AKB48

grupo feminino japonês
AKB48
AKB48 se apresentando no Teatro Nokia em Los Angeles, julho de 2010.
Informação geral
Também conhecido(a) como Rainhas do Japão[1]
Origem Akihabara, Tóquio
País Japão
Gênero(s)
Período em atividade 2005 - presente
Gravadora(s)
Afiliação(ões)
Integrantes Veja Lista de membros de AKB48
Ex-integrantes Veja Lista de ex-membros de AKB48
Página oficial www.akb48.co.jp

AKB48 (エーケービー フォーティエイト Ēkēbī fōtieito?) é um grupo feminino ídolo japonês nomeado em homenagem ao bairro de Akihabara em Tóquio, onde o teatro da banda está localizado. O grupo chegou a ter um total de 134 membros em dezembro de 2018,[5] com idades entre o início da adolescência aos 20 anos.[6][7] O produtor Yasushi Akimoto queria formar um girl group com seu próprio teatro (ao contrário da maioria dos grupos pop que realizam concertos e são vistos na televisão ocasionalmente) e se apresentando diariamente para que os fãs pudessem sempre vê-las ao vivo.[8] Esse conceito de "ídolos que você pode conhecer" inclui times[9] que podem alternar e executar performances simultaneamente em vários festivais[10] e eventos de "handshake", onde os fãs podem conversar com membros.[8] Akimoto expandiu este conceito para vários grupos irmãos no próprio Japão, na China, Indonésia, Tailândia,[11] Taiwan, Filipinas,[12] Vietnã[13] e Índia.[14][15][16]

O grupo é um dos mais bem sucedidos do Japão. Em 2012, suas vendas atingiram US$ 226 milhões,[17][18] e tem sido caracterizado como um fenômeno social.[19] Em junho de 2018, vendeu mais de 56 milhões de registros,[20] incluindo mais de 6 milhões de álbuns.[20] O AKB48 também é o grupo musical mais comercializado no Japão em termos de vendas de singles.[21][20] Dos seus trinta e cinco singles mais recentes, a banda liderou o Oricon Weekly Singles Chart, com trinta singles vendendo mais de um milhão de cópias cada.[20] Seu single mais comercializado, "Teacher Teacher", vendeu mais de 3 milhões em 2018, de acordo com a Billboard / Soundscan.[22] Em 2010, "Beginner" e "Heavy Rotation" ficaram em primeiro e segundo lugar, respectivamente, na lista dos singles mais vendidos do Japão para o ano.[23] De 2011 a 2017, os singles do AKB48 sempre ocuparam os quatro ou cinco primeiros lugares da Oricon Yearly Singles Chart.

ConceitoEditar

 
Teatro AKB48 em Akihabara, Tóquio

O AKB48 foi fundado com o conceito de "ídolos que você pode conhecer".[24] O principal produtor do grupo, Yasushi Akimoto disse que seu objetivo era criar um grupo ídolo único que, ao contrário de outros grupos que realizam concertos ocasionais e aparecem principalmente na televisão, se apresentaria regularmente em seu próprio teatro.[25][26] O Teatro AKB48 fica na loja Don Quijote em Akihabara, Tóquio.[27]

É subdividido em várias equipes, reduzindo a carga de trabalho de seus membros (já que o desempenho quase diário do teatro é de apenas uma equipe) e permitindo que o AKB48 seja executado simultaneamente em vários lugares.[28] Segundo a ex-integrante Misaki Iwasa, cada equipe tem seu próprio conceito. O time A representa a liberdade; O Time B é um ídolo com roupas fofas, e o Time K tem uma imagem forte e poderosa.[29] De acordo com um comunicado antecipado a imprensa, o grupo pretendia ter 16 membros em cada uma das três equipes, para uma adesão total de 48;[9][30][31][32] mas a sua adesão variou ao longo do tempo,[18] e ultrapassou 120 pessoas.[5] Novos membros são chamados de aprendizes (研究生 kenkyūsei?) que são substitutos no grupo, atuando ocasionalmente no teatro como uma equipe.

As idades dos membros do grupo variam desde o início da adolescência até mais de 20 anos,[6][7] e são selecionados a partir de audições regulares.[18] As integrantes não têm permissão para namorar e devem ser bastante comportadas;[33] qualquer violação dessas restrições deve ser punida,[34] possivelmente com expulsão do grupo.[35] O AKB48 tem um sistema que permite que os membros "se graduem" do grupo quando estão mais velhos e são substituídos por aprendizes que são promovidos. Monica Hesse do The Washington Post descreveu o processo de audição do AKB48 como "rolando American Idol-esque".[18]

HistóriaEditar

2005–2006: Criação e lançamentos independentesEditar

 
AKB48 se preparando para sua estréia em 26 de março de 2006

Em julho de 2005, Yasushi Akimoto realizou uma audição para um novo grupo de ídolos.[36] Das 7.924 que fizeram o teste, 24 foram escolhidas como membros do grupo da primeira geração.[36] Em 8 de dezembro, 20 membros debutaram como Time A no Teatro AKB48[37] tocando "Party ga Hajimaru yo" (PARTY が始まるよ?)[38] para uma audiência de sete pessoas; a participação aumentou rapidamente.[39][36] Em janeiro de 2006, a garçonete do café que leva o mesmo nome do grupo, Mariko Shinoda, juntou-se ao Time A como membro de "geração 1.5" quando sua popularidade com os clientes levou Akimoto a fazer uma audição especial para ela.[40][41]

A segunda audição do grupo foi realizada em cooperação com a empresa de telecomunicações NTT DoCoMo em fevereiro de 2006, com as candidatas enviando vídeos para a audição por telefones celulares.[36][42] Das 11.892 inscritas, 19 foram selecionadas e 18 se juntaram ao AKB48 como Time K em abril.[43] O Time K performou "Party ga Hajimaru yo" e o Time A mudou para um novo single, Aitakatta.[44]

O AKB48 lançou seu primeiro single independente, "Sakura no Hanabiratachi", em fevereiro de 2006. Ele entrou no Top 10 semanal da Oricon, com vendas na primeira semana de 22.011 (uma raridade para um grupo de gravadoras independentes).[45] Em 31 de março, Yuki Usami tornou-se a primeira integrante a se "graduar" do grupo.[46] Em 7 de junho, o AKB48 lançou seu segundo single independente, "Skirt, Hirari", que vendeu 13.349 cópias em seu primeiro dia.[47] O grupo fez sua primeira aparição na televisão dois dias depois,[43] e assinou um contrato com a DefStar Records (subsidiária da Sony Music Entertainment) em agosto.[48]

2006–2007: Set List: Greatest Songs 2006–2007Editar

Em outubro de 2006, o AKB48 anunciou audições para o Time B[49] e 13 garotas foram escolhidas entre 12.828 candidatos em dezembro.[50] O primeiro single do grupo sob o selo DefStar Records, "Aitakatta", foi gravado por 20 membros das equipes A e K e lançado em 25 de outubro.[51] Ele estreou no número 12 na parada semanal de singles da Oricon, vendendo 25.544 cópias em suas primeiras seis semanas,[52] e permaneceu no gráfico por um total de 65 semanas.[53] Nos dias 3 e 4 de novembro, o AKB48 realizou seu primeiro show, "AKB48 First Concert: Aitakatta ~ Hashira wa Nai ze! ~" No Nippon Seinenkan em Shinjuku.[43] O grupo tocou "Aitakatta" no programa de TV 58th NHK Kōhaku Uta Gassen na véspera de ano novo como parte do "Nihon ga Hokoru Saisentan! Special Medley".[43] Com 43 membros, o grupo estabeleceu um recorde do programa para o maior numero de pessoas em um grupo no palco simultaneamente.[43] O AKB48 fez sua primeira mudança na formação em dezembro, transferindo Kazumi Urano, Shiho Watanabe e Natsumi Hirajima do Time A para o Time B como membros de apoio.[43]

O segundo single major do AKB48, "Seifuku ga Jama o Suru", foi lançado em 31 de janeiro de 2007[54] e estreou em 7º lugar no Top 10 da Oricon.[55] Seu videoclipe e letras sugeriam o tema enjo kōsai (encontros compensados, remotamente relacionados a serviços de acompanhantes fora do Japão), provocando polêmica e críticas negativas.[56] Em 18 de março, o AKB48 lançou "Keibetsu Shiteita Aijō"; estreando na posição 8ª no gráfico da Oricon, e caiu para o número 98 em sua segunda semana.[57] O segundo show do grupo, "AKB48 Haru no Chotto dake Zenkoku Tour ~ Madamada daze AKB48! ~" em 10 de março,[58] teve vendas baixas de ingressos.[59]

Em abril de 2007, o AKB48 publicou sua lista do Time B em seu site, com cinco membros a menos que o anunciado anteriormente;[43] pela primeira vez, o número de integrantes era 48. O quarto single do grupo, "Bingo!" foi lançado em 18 de julho.[60] O sexto single de AKB48, "Yūhi o Miteiru ka?" foi lançado no Halloween de 2007 e vendeu 18.429 cópias[61] (o menor de todos os singles do grupo).

2008–2010: KamikyokutachiEditar

AKB48 ao vivo na Japan Expo 2009 em Paris.

