9K720 Iskander

O 9K720 Iskander (Russo: «Искандер») é um sistema móvel de mísseis balísticos de curto alcance produzido e implantado pelas Forças Armadas da Rússia. Os sistemas de mísseis (Искандер-М) foram projetados para substituir os obsoletos sistemas OTR-21 Tochka, ainda em uso pelos militares russos.[2] O Iskander tem várias ogivas convencionais diferentes, incluindo uma ogiva de bombas de fragmentação, uma ogiva de explosão explosiva de combustível-ar, uma ogiva de alta fragmentação explosiva, um penetrador de terra para o rebentamento de bunkers e um dispositivo de pulso eletromagnético para missões anti-radar. O míssil também pode transportar ogivas nucleares.[3] Em setembro de 2017, a projetista geral da KB Mashinostroyeniya (KBM) Valery M. Kashin disse que havia pelo menos sete tipos de mísseis (e "talvez mais") para Iskander, incluindo um míssil de cruzeiro.[4]

9K720 Iskander
(OTAN: SS-26 Stone)
Army2016demo-075.jpg
Tipo Míssil balístico de curto alcance
Local de origem  Rússia
História operacional
Em serviço 2006-presente
Utilizadores  Armênia
 Argélia
 Rússia
Guerras Guerra Russo-Georgiana
Guerra Civil Síria
Guerra no Alto Carabaque (2020)
Invasão da Ucrânia pela Rússia em 2022
Histórico de produção
Fabricante Votkinsk Plant State Production Association (Votkinsk) – mísseis

Production Association Barricades (Volgograd) – Equipamento Terrestre KBM (Kolomna) – Desenvolvimento do sistema

Custo unitário $ 3 millhões[1]
Variantes Iskander-M
Iskander-K
Iskander-E
Especificações
Peso 3,800 kg (8,400 lb)
Comprimento 7.3 m (24 ft)
Diâmetro 0.92 m (3 ft 0 in)
Velocidade de saída 2,000 m/s (Mach 5.9)
(Mach.6-7 Iskander-M)
Alcance máximo 50 km (31 mi)-400–500 km (250–310 mi) Iskander-M
Ogiva Bomba de hidrogénio
Arma termobárica
Bomba de fragmentação
Peso da ogiva 480–700 kg (1,060–1,540 lb)
Propelente Foguete de combustível sólido
Velocidade 2,000 m/s (Mach 5.9)
(Mach.6-7 Iskander-M)
Precisão 5–7 m (Iskander-M)
Plataforma de
lançamento
Transportador-eretor-lançador

VariantesEditar

 
O disparo de um Iskander-M.

Iskander-MEditar

Variante para as Forças Armadas russas com dois mísseis quase balísticos 9M723 com alcance publicado de 415 km, rumores de 500 km. Velocidade Mach 6-7, altitude de vôo de até 6-50 km, míssil furtivo com capacidade nuclear, controlado em todos os estágios, não pista de vôo balística. Imediatamente após o lançamento e ao se aproximar do alvo, o míssil realiza manobras intensivas para escapar dos mísseis antibalísticos.[5] O míssil também manobra constantemente durante o vôo. O Iskander-M russo viaja a uma velocidade hipersônica de 2100-2600 m/s (Mach 6-7) e a uma altitude de 50 km. O Iskander-M pesa 4.615 kg, carrega uma ogiva de 710-800 kg, tem um alcance de 500 km e atinge um erro circular provável (CEP) de 5-7 metros (quando acoplado a um cabeçote porta-óptico; 30-70 m em aplicação autônoma.

