financeira, perdendo US$ 100 milhões para a 20th Century Fox em 2000.[29] A falta de sucesso de bilheteria, juntamente com o aumento da animação digital, levou a Fox a fechar o estúdio.

Blue Sky StudiosEditar

De 1997 a 2021, a Fox foi proprietária da Blue Sky Studios, uma empresa de animação digital conhecida pela franquia de A Era do Gelo.[30] A Fox teve muito mais sucesso com este estúdio, e as receitas de bilheteria de seus filmes eram competitivas com as da Pixar e DreamWorks Animation. Em 21 de março de 2019, a Blue Sky Studios foi integrado como uma unidade separada dentro do Walt Disney Studios, mas eles ainda se reportarão aos presidentes da Fox Animation, Andrea Miloro e Robert Baird.[22] [31] Em fevereiro de 2021, a Disney anunciou que a Blue Sky fecharia em abril de 2021.[3] [27]

Eles lançaram treze longas-metragens, vários curtas-metragens e especiais de televisão. Os filmes incluem:

# Título Data de lançamento Distribuidor Orçamento Bilheteria Rotten Tomatoes Metacritic
1 A Era do Gelo 15 de março de 2002 20th Century Fox US$ 59 milhões US$ 383 milhões 77% 60
2 Robôs 11 de março de 2005 US$ 75 milhões US$ 260 milhões 64% 64
3 A Era do Gelo 2 31 de março de 2006 US$ 80 milhões US$ 660 milhões 57% 58
4 Horton e o Mundo dos Quem 14 de março de 2008 US$ 85 milhões US$ 297 milhões 79% 71
5 A Era do Gelo 3 1 de julho de 2009 US$ 90 milhões US$ 886 milhões 46% 50
6 Rio 15 de abril de 2011 US$ 90 milhões US$ 484 milhões 72% 63
7 A Era do Gelo 4 13 de julho de 2012 US$ 95 milhões US$ 877 milhões 38% 49
8 Reino Escondido 24 de maio de 2013 US$ 93 milhões US$ 268 milhões 64% 52
9 Rio 2 11 de abril de 2014 US$ 103 milhões US$ 500 milhões 46% 49
10 Snoopy e Charlie Brown: Peanuts, O Filme 6 de novembro de 2015 US$ 99 milhões US$ 246 milhões 87% 67
11 A Era do Gelo: O Big Bang 22 de julho de 2016 US$ 105 milhões US$ 408 milhões 17% 34
12 O Touro Ferdinando 15 de dezembro de 2017 US$ 111 milhões US$ 296 milhões 72% 58
13 Um Espião Animal 25 de dezembro de 2019 US$ 100 milhões US$ 171 milhões 76% 51

CoproduçõesEditar

Título Data de lançamento Coprodução com Distribuidor Orçamento Bilheteria Rotten Tomatoes Metacritic
Os Simpsons: O Filme 27 de julho de 2007 Gracie Films

Film Roman

Rough Draft Feature Animation

20th Century Fox US$ 75 milhões US$ 527,1 milhões 88% 80
O Fantástico Sr. Raposo 13 de novembro de 2009 American Empirical Pictures

Indian Paintbrush

Regency Enterprises

US$ 40 milhões US$ 46,5 milhões 92% 83
Festa no Céu 17 de outubro de 2014 Reel FX Animation Studios US$ 50 milhões US$ 99,8 milhões 82% 67
Ron Bugado[32] [33] 22 de outubro de 2021 TSG Entertainment

Locksmith Animation

20th Century Studios TBA TBA TBA TBA
Futuros filmes
The Bob's Burgers Movie[34] [33] 27 de maio de 2022 Bento Box Entertainment 20th Century Studios TBA TBA TBA TBA