No ano novo de 2008, ele lançou seu primeiro álbum: Set List: Greatest Songs 2006-2007, uma coletânea de singles do grupo e músicas ao vivo. O sétimo single da gravadora (seu nono no geral), "Romance, Irane", foi lançado em 23 de janeiro[62] e alcançou o sexto lugar no Top 10 da Oricon em sua primeira semana.[63]

Em 27 de fevereiro, o grupo lançou seu oitavo single major-label, "Sakura no Hanabiratachi 2008", uma reprise de seu single de estreia do Time A. Esta versão contou com dez membros do Time A, seis do Time K e cinco do Time B.[64] O CD do single incluía um pôster, e uma promoção foi planejada, na qual os fãs que coletassem todos os 44 pôsteres seriam convidados para um evento especial. A promoção foi posteriormente cancelada pela DefStar Records em meio a preocupações sobre possíveis violações das leis antitruste.[65]

Em junho de 2008, o AKB48 anunciou planos para lançar um grupo irmão, SKE48, em Sakae, Nagoya.[66] Em agosto, o grupo mudou-se da DefStar Records para a King Records. No mesmo mês, Ayaka Kikuchi foi a primeira integrante a ser demitida do grupo, por "comportamento imaturo" envolvendo uma foto purikura vazada dela com um namorado.[67][68] Kikuchi retornou ao grupo após uma audição de 2010.[69] Em 22 de outubro, o décimo single do AKB48, "Ōgoe Diamond", foi lançado pela gravadora You Be Cool!, da King Records.[70] Com a integrante do SKE48 de 11 anos, Jurina Matsui, a garota do centro e da capa do single, foi o primeiro single com um membro do grupo irmão do AKB48[71] e estreou no número três no Top 10 da Oricon.[72]

O grupo lançou seu 11º single, "10nen Sakura", em 4 de março de 2009. Também alcançando o terceiro lugar nas paradas da Oricon em sua primeira semana, foi o primeiro single do grupo a vender mais de 100.000 cópias.[73] O 12º single do grupo, "Namida Surprise!", foi lançado em 24 de junho. As promoções incluíram um ingresso para o evento e um voto para um membro em um próximo single.[74] "Namida Surprise!" vendeu 104.180 cópias em sua primeira semana nas paradas da Oricon.[75] O 13º single, "Iiwake Maybe", foi lançado em 26 de agosto.[76] O single rivalizou com o do grupo SMAP, que alcançou o número um no Oricon Daily Singles Chart[77] e o número dois no Oricon Weekly Singles Chart.[78]

O Time A do AKB48, foi convidado de honra na Japan Expo em Paris de 2 a 5 de julho de 2009, apresentando uma versão em inglês de "Ōgoe Diamond".[79] O grupo fez sua estréia nos EUA com um show no Webster Hall em Nova Iorque em 27 de setembro.[80] Em outubro, três singles ("10nen Sakura", "Namida Surprise!" e "Iiwake Maybe") foram certificados como ouro pela Associação da Indústria Fonográfica do Japão.[81] Seu 14º single, "River" (lançado em 21 de outubro)[82] estreou no topo do Top 10 semanal da Oricon e foi o primeiro número um do grupo.[82] O grupo lançou seu 15º single, "Sakura no Shiori", em 17 de fevereiro de 2010. Em sua primeira semana, o single liderou a parada da Oricon com mais de 300.000 cópias vendidas, a maior de um artista japonês em sete anos. Este foi seu último single até o lançamento de seu primeiro álbum da King Records, Kamikyokutachi, que estaria no topo da parada de álbuns da Oricon[83][84] e seria certificado de platina dupla pela RIAJ para vendas de mais de 500.000 cópias.[85]

2010–2011: Koko ni Ita KotoEditar

O 16º single, "Ponytail to Chouchou", foi lançado em 26 de maio de 2010. Suas vendas excederam as do single anterior, com mais de 400.000 cópias vendidas em seu primeiro dia e mais de 513.000 em sua primeira semana.[86] Em 27 de abril, o Anime Expo, a maior convenção de anime dos Estados Unidos, anunciou que o AKB48 seria um convidado de honra e que o grupo se apresentaria em 1 de julho no Teatro Nokia.[87] Em 23 de outubro, representou o Japão no sétimo Festival da Canção Asiática, organizado pela Fundação Coreana para o Intercâmbio Cultural Internacional, no Estádio Olímpico de Seul.[88] Quatro dias depois, o grupo lançou seu 18º single, "Beginner", que vendeu 826.989 cópias em sua primeira semana, a maior venda de um single de grupo de ídolos femininos.[89] Mayu Watanabe, apareceu na capa da edição de dezembro da revista UP to boy com Airi Suzuki, do grupo Cute, a primeira colaboração de gravure entre a Hello! Project e AKB48.[90]

 
AKB48 em Cool Japan Night, como parte do Festival de Anime de novembro de 2010 no Asia X em Singapura

Em novembro de 2010, o grupo participou de vários eventos fora do Japão. Em 20 de novembro, 12 membros se apresentaram no Festival de Cultura Pop em Moscou, bem como no fórum Cool Japan em Singapura como parte do Anime Festival Asia X, e na Convenção de Toy, Games and Comics de Cingapura.[91][92] Os graduados do grupo em 2010 incluíam a segunda geração da integrante Erena Ono, que saiu em 27 de setembro para seguir carreira no exterior.[93][94] O primeiro single de 2011, "Sakura no Ki ni Narō", foi lançado em 16 de fevereiro. Ele vendeu 655.000 cópias em seu primeiro dia, superando as vendas do primeiro dia de "Beginner" de 568.000.[95] No final de sua primeira semana, o single vendeu 942.479 cópias, as melhores e mais rápidas vendas do grupo no Japão desde 2000.[96]

Em 21 de fevereiro, anunciou seu terceiro álbum, Koko ni Ita Koto, que incluia 11 novas faixas e estava programado para ser lançado em 6 de abril.[97] Devido ao terremoto e tsunami de Tōhoku em 2011, o grupo parou suas apresentações no Teatro AKB48 e cancelou alguns de seus eventos públicos.[a] AKB48 começou o projeto "Dareka no Tame ni" (誰かのために? lit. "Pelo bem de alguém"), arrecadando doações para alívio de terremotos e tsunamis. Um de seus locais de concertos, o Yokohama Arena, foi usado para um evento de caridade de dois dias que começou em 26 de março e 12 membros participaram do Festival Internacional de Cinema de Okinawa naquele dia para o mesmo fim. Em 15 de março, foi anunciado que ¥ 500 milhões seriam doados pelo AKB48 e seus grupos irmãos SKE48, SDN48 e NMB48 e associados da AKS, sua empresa de gerenciamento.[98] O lançamento de Koko ni Ita Koto foi adiado para 8 de junho, com parte dos lucros do álbum doados para vítimas dos desastres.[99] Em 1 de abril, lançou o single de caridade "Dareka no Tame ni" no site Recochoku como download digital, e como todos, este continua destinado ao alívio do terremoto e tsunami.[100]

2011–2012: 1830mEditar

Loja AKB48 em Singapura, 2011.
Loja AKB48 em Akihabara vendendo "Everyday, Katyusha" e "Give Me Five!" em março de 2012.

Em 1 de maio, Yasushi Akimoto anunciou um novo grupo irmão: HKT48, baseado em Fukuoka, Kyushu, com seu teatro no shopping Hawks Town, na ala Chuo de Fukuoka.[101] Em 3 de maio, o The Straits Times relatou a abertura do seu primeiro teatro ultramarino em Cingapura.[102] O teatro, no Park Youth Park, receberia 16 membros do AKB48 e seus grupos irmãos para dois shows por dia, em dois dias por mês.[102] Tinha uma loja adjacente para mercadorias e um Café, servindo cozinha de fusão japonesa e sobremesas.[102]

Lançou seu 21º single, "Everyday, Katyusha", em 25 de maio. Como um "single eleitoral", ele continha cédulas para determinar quem seria o centro do próximo single do grupo[103][104] e estabeleceria registros japoneses para o primeiro single. dia (942.475 cópias)[104] e vendas na primeira semana (1.333.969 cópias).[105] Em 22 de junho, a Oricon informou que no primeiro semestre de 2011 o grupo liderou as paradas de vendas de álbuns e teve os melhores e os segundos singles mais vendidos ("Everyday, Katyusha" e "Sakura no Ki ni Narō"). Ele acumulou 6,66 bilhões de ienes em vendas de mercadorias.[106]

Em 7 de junho, antes de sua turnê nacional, foi anunciado a criação do Time 4.[107] A equipe de 16 integrantes[107] seria capitaneada por Mina Oba,[108] e a palavra "equipe" foi retirada do "Time Kenkyuusei" para as suplentes do grupo. Quatro dias depois, o grupo anunciou em um evento de aperto de mão que Aimi Eguchi, que supostamente fez o teste para o NMB48, se juntaria ao grupo como trainee. Mais tarde foi divulgado que Eguchi não era uma pessoa real, mas um conjunto de características faciais dos membros do AKB48 criadas para promover o Ice no Mi de Glico. Em 28 de junho, o produtor Yasushi Akimoto, anunciou planos para criar outro grupo como o "rival oficial" do AKB48. Nogizaka46, que iria estrear com cerca de 20 membros, e Akimoto iria se juntar à Sony Music Japan para produzi-lo.[109]

Foi lançado seu 22º single, "Flying Get", em 24 de agosto.[110] Ele vendeu 1.025.952 cópias em seu primeiro dia,[111] e se tornou o quarto single do grupo a vender mais de um milhão de cópias (1,354 milhão) em sua primeira semana.[110] Em 20 de setembro, realizou-se seu segundo torneio de pedra, papel e tesoura para determinar a formação do 24º single do grupo.[112][113] O 23º single, "Kaze wa Fuiteiru", foi lançado em 26 de outubro e vendeu 1.045.937 cópias em seu primeiro dia.[114] O próximo single, "Ue kara Mariko" (lançado em 7 de dezembro), vendeu 1.199 milhões de cópias em sua primeira semana. No final de 2011, o AKB48 liderou sete dos 16 rankings da Oricon:[115] vendas totais de um artista, cópias vendidas para um single, vendas totais para um single, vendas totais de um artista (para singles), cópias vendidas para uma música Disco Blu-ray, vendas totais de discos Blu-ray de música e vendas totais de Blu-ray por um artista.[115] O grupo estabeleceu recordes para os singles mais vendidos em um ano, o single mais vendido por um grupo feminino e um grupo feminino com maior remuneração,[115] como também venceu o Grand Prix no 53º Japan Record Awards por "Flying Get".[116]

