Abrir menu principal
Ação Games
País Brasil
Idioma Português
Formato Semanal
Mensal
Primeira edição Outubro de 1992
Última edição Janeiro de 2002

Ação Games foi uma revista brasileira especializada em jogos para jogos eletrônicos que circulou entre 1991 e 2002.

HistóricoEditar

Lançada como um especial da revista esportiva A Semana em Ação, que substituiu Placar na Editora Abril em agosto de 1990, teve sua primeira edição em dezembro de 1990, sob o título de A Semana em Ação: Especial Games.[1] Como as palavras em maior destaque no título eram "Ação" e "Games", a revista logo passou a ser chamada de Ação Games. Houve ainda uma segunda edição, em março de 1991, mas a "revista-mãe" não durou muito, sendo extinta no primeiro semestre daquele ano. No entanto, o especial sobre games teve seu título comprado pela Editora Azul, que passou a editá-lo como revista mensal a partir de outubro de 1991, com o título de Ação Games. Foi criada por, entre outras pessoas, Marcelo Duarte, jornalista da ESPN Brasil e que hoje comanda o programa de vídeo games Game Up, da mesma emissora.[2]

Com notícias sobre lançamentos e dicas de como passar de fases em vários jogos, a revista cresceu por cerca de dois anos, junto com o mercado de jogos eletrônicos no Brasil, e chegou a ser publicada na Argentina com o nome de Action Games.[2] Quando a linha editorial começou a privilegiar um fabricante em detrimento de outros, a qualidade começou a ser questionada. A concorrência agressiva só acentuou essa situação, ainda mais quando, em 1994, as revistas Super Game e Game Power se fundiram pela Editora Nova Cultural e mudaram o cenário do mercado.[2]

O surgimento da Internet e as alterações em rápida sucessão do perfil da revista, que culminaram na criação do Frango (personagem criado pelos redatores, que sempre respondia às cartas dos leitores de forma grosseira e falava mal da própria revista) em agosto de 2000 (ed. 154), também contribuíram para que a revista fosse perdendo espaço até fechar de vez, em janeiro de 2002, na edição de número 171.[3] De acordo com o último editorial, a revista deixaria de ser mensal e seria lançada como especiais sem periodicidade. Somente duas dessas edições foram lançadas, ambas em 2003.[carece de fontes?]

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Revista Ação Games». muzeez.com.br. 10 de dezembro de 2016. Consultado em 12 de julho de 2019 
  2. a b c «Entrevista sobre a revista Ação Games». TV UOL. Consultado em 12 de julho de 2019 
  3. «AÇÃO GAMES». gameads.com.br. Consultado em 12 de julho de 2019. Cópia arquivada em 7 de fevereiro de 2019 
  Este artigo sobre uma revista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.