Iskander-KEditar

"K" de Krylataya ("Alado"). Variante destinada ao transporte de vários tipos de mísseis de cruzeiro. No momento, ela inclui:

  • 9M728 (SSC-X-7) também conhecido como R-500 - altitude de vôo até 6 km, alcance publicado até 500 km[69] embora possa ser maior[carece de fontes?] e ajuste automático no caminho, acompanhamento do relevo do terreno em vôo O míssil evoluiu dos mísseis 3M10, 3M54/3M14 e Kh-101/102 e pode ser lançado também pelo Iskander-M.[carece de fontes?].
  • 9M729 (SSC-X-8) - novo míssil de longo alcance que é supostamente uma versão terrestre do complexo de mísseis 3M14 Caliber-NK com alcance entre 300-3.400 milhas (480-5.470 km) e pode ser baseado mesmo no míssil de cruzeiro Kh-101 lançado a ar com alcance superior a 5.500 km (3.400 milhas) De acordo com a RF, seu alcance é de apenas 480 km e seu lançador autopropulsado especialmente desenvolvido pode transportar 4 mísseis. O míssil 9M729 tem uma ogiva de maior rendimento e um novo sistema de controle para maior precisão. A maioria das peças e componentes dos mísseis 9M728 e 9M729 são idênticos.

Iskander-EEditar

"E" de Eksport. O diretor da corporação estatal Rostec Sergey Chemezov disse:

"o complexo de mísseis Iskander-E é uma arma ofensiva séria capaz de carregar uma ogiva nuclear. Este sistema de mísseis balísticos está na lista militar de produtos proibidos para exportação"

O complexo de mísseis Iskander não pode ser exportado.[6]

OperadoresEditar

  •   Rússia – 148 unidades (12 brigadas de foguete com 12 unidades cada, e uma unidade com 4 unidades em Kapustin Yar).[7]
  •   Armênia – 25 Unidades[8] Vários sistemas foram exibidos no ensaio do Dia da Independência, em setembro de 2016. Dois gerentes do complexo militar-industrial russo Rosoboronexport confirmaram que quatro sistemas 9K720 Iskander foram entregues à Armênia por acordo de armas da CSTO, tornando assim a Armênia, um país em união militar com a Rússia, o primeiro estado estrangeiro a ter o sistema de mísseis.[9]
  •   Argélia – 4 regimentos (48 lançadores). Durante a exposição Dubai Airshow 2017, representantes do Serviço Federal de Cooperação Militar-Técnica confirmaram oficialmente que o sistema de mísseis Iskander-E foi entregue a um dos países da região do Oriente Médio e do Norte da África.[10]

Referências

  1. Landa, Volodymyr; Gnenny, Konstantin. «Over the weekend, Russia launched missiles worth about $200 million over Ukraine., Росія за вихідні випустила по Україні ракет вартістю близько $200 млн.» (em ucraniano). Forbes. Consultado em 19 de setembro de 2022 
  2. «Минобороны пообещало полностью оснастить ракетные войска «Искандерами»». РБК (em russo). Consultado em 15 de novembro de 2021 
  3. «Iskander / SS-26». www.globalsecurity.org. Consultado em 15 de novembro de 2021 
  4. «Ракетный комплекс "Искандер-М" получил новые типы ракет». ТАСС. Consultado em 15 de novembro de 2021 
  5. «Почему ОТРК «Искандер» так пугает наших соседей». expert.ru. Consultado em 15 de novembro de 2021 
  6. «Чемезов: ракетные комплексы "Искандер" не пойдут на экспорт». ТАСС. Consultado em 15 de novembro de 2021 
  7. «Комплекс 9К720 Искандер - SS-26 STONE - Структура комплекса и хронология | MilitaryRussia.Ru — отечественная военная техника (после 1945г.)». militaryrussia.ru. Consultado em 15 de novembro de 2021 
  8. «Armenia will receive weapons from Russia under a $100 million loan | March 2018 Global Defense Security army news industry | Defense Security global news industry army 2018 | Archive News year». www.armyrecognition.com. Consultado em 15 de novembro de 2021 
  9. «СМИ: Армения получила российские комплексы «Искандер-М»». ВЗГЛЯД.РУ (em russo). Consultado em 15 de novembro de 2021 
  10. «Россия поставила ОТРК "Искандер-Э" в одну из стран Северной Африки». РИА Новости (em russo). 15 de novembro de 2017. Consultado em 15 de novembro de 2021