A Oricon anunciou em 6 de janeiro de 2012 que a banda vendeu 11.787.000 cópias de seus singles em CD, superando o recorde japonês do grupo feminino Morning Musume de 11.774.000. Em 22 de janeiro (o último dia de sua série de concertos "AKB48 Request Hour Set List Best 100 2012" no Tokyo Dome City Hall) os membros do AKB48 performaram o novo single "Give Me Five!" como Baby Blossom, tocando guitarras, teclados e percussão.[115][117] Os membros do Baby Blossom passaram cinco meses aprendendo a tocar instrumentos musicais, e alguns tiveram pouca (ou nenhuma) experiência anterior.[115][117] "Give Me Five!" foi lançado em 15 de fevereiro.[115] O segundo documentário do AKB48: Show Must Go On Shōjo-tachi wa Kizutsuki Nagara, Yume wo Miru, estreou em 27 de janeiro[118] em sétimo lugar nas bilheterias e arrecadou quase US $ 4 milhões em 19 de fevereiro.[119] Uma série de anime, AKB0048, foi desenvolvida por Satelight[119] e foi ao ar de 29 de abril a 22 de julho. Foi dirigida por Yoshimasa Hiraike, com o produtor do grupo Akimoto ajudando no planejamento e na supervisão.[119] Nove membros do AKB48 e seus grupos irmãos expressaram os personagens principais, cantando seus temas de abertura e encerramento[120][121] como No Name.[122]

Depois que fotografias com seus namorados vieram à tona, Natsumi Hirajima e Rumi Yonezawa renunciaram ao grupo e foram substituídas por Jurina Matsui do SKE48 e Miyuki Watanabe de NMB48.[35][123] Em 24 de março, foi anunciado que cinco aprendizes seriam promovidos para o Time 4, expandindo sua lista para 16.[123] Também foi anunciado que o grupo iria se apresentar no estádio Tokyo Dome, um dos principais objetivos do grupo desde sua fundação.[124][125] Em 25 de março, a centro principal de longa data Atsuko Maeda anuncia sua graduação do grupo.[126] É anunciado que Maeda se formaria após os shows do Tokyo Dome,[127] sua performance final (e cerimônia de formatura) aconteceu no teatro AKB48 em 27 de agosto,[128] e foi transmitida ao vivo no YouTube.[129] Em 26 de março, anunciaram uma eleição para o lineup do 27º single do grupo, "Gingham Check". Os candidatos eram 243 membros do AKB48, SKE48, NMB48 e HKT48,[130] e as cédulas foram incluídas no 26º single ("Manatsu no Sounds Good!").[131] A eleição foi realizada em 6 de junho no Nippon Budokan, com os resultados transmitidos ao vivo. Yuko Oshima terminou em primeiro lugar, seguida por Mayu Watanabe e Yuki Kashiwagi.[131]

Em 23 de abril, a AKB48 anunciou a criação de seu terceiro grupo irmão ultramarino, o SNH48, com sede em Xangai,[132] além de que Rino Sashihara seria transferida para o HKT48 em julho como "reinício" por causa de um suposto escândalo envolvendo seu ex-namorado.[133] Em 24 de junho, o AKB48 anunciou a promoção de seis aprendizes das 10ª e 11ª gerações[134] e seu terceiro torneio de pedra-papel-tesoura (programado para 18 de setembro) para determinar a formação do 29º single, "Eien Pressure".[134]

Em 15 de agosto, o grupo lançou seu quarto álbum, 1830m, e em 24 de agosto (o primeiro dia de sua série de concertos no Tokyo Dome), foi informado uma reorganização de suas equipes. A equipe 4 foi dissolvida, com seus membros transferidos para outros três times. Aika Ōta foi transferida para HKT48, Aki Takajō e Haruka Nakagawa para JKT48, de Jacarta, e Sae Miyazawa e Mariya Suzuki para a SNH48. Minami Takahashi tornou-se gerente geral do grupo, com Mariko Shinoda substituindo-a como capitã do Time A. Yuko Oshima tornou-se capitã do Time K, e Ayaka Umeda capitã do Time B.[135][136]

2012–2014: Tsugi no AshiatoEditar

 
AKB48 em Tóquio, 2013.

AKB48 gravou "Sugar Rush" para o filme de animação da Disney de 2012, Ralph Breaks the Internet: Wreck-It Ralph 2,[137] e o grupo estabeleceu um recorde mundial para os cantores mais pop em um videogame (seu jogo de simulação de namoro, AKB1 / 149 Ren'ai Sōsenkyo).[138] Ganhou o segundo Japan Record Award consecutivo, por "Manatsu no Sounds Good!". O grupo foi o artista número um pela receita total de vendas no Japão em 2012, com 19,098 bilhões de ienes.[139] A série de anime AKB0048 foi renovada para uma segunda temporada, AKB0048 Next Stage, e foi ao ar de 5 a 30 de março de 2013. Em janeiro de 2013, o AKB48 realizou seu show de 100 horas no Tokyo Dome City Hall, anunciando futuros shows na Nippon Budokan[140] e Nissan Stadium (o primeiro show de uma artista feminina).[141] Em 1 de fevereiro, o documentário de AKB48: No Flower Without Rain: Shōjo Tachi wa Namida no Ato ni Nani o Miru?[142] abriu em décimo lugar nas bilheterias,[143] e faturou US $ 2,2 milhões até 17 de fevereiro.[144] Durante um evento de meet-and-greet para o filme, o membro da primeira geração Tomomi Itano anunciou que ela estava deixando o grupo.[145] Em 28 de abril, após um show do Nippon Budokan, a gerente geral do AKB48 anunciou outra reorganização das equipes (incluindo as meninas que também eram membros de seus grupos irmãos). Nito Moeno e Tomomi Kasai também fizeram suas aparições finais com o grupo.

O AKB48 lançou seu 31º single, "Sayonara Crawl" (um single eleitoral), em 22 de maio.[146] Ele vendeu mais de 1,9 milhão de cópias em seu primeiro mês,[147] quebrando o recorde de Speed's White Love 1997 para as vendas mais altas de um grupo feminino.[148] As candidatas à eleição eram 246 meninas da AKB48, seus grupos irmãos e ex-membros. Em 8 de junho, os resultados foram transmitidos pela Fuji TV e transmitidos ao vivo no YouTube, o último com comentários em japonês e inglês.[149][150] A vencedora foi Rino Sashihara, membro do HKT48, um ex-membro do AKB48.[151][152] Durante o evento, a capitã do Time A Mariko Shinoda (que ficou em quinto) anunciou que deixaria o grupo em julho.[153] Em 31 de julho, durante a série de concertos de verão do AKB48 no Sapporo Dome, a convidada e ex-líder do grupo Atsuko Maeda cantou seu novo single solo ("Time Machine Nante Iranai").[154]

Em 21 de agosto, o grupo lançou seu 32º single, "Koisuru Fortune Cookie". Seu videoclipe tinha 3.800 extras,[155] o máximo para qualquer vídeo relacionado ao AKB48 e ao grupo irmão.[156] Em 24 de agosto, o grupo anunciou a restauração do Time 4, com Minami Minegishi como capitã e membros promovidos da 13ª e 14ª geração de trainees.[157]

Tentativa de assassinato durante evento de aperto de mãoEditar

Em 25 de maio de 2014, o evento handshake do Iwate Industry Culture and Convention Center em Takizawa, Iwate, membros do grupo Rina Kawaei, Anna Iriyama e um membro da equipe foram atacados por um homem de 24 anos com um serrote.[158] O suspeito foi preso por tentativa de assassinato[159][b] e os três foram tratados em um hospital com fraturas e cortes.[160] O AKB48 cancelou suas apresentações de teatro até o final de maio de 2014 e os eventos de aperto de mão e de foto-filmagem em maio e junho foram adiados. Em resposta às preocupações de segurança, a Delegacia de Polícia de Manseibashi do Departamento de Polícia Metropolitana de Tóquio pediu à AKS que realizasse verificações de segurança dos membros da audiência na entrada do teatro. O homem acabou por confessar que estava com ciúmes do AKB48, gritando "omae no te ore no te ze".[161] Embora os grupos irmãos SKE48, NMB48 e HKT48 não tenham suspendido suas performances teatrais, eles introduziram medidas de segurança: detectores de metal, sem a primeira fileira de assentos, suspendendo eventos "high-five" pós-performance e aumentando o número de seguranças. Em 30 de maio, o AKB48 retomou suas aparições na televisão,[162] e em 2 de junho o grupo retomou performances teatrais com medidas de segurança semelhantes às de seus grupos irmãos.[163] Cheques de segurança e bagagem foram adicionados no evento de resultados das eleições gerais e no concerto de formatura de Yuko Oshima.[164][165]

2015: Koko ga Rhodes da, Koko de Tobe! e 0 to 1 no AidaEditar

Movimento pouco antes do evento de contagem de votos da Eleição Geral 2015 no Fukuoka Dome.
Café & Shop Hakata perto da 41ª eleição geral AKB48 realizada no Fukuoka Dome em Fukuoka.