OutrosEditar

Referências

  1. «C4551182 - 20th Century Animation, Inc». California Business Search. 28 de janeiro de 2020. Consultado em 18 de agosto de 2021 
  2. a b c d e f g Petrikin, Chris; Petrikin, Chris (19 de fevereiro de 1998). «Fox renamed that toon». Variety (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  3. a b c «Disney Closing Down Blue Sky Studios, Creators Of 'Ice Age' – Deadline». web.archive.org. 9 de fevereiro de 2021. Consultado em 18 de agosto de 2021 
  4. a b «FernGully 2: The Magical Rescue - Getting the Money on the Screen». web.archive.org. 26 de fevereiro de 2002. Consultado em 18 de agosto de 2021 
  5. a b O'Steen, Kathleen; O'Steen, Kathleen (1 de março de 1994). «Matoian firmed at Fox family unit». Variety (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  6. «Toledo Blade - Google News Archive Search». news.google.com. Consultado em 18 de agosto de 2021 
  7. Johnson, Ian. «Viacom captures Paramount». baltimoresun.com (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  8. O'Steen, Kathleen; O'Steen, Kathleen (28 de março de 1994). «Meledandri joins Fox family film wing». Variety (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  9. Lang, Brent; Lang, Brent (6 de novembro de 2018). «How Chris Meledandri Became the Most Powerful Man in Animation». Variety (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  10. «Animation World News - Business». www.awn.com. Consultado em 18 de agosto de 2021 
  11. Team, The Deadline; Team, The Deadline (28 de outubro de 2013). «Chris Meledandri To Receive PGA's 2014 Visionary Award». Deadline (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  12. «TV's Fall Animation Lineup». www.awn.com. Consultado em 18 de agosto de 2021 
  13. «PBS Special Report: Program profiles: Adventures From the Book of Virtues » Kidscreen». web.archive.org. 20 de abril de 2014. Consultado em 18 de agosto de 2021 
  14. Lyons, Charles; Lyons, Charles (9 de dezembro de 1999). «Blue Sky for Richardson». Variety (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  15. a b Facebook; Twitter; options, Show more sharing; Facebook; Twitter; LinkedIn; Email; URLCopied!, Copy Link; Print (29 de junho de 2000). «20th Century Fox Closes Its Phoenix Animation Studio». Los Angeles Times (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  16. LaPorte, Nicole; LaPorte, Nicole (30 de janeiro de 2007). «Fox's big toon-up». Variety (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  17. Debruge, Peter; Debruge, Peter (30 de julho de 2008). «Vanessa Morrison». Variety (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  18. Lang, Brent; Lang, Brent (20 de setembro de 2017). «Fox, Locksmith Animation Ink Multi-Year Production, Development Deal (EXCLUSIVE)». Variety (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  19. Lang, Brent; Lang, Brent (30 de outubro de 2017). «Vanessa Morrison Named Head of Fox Family in Animation Division Overhaul». Variety (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  20. Kilday, Gregg; Kilday, Gregg (30 de outubro de 2017). «Fox Animation Names Andrea Miloro, Robert Baird Co-Presidents». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  21. D'Alessandro, Anthony; D'Alessandro, Anthony (18 de outubro de 2018). «Disney Finalizes Film Studio Brass Under Alan Horn: Emma Watts Confirmed To Run Fox». Deadline (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  22. a b Hipes, Patrick; Hipes, Patrick (22 de março de 2019). «After Trying Day, Disney Sets Film Leadership Lineup». Deadline (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  23. Lang, Brent; Lang, Brent (25 de julho de 2019). «Andrea Miloro Out as Fox Animation Co-President». Variety (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  24. Lang, Brent; Lang, Brent (9 de agosto de 2019). «Disney Taps Andrew Millstein, Clark Spencer for Top Animation Posts». Variety (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  25. Clarke, Stewart; Clarke, Stewart (31 de outubro de 2019). «Warner Signs Multi-Picture Deal With Elisabeth Murdoch's Locksmith Animation». Variety (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  26. Vary, Adam B.; Vary, Adam B. (17 de janeiro de 2020). «Disney Drops Fox Name, Will Rebrand as 20th Century Studios, Searchlight Pictures». Variety (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  27. a b «Disney to Shutter 'Ice Age' Animation Studio Blue Sky». The Hollywood Reporter. 9 de fevereiro de 2021. Consultado em 18 de agosto de 2021 
  28. «Anastasia». Box Office Mojo. Consultado em 18 de agosto de 2021 
  29. Palmeri, Christopher (19 de setembro de 2013). «Despicable Me 2 Producer Knows How to Win the Box Office». Bloomberg. Consultado em 18 de agosto de 2021 
  30. Staff, Variety; Staff, Variety (28 de agosto de 1997). «Imaginative Pix takes interest in Blue Sky». Variety (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  31. Williams, Trey (22 de março de 2019). «Disney Keeps Key Leaders in Place After Day of Layoffs at Fox». TheWrap (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  32. a b D'Alessandro, Anthony; D'Alessandro, Anthony (12 de outubro de 2017). «'Gambit' Starring Channing Tatum Will Open Valentine's Day 2019». Deadline (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  33. a b Bob's Burgers Movie, The King's Man Get Disney Film Delays - IGN (em inglês), consultado em 18 de agosto de 2021 
  34. Whitten, Sarah (3 de abril de 2020). «Disney sets new dates for 'Mulan,' 'Black Widow,' 'Jungle Cruise' and more». CNBC (em inglês). Consultado em 18 de agosto de 2021 
  35. «A feast of holiday specials». old.post-gazette.com. Consultado em 18 de agosto de 2021 
  36. Wes Anderson to Direct Stop-Motion Animated Film About Dogs - IGN (em inglês), consultado em 18 de agosto de 2021