Em 21 de janeiro de 2015, o grupo lançou seu sexto álbum de estúdio, Koko ga Rhodes da, Koko de Tobe!.[166] Em 4 de março, o grupo lançou o single "Green Flash".[167][168] O grupo se tornou o primeiro a vender seus 20 singles consecutivos em 1 milhão na primeira semana. Em 26 de março, a integrante Rina Kawaei anunciou sua graduação do grupo para continuar sua carreira de atriz sozinha, afirmando que o incidente anterior e o longo período de descanso a levaram a refletir sobre seu futuro sem depender do grupo.[169]

Em 10 de maio, o AKB48 foi convidado para o festival anual do Dia do Japão em Nova Iorque, sua segunda apresentação na cidade desde 2009.[170] Uma pequena equipe de membros composta por Rina Hirata, Ryoka Oshima, Haruna Kojima, Tomu Mutou, Saho Iwatate e Rina Nozawa tocaram um total de cinco músicas animadas por uma multidão de 5 mil participantes.[171][172][173] Em 20 de maio, o grupo lançou o single "Bokutachi wa Tatakawanai".[174] Em 6 de junho o público pode assistir o anúncio dos resultados da sétima eleição geral. O evento foi transmitido ao vivo de Fukuoka Dome na Fuji TV, que registrou uma audiência média de 18,8%, com um pico de 23,4%.[175] Um recorde de 3,2 milhões de votos foram feitos,[176] com Rino Sashihara vencendo a votação pela segunda vez com um recorde de 194.049 votos.[177][178]

Em 26 de agosto, o grupo lançou o single "Halloween Night". Em 25 de outubro de 2015, durante o evento de aperto de mãos e autógrafos na Pacific Yokohama, havia sido anunciado os detalhes do 42º Single e Request Hour 2016 do AKB48. O 42º single foi lançado em 9 de dezembro de 2015. Minami Takahashi foi o centro no que seria sua última aparição em um single do AKB48.[179] Em 18 de novembro, o grupo lançou seu sétimo álbum, 0 a 1 no Aida. Este álbum marca o 10º aniversário do grupo japonês, fundado em 2005. O 42º single do grupo "Kuchibiru ni Be My Baby" vendeu 813.044 cópias em seu primeiro dia de lançamento. Isso trouxe suas vendas individuais combinadas para mais de 36.158.000 álbuns vendidos, tornando-os o artista com o maior número de vendas de álbuns no Japão, superando o grupo de rock B'z.[180]

2016–2017: ThumbnailEditar

Em 24 de janeiro de 2016, durante o último dia da Request Hour 2016 no Tokyo Dome City, o AKB48 realizou seu 43º single "Kimi wa Melody", lançado em 9 de março de 2016.[181] Kimi Wa Melody é o primeiro single a trazer as graduadas Atsuko Maeda, Yuko Oshima, Mariko Shinoda e Tomomi Itano sendo apresentadas como principais. O single foi centrado por Sakura Miyawaki sendo sua primeira vez a ter um centro solo em uma faixa do AKB48. Em fevereiro de 2016, uma menina taiwanesa Chia-ling Ma foi adicionada ao grupo como "Taiwan Kenkyusei". Esta é a primeira integrante estrangeira do grupo.[182]

Em 1º de junho de 2016, o grupo lançou o 44º single "Tsubasa wa Iranai", o single incluiu as cédulas para as Eleições Gerais do grupo naquele ano. Os resultados da eleição foram anunciados em 18 de junho no Hard Off Eco Stadium em Niigata na BS Sky TV Premium e Fuji TV, onde Rino Sashihara ficou em primeiro lugar com 243.011 votos. Em 31 de agosto, o grupo lançou o 45º single " LOVE TRIP / Shiawase wo Wakenasai ". Em 3 de outubro, Haruka Shimazaki anunciou sua formatura do AKB48 durante uma nova apresentação comercial de TV de Baitoru. Em 16 de novembro, o grupo lançou o 46º single "High Tension". Em 12 de dezembro, Mayu Watanabe, Rina Izuta e Saya Kawamoto anunciaram uma nova subsidiária para o grupo AKB48, conhecido como 'AKB48 China', durante uma coletiva de imprensa em Xangai e encontro de fãs.[183] Ao contrário do já estabelecido grupo SNH48 de Xangai, o AKB48 China atuará como ponte entre o Japão e a China, trazendo membros japoneses para o próximo Teatro do AKB48 na China. As próximas promoções incluem um drama de televisão sendo filmado e um novo jogo online.

Em 25 de janeiro de 2017, o grupo lançou o oitavo álbum de estúdio Thumbnail.[184] Em 15 de março, o grupo lançou seu 47º single "Shoot Sign", e Haruna Kojima anunciou que estaria se formando.[185] Em 31 de maio, o grupo lançou seu 48º single, Negaigoto no Mochigusare, que continha cédulas para as eleições gerais. Rino Sashihara venceu a pesquisa pelo terceiro ano consecutivo, desta vez com 246.376 votos,[186] e serviu como centro do 49º single "#sukinanda", lançado em 30 de agosto. Em 22 de novembro, seu 40º single "11gatsu no Anklet" foi lançado. No evento de seleção de equipes de dezembro de 2017, foi anunciado que os membros da Equipe 8 devem manter posições simultâneas (兼任 kennin?) com uma das outras equipes do grupo A, K, B e 4.[187] Mayu Watanabe se formou no grupo no final do ano.[188]

2018–2019: Bokutachi wa, Ano Hi no Yoake o ShitteiruEditar

Em 24 de janeiro de 2018, o grupo lançou o nono álbum Bokutachi wa, Ano Hi no Yoake o Shitteiru.[189] Em 14 de março de 2018, o grupo lançou seu 51º single "Jabaja", com Nana Okada como o centro do single.[190] Em 30 de maio, o grupo lançou seu 52º single "Teacher Teacher", com Yui Oguri como centro do single.[191] Jurina Matsui liderou a 10ª edição das eleições gerais do AKB48 com 194.453 votos e será a performance central do 53º single.[192] Em junho, 39 membros do AKB48 e seus grupos irmãos participaram da competição de televisão sul-coreana Produce 48, que formou um novo grupo de garotas ídolo que será executado por dois anos e meio em Seul. A integrante do Time 8, Hitomi Honda terminou em 9ª posição, ganhando um lugar para estrear no Iz One.[193] Em julho, o RIAJ certificou "Teacher Teacher" como um triplo milhão, fazendo do grupo o primeiro girl group a alcançá-lo.[194] Em 19 de setembro, o grupo lançou seu 53º single "Sentimental Train". Em 24 de setembro, o grupo anunciou para o 54º single "No Way Man", com Sakura Miyawaki como a artista central do single. O 54º single foi lançado em 28 de novembro de 2018.[195] Logo após o Produce 48, a Stone Music Entertainment e a Genie Music assinaram um contrato com a King Records e a AKS e agora são os distribuidores digitais oficiais dos singles do AKB na Coreia do Sul.[196] Em 4 de fevereiro de 2019, foi anunciado que o 55º single do grupo (último no Período Heisei) "Jiwaru Days" foi lançado em 13 de março, com Rino Sashihara atuando como performance de centro e este será seu último single com AKB48 antes de sua graduação.

Também foi anunciado que a terceira música será uma colaboração do grupo entre Nogizaka46 e Iz One.[197] Em 18 de setembro, após um intervalo de seis meses, o 56º single (primeiro no período Reiwa) intitulado "Sustainable" será lançado, tendo pela primeira vez o cargo de centro do single a integrante do time K, Moeka Yahagi.[198][199] Em 19 de outubro de 2019, o grupo realizou um concerto na Arena Taipei com o Time TP. Após o ataque ao membro do NGT48, Maho Yamaguchi, a administração do AKB48 enfrentou severas críticas públicas. O ano de 2019 marcou algumas mudanças importantes para o grupo, já que o AKBingo! e o AKB48 Show!, dois programas de variedades de longa duração transmitidos nacionalmente com o grupo, foram finalmente cancelados.[200][201] O AKB48 Cafe&Shop, com sede em Akihabara, foi fechado após oito anos de operação. Em 2019, três eventos anuais regulares foram descontinuados, incluindo a eleição geral,[202] e, pela primeira vez na história do grupo, apenas dois singles foram lançados em um ano. Em 8 de dezembro, durante a cerimônia do 14º aniversário do Teatro AKB48, em Akihabara, a última integrante da primeira geração, Minami Minegishi, anunciou sua formatura a partir do início de 2020. Seu concerto de formatura será realizado em Yokohama em 2 de abril de 2020, terminando a história da primeira geração de 14 anos de história do grupo.[203][204][205]

2020-atualmente: Manutenção de gerenciamentoEditar

O ano de 2020 começou com o anúncio de planos para alterar significativamente as estruturas de gerenciamento do AKB48, com empresas individuais executando independentemente cada um dos grupos japoneses.[206] Em 20 de janeiro de 2020, foi anunciado que o 57º single do grupo intitulado "Shitsuren, Arigato" será lançado em 18 de março de 2020.[207] Mizuki Yamuchi é atual centro do single, é sua primeira vez servindo essa posição na faixa-título.[208][209]

Estilo musicalEditar

O estilo do grupo tem sido caracterizado como "pop chiclete e dança sincronizada", apelando para garotas pré-púberes e homens mais velhos que compram as mercadorias do grupo. Mari Yamaguchi, da Associated Press, escreveu que "as performances podem parecer orquestradas. Enquanto as garotas cantam e dançam em uníssono, os fãs seguem uma fórmula animadora", comparando a resposta dos fãs a um público kabuki.[210] Monica Hesse do The Washington Post descreveu o estilo do grupo: "É como se Miley Cyrus, Taylor Swift e todo o elenco de Crepúsculo fossem colocados em uma panela e cozido em fogo baixo até que nada permaneceu, mas o doce, enjoativo essência da fama, e se essa fama fosse então derramada em saias plissadas de tartã e dadas tranças."[18]

Andrew Joyce e Kenneth Maxwell, do The Wall Street Journal, descreveram as músicas como "melodias pop doces e letras às vezes sugestivas". Durante as performances do grupo "os membros realizam uma série de rotinas simplesmente coreografadas na frente de um público de aproximadamente 95% do sexo masculino. A música é o típico pop japonês: números de ritmo acelerado com alta frequência, coros sing-along"[211]

Promoção e mídiaEditar

O AKB48 e seus grupos irmãos impulsionam suas vendas recordes por uma variedade de estratégias de marketing. A faixa principal de cada single é gravada por uma equipe de "Estrelas", através de uma seleção (senbatsu 選抜?) composta por membros populares das equipes e grupos irmãos do AKB48, com uma das garotas selecionadas como executante do centro. Os singles e álbuns são lançados em diferentes edições e tipos, com fotos de capas de álbuns alternativas, faixas do lado B, DVDs de vídeo, fotos de membros colecionáveis, ingressos para eventos e códigos de votação para vários concursos anuais de eleições.[212] Alan Swarts, da MTV Japão, observou que os colecionadores que compram várias cópias de CDs do grupo inflam o mercado, e é uma das razões pela qual a indústria fonográfica do Japão tem crescido.[213]

DocumentáriosEditar

Quatro documentários do AKB48 foram lançados nos cinemas desde 2011. O primeiro, Documentary of AKB48 - To Be Continued, foi lançado no Japão em 22 de janeiro de 2011[214] e em DVD na América do Norte em 1 de dezembro. O segundo, Documentário de AKB48: Show Must Go On Shōjo-tachi wa Kizutsuki Nagara, Yume wo Miru, foi lançado em 27 de janeiro de 2012[215] e ganhou $ 3.984.152 nas bilheterias japonesas.[216] O terceiro, Documentário de AKB48: No Flower Without Rain: Shōjo Tachi wa Namida no Ato ni Nani o Miru?, foi lançado em 2 de fevereiro de 2013[217] e ganhou $ 2.269.118 nas bilheterias japonesas.[218] O quarto, Documentário de AKB48 The Time has come Shōjo-tachi wa, Ima, Sono Senaka ni Nani com Omou?, foi lançado em 4 de julho de 2014[219] e (a partir de 13 de julho de 2014) arrecadou $ 984.757 na bilheteria japonesa.[220] Cada filme narrou eventos e problemas encontrados pelo grupo durante o ano anterior.[221]

Mangá e animeEditar

O mangá AKB49: Ren'ai Kinshi Jōrei gira em torno de AKB48, apresentando membros do grupo na história como personagens de apoio.[222] A série de anime de 2012, AKB0048 é uma série de ficção científica baseada no grupo, com produção supervisionada por Yasushi Akimoto.[223] Nove personagens do anime são dublados por membros do AKB48 e seus grupos irmãos. Primeira exibição no Japão na primavera de 2012,[223] uma segunda temporada foi transmitida em 2013.[224]

Vídeo gamesEditar

O grupo tem sua própria série visual simulador de encontros românticos. Na primeira parte, AKB1 / 48: Idol to Koishitara ... (lançado em 23 de dezembro de 2010), o jogador se envolve em um relacionamento com uma das integrantes. A segunda parte, AKB1 / 48: Ídolo para Guam de Koishitara ... (lançado em 10 de outubro de 2011, com um enredo semelhante) é definido em Guam. A terceira parte, AKB1 / 149 Ren'ai Sōsenkyo (lançada em 20 de dezembro de 2012), expande os cenários para os grupos irmãos AKB48, SKE48, NMB48 e HKT48. Os três jogos foram lançados para Playstation portátil, com Ren'ai Sousenkyo também lançado para PlayStation Vita e PlayStation 3. Em 2014, a Bandai Namco desenvolveu Sailor Zombie: AKB48 Arcade Edition, como uma conexão para o drama de televisão de mesmo nome, no qual os membros do AKB48 também são o elenco principal. Neste jogo arcade, o jogador deve usar uma arma leve para disparar balas de vacina contra membros de AKB48 zumbificados. O jogo inclui um jogo de ritmo no qual os ídolos zumbis dançam.[225] Em abril de 2014, foi lançado um jogo de ritmo para Android e iOS, no qual os jogadores selecionam sua formação preferida e podem competir em vários eventos da comunidade.[226] Em 2012, o AKB48 + Me foi publicado para o Nintendo 3DS, que permite que os jogadores tentem se tornar membros do AKB48.[227]

Outras mídiasEditar

Os produtores do AKB48 desenvolveram vários programas de televisão para promover o grupo. AKBingo!, AKB48 Show!, AKB a XX, e Nemōsu TV são programas de variedades. A série de Majisuka Gakuen[228] e Sakura Kara no Tegami caracterizam membros do grupo em papéis dramáticos. Fora dos shows caseiros, membros do AKB48 apareceram em programas de alto perfil como Mecha-Mecha Iketeru !, Waratte Iitomo! ou SMAPxSMAP. Membros têm modelado em revistas gravure.

RecepçãoEditar

O CEO da Tower Records no Japão, Ikuo Minewaki, descreveu o AKB48 como um ato popular,[229] e o grupo foi caracterizado como um fenômeno social no Japão.[19] Em 2012, o AKB48 teve vendas recordes no Japão de mais de US$ 226 milhões.[17] Vendas totais de mais de US$ 128 milhões foram relatadas em 2013 e de mais de US$ 96 milhões em 2015.[17][230] Segundo a Oricon, em 6 de janeiro de 2012 o AKB48 vendeu um total de 11.787.000 singles, estabelecendo um recorde de "o maior número de singles vendidos no Japão por um grupo feminino".[231] Os últimos 35 singles do grupo chegaram ao topo da parada semanal da Oricon. Em 2010, "Beginner" e "Heavy Rotation" ficaram em primeiro e segundo lugar, respectivamente, na lista dos singles mais vendidos do Japão no ano;[232] De 2010 a 2019, os singles do AKB48 ocuparam pelo menos os dois primeiros,[233] e Às vezes, os quatro ou cinco primeiros lugares do ranking anual de singles da Oricon.[234][235][236][237][238][239]

Em junho de 2018, o grupo vendeu mais de 60 milhões de discos,[240] incluindo mais de 6 milhões de álbuns.[21] O AKB48 é o ato musical mais vendido no Japão em termos de singles vendidos.[21] No entanto, o seu 42º single, "Kuchibiru ni Be My Baby", não conseguiu vender mais de um milhão de cópias na primeira semana após o seu lançamento, encerrando uma série de lançamentos em single alcançando esse feito, recomeçando com "Everyday, Katyusha" em 2011.[241] Além das vendas de CDs, o AKB48 também obtém sucesso comercial em outras áreas. O grupo possui seis singles certificados pela RIAJ por atingir um milhão de downloads cada.[242] De acordo com Joysound, o AKB48 foi nomeado o artista de karaokê do ano por quatro anos consecutivos (2011-2014).[243] Em 2011, oito posições das 10 principais vendas anuais de álbuns de fotografias foram ocupadas por membros do grupo.[244] Em 2012, seis membros lideraram o ranking individual de campanhas publicitárias.[245] O grupo também é um dos artistas japoneses mais vistos no Youtube.[246]

O grupo possui vários recordes mundiais do Guinness, incluindo o reconhecimento em 1 de dezembro de 2010 como o "maior grupo pop", quando contava com 48 membros.[30][247] Ele estabeleceu um recorde para "o maior número de recomendações de televisão para o mesmo produto em 24 horas" em 28 de fevereiro de 2012, depois que 90 membros do grupo apareceram em 90 comerciais diferentes veiculados nas regiões de Kanto, Kansai e Tokai no Japão.[248] O embaixador japonês nos Estados Unidos Ichirō Fujisaki, ao conhecer o grupo durante sua visita a Washington, DC, disse que "AKB" significava "adorável, gentil e bonito". [18] Em 1 de fevereiro de 2012, o Japan Post emitiu um selo em comemoração ao grupo.[249]

ControvérsiasEditar

O AKB48 tem sido criticado pelas letras sexualmente sugestivas encontradas na música "Seifuku ga Jama o Suru". Abordou a questão de Enjo kōsai a partir de uma visão em primeira pessoa, e foi considerado por alguns repórteres ocidentais, inadequados para seus jovens membros. Quando perguntada sobre isso por Anna Coren, da CNN, o fundador do AKB48, Yasushi Akimoto (que escreve as letras do grupo), disse que suas letras "representam a realidade" e deveriam levar em consideração questões difíceis.[250][251] Um dos vídeos de música picante do grupo também foi considerado controverso. O vídeo de "Heavy Rotation" foi criticado pelos mesmos repórteres ocidentais por mostrarem membros do AKB48 de lingerie, abraçando, beijando e compartilhando um banho. Sua diretora, Mika Ninagawa, disse que queria apelar para homens e mulheres com um vídeo criativo e divertido, devido à crescente popularidade do grupo entre as meninas. Em uma entrevista, ela aceitou a responsabilidade por seu conteúdo: "O Sr. Akimoto deixou tudo para mim. Ele não me deu nenhuma dica ... Eu tentei mostrar como o AKB48 está na vida real, no vídeo. No vestiário, elas pareciam muito próximas uma da outra. Então eu inventei o conceito [de um] colégio de garotas. "[252]

Um comercial de televisão para doces da loja Puccho que estreou em 15 de março de 2012, contou com membros do AKB48 em uniformes de colegial passando um doce de boca em boca. As meninas seguravam o doce entre os dentes, alguns espectadores o chamavam de "encorajador da homossexualidade", "anti-higiênico" e um "mau exemplo para as crianças".[253][254][255] Em janeiro de 2013, o grupo foi criticado quando uma foto da sessão de fotos da Shukan Young Magazine de Tomomi Kasai se tornou pública; Kasai estava de topless, os seios cobertos pelas mãos de uma criança pequena. A foto foi retirada da revista e do próximo livro fotográfico de Kasai (onde teria aparecido na capa), e a publicação da revista foi adiada de 12 a 21 de janeiro.[256][257][258]

Em fevereiro de 2013, a integrante do grupo Minami Minegishi, com a cabeça raspada, apareceu em um vídeo do YouTube para pedir desculpas depois de um tabloide ter dito que ela havia passado a noite com um homem, o que violava o contrato dela; ela foi rebaixada ao status de trainee. Embora sua cabeça raspada tenha sido auto-infligida em uma resposta apologética a seus fãs e colegas por seu rebaixamento, ela foi vista como uma reação exagerada e atraiu críticas sobre como a situação era tratada.[259] Um documentário da NHK de 2016 relatou que a popularidade das sessões de aperto de mão do AKB48 contribuiu para o declínio das relações românticas entre jovens japoneses, incluindo "homens herbívoros",[c] que provocaram debates. De acordo com o relatório, os fãs preferem gastar seu tempo apoiando seus ídolos favoritos do que ativamente buscando interesses amorosos.[262]

FilantropiaEditar

Em 1º de abril de 2011, o grupo lançou um single de caridade digital, "Dareka no Tame ni (O que posso fazer por alguém?)", Com seus lucros doados para o alívio de terremotos e tsunamis.[263] O 23º single do AKB48, "Kaze wa Fuiteiru", foi dedicado às vítimas do desastre e também possuía letras de consolo.[264][265] Em fevereiro de 2012, a AKB48 anunciou outra doação de 580 milhões de ienes para a Cruz Vermelha Japonesa, e informou que até o momento o grupo havia levantado um total de mais de 1,25 bilhão de ienes para o alívio do terremoto e do tsunami.[266] Em 8 de março de 2013, o grupo lançou "Tenohira ga Kataru Koto", outra música dedicada às vítimas do desastre de março de 2011, em seu site para download digital gratuito.[267] No segundo aniversário do desastre, o AKB48 e seus grupos irmãos visitaram as áreas afetadas, se apresentando nas escolas e nos teatros AKB48, SKE48, NMB48 e HKT48, com recursos para a recuperação em curso.[268]

IntegrantesEditar

 Ver artigo principal: Lista de membros de AKB48

A formação do AKB48 muda frequentemente devido a partidas, admissões, rotações de equipe e transferências entre o AKB48 e seus vários grupos irmãos. Em 10 de novembro de 2018, o grupo é composto por 134 membros, divididos entre várias equipes: Time A com 28 membros, Time K com 27 membros, Time B com 29 membros e Time 4 com 26 membros, Time 8 com 45 membros, o último dos quais tem todos os membros servindo simultaneamente com outras equipes do AKB48. Há membros da Kenkyusei, 18 dos quais atuam em equipes específicas como substitutos, e 9 deles foram recrutados como um grupo de estudos gerais.[8] Alguns membros pertencem simultaneamente aos grupos irmãos do AKB48,[8] e Mion Mukaichi é a atual gerente geral do AKB48 e seus grupos irmãos.

DiscografiaEditar

 Ver artigo principal: Discografia de AKB48

FilmografiaEditar

Novelas
Programas de auditório
Animes
Reality shows

Prêmios e indicaçõesEditar

Notas

  1. Em 14 de março de 2011, o AKB48 cancelou seu concerto Takamina ni tsuite ikimasu (かみないててまます, lit. "(Nós) seguiremos Takamina"?), programado para acontecer de 25 a 27 de março na Yokohama Arena, mas depois o transformou em um evento de caridade para apoiar as vítimas do terremoto e tsunami de Tohoku em 2011.
  2. O nome do agressor foi revelado ser Satoru Umeta e ele era um homem desempregado que não tinha interesse prévio ou conexão com o AKB48. Ele estava frustrado por esses ídolos serem bem pagos. Em dezembro de 2014, ele se declarou culpado de acusações de lesão corporal e violação de regulamentos de armas. Foi sentenciado a 7 anos de prisão.
  3. "Homens herbívoros"[260] ou "homens comedores de grama"[261] (草食(系)男子 Sōshoku(-kei) danshi?) são termos usado no Japão para descrever homens que não têm interesse em se casar ou encontrar uma namorada. O termo homem herbívoro também é um termo que descrito como jovens que perderam sua "masculinidade".

Referências

  1. Simone, Gianni (11 de julho de 2017). Tokyo Geek's Guide: Manga, Anime, Gaming, Cosplay, Toys, Idols & More - The Ultimate Guide to Japan's Otaku Culture (em inglês). [S.l.]: Tuttle Publishing. ISBN 978-1-4629-1970-3 
  2. «Galaxy Records Sells AKB48's Tsugi no Ashiato Album in Philippines». Anime News Network (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2019 
  3. «PolyEast Records». www.facebook.com. Consultado em 22 de maio de 2019 
  4. «AKB48 - genie» (em coreano) 
  5. a b «AKB48公式サイト|メンバー情報» [AKB48 Site Oficial - Lista de Membros] (em japonês). Site oficial do AKB48. Consultado em 1 de maio de 2019 
  6. a b Torres, Ida (14 de novembro de 2012). «J-Pop group AKB48 becomes the face of Tokyo electoral drive» [Grupo de J-Pop AKB48 se torna o rosto da unidade eleitoral de Tóquio] (em inglês). Japan Daily Press. Consultado em 1 de maio de 2019 
  7. a b Fujita, Akiko (1 de fevereiro de 2013). «Pop Star Shaves Head in Remorse for Dating» [Estrela pop raspa a cabeça em remorso por namoro] (em inglês). ABC News. Consultado em 1 de maio de 2019 
  8. a b c d Matsutani, Minoru (24 de agosto de 2010). «"Girl idol group about mass exposure, fans"» [Grupo ídolo feminino sobre exposição em massa, fãs] (em inglês). The Japan Times. Consultado em 1 de maio de 2019 
  9. a b «Japanese Idol Group AKB48 to Perform at MIPCOM» [O grupo Ídolo japonês AKB48 se apresenta no MIPCOM] (em inglês). Reuters. 28 de julho de 2009. Consultado em 1 de maio de 2019 
  10. Goldenberg, Victoria (30 de novembro de 2009). «"(interview) AKB48: A classic fantasy for the 21st century".» [(entrevista) AKB48: Uma fantasia clássica para o século 21]. Consultado em 1 de maio de 2019 
  11. «No you can't, BNK48 tells singer 'Can' Nayika». https://www.nationthailand.com (em inglês). Consultado em 28 de janeiro de 2020 
  12. Cruz, Blesilda Dela (2 de janeiro de 2020). «MNL48 Abby Trinidad performs with AKB48 in Japan's Red and White Song Festival». Good News Pilipinas (em inglês). Consultado em 28 de janeiro de 2020 
  13. Author, No (22 de junho de 2018). «Idol group AKB48 increases reach in Asia with new unit SGO48 in Vietnam». The Japan Times (em inglês). Consultado em 28 de janeiro de 2020 
  14. Japan, Arama! (19 de junho de 2019). «AKB48 announce Indian sister groups DEL48 & MUB48». ARAMA! JAPAN (em inglês). Consultado em 28 de janeiro de 2020 
  15. «AKB48 to expand with Indian sister groups». SBS PopAsia (em inglês). Consultado em 28 de janeiro de 2020 
  16. «AKB48 Announces New International Sister Group MUM48, Based in India». Billboard. Consultado em 28 de janeiro de 2020 
  17. a b c «"Oricon 2012 Yearly Charts : Artist Total Sales"» [Oricon 2012 Gráficos Anuais: Vendas Totais do Artista] (em inglês). Tokyohive. 16 de dezembro de 2013 
  18. a b c d e f Hesse, Monica (27 de março de 2012). «"Japanese girl group AKB48 breezes through D.C. in whirlwind of cuteness".» [Grupo de meninas japonesas AKB48 brisa através de D.C. no turbilhão de fofura] (em inglês). The Washington Post. Consultado em 1 de maio de 2019 
  19. a b «"ももクロ : "音楽好き"の支持でポストAKBに急浮上? 群雄割拠のアイドルシーン"» (em japonês). Mainichi Shimbun Digital. 6 de maio de 2012 
  20. a b c d «"【オリコン】AKB48、35作連続1位&30作目ミリオン CD総売上5000万枚突破"» (em japonês). Oricon. 5 de junho de 2018. Consultado em 1 de maio de 2019  Verifique data em: |data= (ajuda)
  21. a b c «"【オリコン】AKB48、シングル総売上日本一3615.8万枚 秋元氏総売上は1億枚突破"». Oricon. 99 de dezembro de 2015. Consultado em 1 de maio de 2019  Verifique data em: |data= (ajuda)
  22. «"AKB48が作品別、アーティスト別ともに首位、上半期のオーディオ売上動向発表".» (em japonês). Billboard Japan. 3 de julho de 2018.  Verifique data em: |data= (ajuda)
  23. «"シングル年間ランキング-ORICON STYLE ランキング"» (em japonês). Oricon 
  24. «WebCite query result». www.webcitation.org. Consultado em 11 de maio de 2019 
  25. «WebCite query result». www.webcitation.org. Consultado em 11 de maio de 2019 
  26. AKB48 (14 de fevereiro de 2011), What is AKB48? / AKB48 [Official], consultado em 11 de maio de 2019 
  27. Matsutani, Minoru (24 de agosto de 2010). «Girl idol group about mass exposure, fans». The Japan Times Online (em inglês). ISSN 0447-5763 
  28. Goldenberg, Victoria. «[interview] AKB48: A classic fantasy for the 21st century». Purple SKY Magazine (em inglês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  29. SPH Razor (25 de julho de 2013), Rivalry among 61 girls? (AKB48 concept store Pt 3), consultado em 11 de maio de 2019 
  30. a b «Largest pop group». Guinness World Records (em inglês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  31. Ashcraft, Brian. «A Pricey PSP Bundle With 48 Girl Kisses». Kotaku (em inglês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  32. «Changes coming to AKB48, Akimoto Yasushi to kick 8 halfhearted members? | tokyohive.com». www.tokyohive.com (em inglês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  33. «No dating for the girls (AKB48 Part 2)». web.archive.org. 29 de maio de 2012. Consultado em 11 de maio de 2019 
  34. Martin, Ian (1 de fevereiro de 2013). «AKB48 member's 'penance' shows flaws in idol culture». The Japan Times (em inglês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  35. a b Inc, Natasha. «AKB48米沢瑠美&平嶋夏海、グループを離脱». 音楽ナタリー (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  36. a b c d «"AKBINGO!"» (em japonês). AKBINGO!. 4 Temporada. Episódio 91. Nippon Television. 7 de julho de 2010. Consultado em 11 de maio de 2019 
  37. «AKB48『今月も』». AKB48 Official Blog 〜1830mから~ Powered by Ameba (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  38. «AKB48公式サイト». AKB48公式サイト. Consultado em 11 de maio de 2019 
  39. «CNN.com - Transcripts». edition.cnn.com. Consultado em 11 de maio de 2019 
  40. «インタビュー:AKB48「天然が多いんです」». ライブドアニュース (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  41. «篠田麻里子、涙と笑顔でAKB卒業 7年半の活動に幕». ORICON NEWS. Consultado em 11 de maio de 2019 
  42. «秋葉原マップ:AKB48 デビューCD 「桜の花びらたち」 2/1発売の宣伝トラック». akibamap.info (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  43. a b c d e f g «AKBINGO!». 日本テレビ (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  44. «AKB48公式サイト». AKB48公式サイト (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  45. «AKB48、デビュー作が初登場TOP10入り!モー娘。以来の快挙達成!». ORICON NEWS. Consultado em 11 de maio de 2019 
  46. «AKB48『宇佐美友紀卒業』». AKB48 Official Blog 〜1830mから~ Powered by Ameba (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  47. «AKB48 売上 - AKB48シングル». web.archive.org. 16 de março de 2014. Consultado em 11 de maio de 2019 
  48. «AKB48、ついにメジャーデビュー決定!!». ORICON NEWS. Consultado em 11 de maio de 2019 
  49. «2006年10月のブログ|AKB48 Official Blog 〜1830mから~ Powered by Ameba -4ページ目». ameblo.jp. Consultado em 11 de maio de 2019 
  50. «2006年12月のブログ|AKB48 Official Blog 〜1830mから~ Powered by Ameba -3ページ目». ameblo.jp. Consultado em 11 de maio de 2019 
  51. «Twitch». Twitch. Consultado em 11 de maio de 2019 
  52. «オリコンランキング情報サービス「you大樹」 -CD・ブルーレイ・DVD・書籍・コミック-». ranking.oricon.co.jp. Consultado em 11 de maio de 2019 
  53. «AKB48 売上 - AKB48シングル». web.archive.org. 16 de março de 2014. Consultado em 11 de maio de 2019 
  54. «オリコンランキング情報サービス「you大樹」 -CD・ブルーレイ・DVD・書籍・コミック-». ranking.oricon.co.jp. Consultado em 11 de maio de 2019 
  55. «オリコンランキング情報サービス「you大樹」 -CD・ブルーレイ・DVD・書籍・コミック-». ranking.oricon.co.jp. Consultado em 11 de maio de 2019 
  56. «Twitch». Twitch. Consultado em 11 de maio de 2019 
  57. «オリコンランキング情報サービス「you大樹」 -CD・ブルーレイ・DVD・書籍・コミック-». ranking.oricon.co.jp. Consultado em 11 de maio de 2019 
  58. «ライブレポート:AKB48、初の全国ツアーが開幕». ライブドアニュース (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  59. «AKB48—21世纪的丑小鸭传说 海尔凯特 电子书 书评拇指阅读». web.archive.org. 28 de março de 2014. Consultado em 11 de maio de 2019 
  60. «AKB48公式サイト|ディスコグラフィー». web.archive.org. 22 de abril de 2011. Consultado em 11 de maio de 2019 
  61. «夕陽を見ているか? | AKB48». ORICON NEWS. Consultado em 11 de maio de 2019 
  62. Inc, Natasha. «AKB48の新年ニューシングル&AXライブ4daysが決定». 音楽ナタリー (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  63. «オリコンランキング情報サービス「you大樹」 -CD・ブルーレイ・DVD・書籍・コミック-». ranking.oricon.co.jp. Consultado em 11 de maio de 2019 
  64. «AKB48『AKB48劇場「桜の花びらたち2008」購入者特別プレゼント!』». AKB48 Official Blog 〜1830mから~ Powered by Ameba (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  65. «AKB48「ポスター44種類コンプでイベント招待」企画、「独禁法違反」のおそれで中止». ITmedia NEWS (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  66. JpopAsia. «AKB48 Launching SKE48 In Nagoya». JpopAsia (em inglês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  67. «AKB48 member fired over leaked 'Purikura' photo». Japan Today (em inglês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  68. «AKB48『菊地彩香の件について』». AKB48 Official Blog 〜1830mから~ Powered by Ameba (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  69. «AKB48『菊地からファンの皆様へ』». AKB48 Official Blog 〜1830mから~ Powered by Ameba (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  70. Inc, Natasha. «AKB48コレクター心を刺激する裏ジャケ19パターン». 音楽ナタリー (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  71. «akb48wrapup.com - Informationen zum Thema akb48wrapup.». ww1.akb48wrapup.com. Consultado em 11 de maio de 2019 
  72. «AKB48-リリース-ORICON STYLE ミュージック». web.archive.org. 17 de dezembro de 2008. Consultado em 11 de maio de 2019 
  73. «10年桜 | AKB48». ORICON NEWS. Consultado em 11 de maio de 2019 
  74. «"AKB48選抜総選挙"開票! トップ当選の前田敦子「AKBに人生捧げる!」 Web De-View». web.archive.org. 14 de julho de 2009. Consultado em 11 de maio de 2019 
  75. «歴代シングル初動ランキング"». ww7.musictvprogram.com. Consultado em 11 de maio de 2019 
  76. «言い訳Maybe(マキシ+DVD複合)». キングレコードオフィシャルサイト (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  77. «止めたAKB48、再開したモー娘。"政権交代"が進むアイドル界の「握手会狂想曲」|日刊サイゾー». 日刊サイゾー (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  78. «AKB48-リリース-ORICON STYLE ミュージック». web.archive.org. 24 de junho de 2011. Consultado em 11 de maio de 2019 
  79. «- Japan Expo, the Japanese Entertainments Festival - Paris-Nord Villepinte, Exhibition Center». web.archive.org. 27 de abril de 2009. Consultado em 11 de maio de 2019 
  80. «AKB48 U.S. DEBUT CONCERT IN NYC | NEW YORK – TOKYO». web.archive.org. 22 de agosto de 2010. Consultado em 11 de maio de 2019 
  81. «一般社団法人 日本レコード協会». www.riaj.or.jp. Consultado em 11 de maio de 2019 
  82. a b «AKB48初のシングル首位、17.9万枚で09年女性アーティスト初動売上トップに». ORICON NEWS. Consultado em 11 de maio de 2019 
  83. «神曲たち | AKB48». ORICON NEWS. Consultado em 11 de maio de 2019 
  84. «AKB48デビュー5年目で初のアルバム首位、秋元氏「長い道のりでした」». ORICON NEWS. Consultado em 11 de maio de 2019 
  85. «一般社団法人 日本レコード協会». www.riaj.or.jp. Consultado em 11 de maio de 2019 
  86. «AKB48が初週50万枚超で首位 モー娘。以来9年半ぶり快挙». ORICON NEWS. Consultado em 11 de maio de 2019 
  87. «Japanese Musical Group AKB48 will be Official Guests of Honor at Anime Expo 2010». www.businesswire.com (em inglês). 27 de abril de 2010. Consultado em 11 de maio de 2019 
  88. «KOFICE». web.archive.org. 12 de junho de 2011. Consultado em 11 de maio de 2019 
  89. «AKB48、女性グループ歴代最高の初週売上82.7万枚 5作連続シングル首位». ORICON NEWS. Consultado em 11 de maio de 2019 
  90. «AKB48×ハロプロがグラビア初コラボ! 渡辺麻友×鈴木愛理が網タイツ姿で表紙飾る|最新ニュース|eltha(エルザ)». eltha (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  91. «AKB48『続 AKB48海外公演!!』». AKB48 Official Blog 〜1830mから~ Powered by Ameba (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  92. «Special Events | Singapore Toy, Games & Comic Convention (STGCC)». web.archive.org. 30 de maio de 2013. Consultado em 11 de maio de 2019 
  93. «AKB48・小野恵令奈、卒業後の進路は「海外留学」&「女優業勉強」». ORICON NEWS. Consultado em 11 de maio de 2019 
  94. «AKB48から小野恵令奈が卒業……「明日から自分の夢に向かって」». ライブドアニュース (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  95. «WebCite query result». www.webcitation.org. Consultado em 11 de maio de 2019 
  96. «WebCite query result». www.webcitation.org. Consultado em 11 de maio de 2019 
  97. Inc, Natasha. «AKB48新アルバムに新曲11曲、SKE・SDN・NMB参加曲も». 音楽ナタリー (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  98. «tokyograph.com - Diese Website steht zum Verkauf! - Informationen zum Thema .». ww1.tokyograph.com. Consultado em 11 de maio de 2019 
  99. Inc, Natasha. «AKB48、新シングル&選抜総選挙決定!収益一部を義援金に». 音楽ナタリー (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  100. «「誰かのために」プロジェクト». AKB48公式サイト (em japonês). Consultado em 11 de maio de 2019 
  101. «HKT48:次は福岡発! AKB48妹プロジェクト始動 - MANTANWEB(まんたんウェブ)». web.archive.org. 3 de maio de 2011. Consultado em 12 de maio de 2019 
  102. a b c «S'pore to house Japanese girl idols' first overseas theatre». www.asiaone.com. Consultado em 12 de maio de 2019 
  103. Inc, Natasha. «AKB48、新シングル&選抜総選挙決定!収益一部を義援金に». 音楽ナタリー (em japonês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  104. a b «tokyograph.com - Diese Website steht zum Verkauf! - Informationen zum Thema tokyograph.». ww1.tokyograph.com. Consultado em 12 de maio de 2019 
  105. «AKB48 breaks Mr.Children's reign on the Oricon chart | tokyohive.com». www.tokyohive.com (em inglês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  106. «AKB48:上半期売り上げ前年2.5倍の66億円 オリコン2冠 - MANTANWEB(まんたんウェブ)». web.archive.org. 24 de junho de 2011. Consultado em 12 de maio de 2019 
  107. a b Inc, Natasha. «AKB48、研究生昇格組中心の新チーム「チーム4」誕生». 音楽ナタリー (em japonês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  108. «AKB48『「チーム4」キャプテン&正式加入』». AKB48 Official Blog 〜1830mから~ Powered by Ameba (em japonês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  109. «Girl group "Nogizaka46″ to debut as AKB48′s "official rival"». web.archive.org. 7 de julho de 2011. Consultado em 12 de maio de 2019 
  110. a b «【オリコン】AKB48新曲史上最高の初週135.4万枚 史上初の2作連続「初週」ミリオン». ORICON NEWS. Consultado em 12 de maio de 2019 
  111. «Loading...». www.tokyograph.com. Consultado em 12 de maio de 2019 
  112. «AKB48:じゃんけん大会を再び開催 9月に武道館で SKE48、NMB48ら総勢71人参加 - MANTANWEB(まんたんウェブ)». web.archive.org. 24 de março de 2012. Consultado em 12 de maio de 2019 
  113. «AKB48's second "Rock, Paper, Scissors" Tournament confirmed | tokyohive.com». www.tokyohive.com (em inglês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  114. «AKB48、2作連続"初日ミリオン" 初日売上歴代最高の104.6万枚». ORICON NEWS. Consultado em 12 de maio de 2019 
  115. a b c d e f «【オリコン年間】AKB48、史上初の年間シングルTOP5独占 総売上162.8億円で7冠». ORICON NEWS. Consultado em 12 de maio de 2019 
  116. «日本レコード大賞:AKB48涙の初栄冠「フライングゲット」 前田敦子号泣、秋元康も祝福 - MANTANWEB(まんたんウェブ)». web.archive.org. 4 de janeiro de 2012. Consultado em 12 de maio de 2019 
  117. a b «AKB48 forms a band for "GIVE ME FIVE!" + jacket covers | tokyohive.com». www.tokyohive.com (em inglês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  118. «DOCUMENTARY of AKB48 Show must go on 少女たちは傷つきながら、夢を見る : 作品情報». 映画.com (em japonês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  119. a b c «Japanese Box Office, February 18-19». Anime News Network (em inglês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  120. «AKB48's AKB0048 Anime Cast Roles Revealed». Anime News Network (em inglês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  121. «AKB48's AKB0048 Anime Gets 4 Manga Series in 4 Mags». Anime News Network (em inglês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  122. «AKB0048's Themes Sung by AKB48 Spinoff Unit 'No Name'». Anime News Network (em inglês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  123. a b Inc, Natasha. «SKE松井珠理奈、NMB渡辺美優紀がAKB48に期間限定加入». 音楽ナタリー (em japonês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  124. Inc, Natasha. «AKB48、初の東京ドームコンサートは3DAYS公演». 音楽ナタリー (em japonês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  125. Inc, Natasha. «AKB48さいたま初日公演で東京ドーム公演開催発表». 音楽ナタリー (em japonês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  126. «AKB48前田敦子:不動のセンターが卒業を発表 6年半の活動に幕». MANTANWEB(まんたんウェブ) (em japonês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  127. «前田敦子、AKB卒業後初のソロ公演決定 9月に東京&神戸で». ORICON NEWS. Consultado em 12 de maio de 2019 
  128. «板野友美、敦子との"再会"「うれしい」». ORICON NEWS. Consultado em 12 de maio de 2019 
  129. «AKB前田卒業公演をGoogle+&YouTubeで完全生配信 ファンの投稿が公演の演出に!». ORICON NEWS. Consultado em 12 de maio de 2019 
  130. «AKB、今年も6月に総選挙 過去最多240人超出馬 前田の参加は?». ORICON NEWS. Consultado em 12 de maio de 2019 
  131. a b «Oshima's win in AKB48 election big news in Japan ‹ Japan Today: Japan…». archive.is. 23 de novembro de 2012. Consultado em 12 de maio de 2019 
  132. «朝日新聞デジタル:AKB48グループ今度は上海 - 日刊スポーツ芸能ニュース - 映画・音楽・芸能». web.archive.org. 23 de abril de 2012. Consultado em 12 de maio de 2019 
  133. «さしこ、AKB48チームA最終公演は6・20». ORICON NEWS. Consultado em 12 de maio de 2019 
  134. a b Inc, Natasha. «AKB48アルバムをドーム前発売&じゃんけん大会開催決定». 音楽ナタリー (em japonês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  135. «AKB48公式サイト». AKB48公式サイト. Consultado em 12 de maio de 2019 
  136. «Crunchyroll - AKB48 Announces Tectonic Line-Up Shift». web.archive.org. 10 de setembro de 2012. Consultado em 12 de maio de 2019 
  137. Records, Walt Disney. «Walt Disney Animation Studios' "Wreck-It Ralph" Scores Big with Composer Henry Jackman, Plus Original Music from Skrillex, AKB48, Owl City and Buckner & Garcia». www.prnewswire.com (em inglês). Consultado em 15 de maio de 2019 
  138. «WebCite query result». www.webcitation.org. Consultado em 15 de maio de 2019 
  139. «Oricon reveals "Artist Total Sales Revenue" ranking for 2012 | tokyohive.com». www.tokyohive.com (em inglês). Consultado em 15 de maio de 2019 
  140. «AKB48 and sister groups to hold live concerts at Nippon Budokan in April | tokyohive.com». www.tokyohive.com (em inglês). Consultado em 15 de maio de 2019 
  141. «AKB48 to hold an open-air live concert "AKB48 Super Festival" at Nissan Stadium | tokyohive.com». www.tokyohive.com (em inglês). Consultado em 15 de maio de 2019 
  142. «DOCUMENTARY of AKB48 No flower without rain 少女たちは涙の後に何を見る? : 作品情報». 映画.com (em japonês). Consultado em 15 de maio de 2019 
  143. «Japanese Box Office, February 2-3». Anime News Network (em inglês). Consultado em 15 de maio de 2019 
  144. «Japanese Box Office, February 16-17 (Updated)». Anime News Network (em inglês). Consultado em 15 de maio de 2019 
  145. «Itano Tomomi to graduate from AKB48 this year | tokyohive.com». www.tokyohive.com (em inglês). Consultado em 15 de maio de 2019 
  146. Inc, Natasha. «AKB48、今年の総選挙は立候補制&日産スタジアムで開票». 音楽ナタリー (em japonês). Consultado em 15 de maio de 2019 
  147. «あらま They Didn't ! Japanese Entertainment News - Weekly Oricon Chart: …». archive.is. 17 de junho de 2013. Consultado em 15 de maio de 2019 
  148. «AKB48「さよならクロール」累積売上185万枚突破、SPEED「White Love」を上回り女性グループ史上最高記録更新!». The Natsu Style (em japonês). 2 de junho de 2013. Consultado em 15 de maio de 2019 
  149. «AKB48 General Elections (June 8, 2013) J!-ENT Coverage for AKB48 32nd Single Senbatsu Sosenkyou – 1:00 a.m. – 2:00 PST (5:00-6:00 PM – Tokyo) : Covering Entertainment & Pop Culture in the U.S. and Worldwide | j-entonline.com». web.archive.org. 5 de outubro de 2013. Consultado em 15 de maio de 2019 
  150. «AKB48 General Elections (June 8, 2013) – J!-ENT Post Election Coverage for the AKB48 32nd Single Senbatsu Sosenkyou – Interview with Melody Dassance : Covering Entertainment & Pop Culture in the U.S. and Worldwide | j-entonline.com». web.archive.org. 5 de outubro de 2013. Consultado em 15 de maio de 2019 
  151. «[Completed] AKB48 32nd Single Senbatsu General Election results! | tokyohive.com». www.tokyohive.com (em inglês). Consultado em 15 de maio de 2019 
  152. «AKB48 32ndシングル 選抜総選挙». AKB48公式サイト (em japonês). Consultado em 15 de maio de 2019 
  153. «AKB48's Shinoda Mariko announces her graduation from the group next month | tokyohive.com». www.tokyohive.com (em inglês). Consultado em 15 de maio de 2019 
  154. «Atsuko Maeda makes guest appearance at AKB48 concert». Japan Today (em inglês). Consultado em 15 de maio de 2019 
  155. «3800人背にセンターさしこ!AKB新曲「恋するフォーチュンクッキー」:芸能:スポーツ報知». web.archive.org. 24 de junho de 2013. Consultado em 15 de maio de 2019 
  156. Inc, Natasha. «SKE48 - 音楽ナタリー 特集・インタビュー». 音楽ナタリー (em japonês). Consultado em 15 de maio de 2019 
  157. Jul3 (24 de agosto de 2013). «MELOS no Michi: AKB48 New (Minegishi) Team 4 Created». MELOS no Michi. Consultado em 15 de maio de 2019 
  158. «Banda popular do Japão é atacada por fã com uma serra - 26/05/2014 - Ilustrada». Folha de S.Paulo. Consultado em 19 de maio de 2019 
  159. «Man who attacked AKB48 members with saw pleads guilty». The Japan Times Online (em inglês). 5 de novembro de 2014. ISSN 0447-5763 
  160. France-Presse, Agence (26 de maio de 2014). «Japanese girl band AKB48 attacked with a saw at fan event». The Guardian (em inglês). ISSN 0261-3077 
  161. CNN, Junko Ogura and Tim Hume. «Japanese man sentenced for saw attack on pop stars». CNN. Consultado em 19 de maio de 2019 
  162. «たかみな、ぱるる、Mステで目潤ませ熱唱 - AKB48 - 芸能ニュース». nikkansports.com (em japonês). Consultado em 19 de maio de 2019 
  163. «AKB劇場6月2日から再開の公式発表/芸能速報/デイリースポーツ online». www.daily.co.jp. Consultado em 19 de maio de 2019 
  164. «味スタ大雨厳戒…手荷物検査員106人、金属探知機122台». サンスポ (em japonês). 8 de junho de 2014. Consultado em 19 de maio de 2019 
  165. «AKB総選挙 大雨…45分遅れで開演(2)/芸能速報/デイリースポーツ online». www.daily.co.jp. Consultado em 19 de maio de 2019 
  166. «2015年01月19日~2015年01月25日 オリコン週間 アルバムランキング». ORICON NEWS. Consultado em 19 de maio de 2019 
  167. «ゆきりん 3月発売新曲「Green Flash」で初のセンターに – 東京スポーツ新聞社». 東スポWeb – 東京スポーツ新聞社 (em japonês). Consultado em 19 de maio de 2019 
  168. «AKB48 39thシングル「Green Flash」の初日売上は860,269枚 - AKB48まとめんばー». akb48-matome.blog.jp. Consultado em 19 de maio de 2019 
  169. «川栄、卒業は「夢を叶えたいと思ったから」 - AKB48 : 日刊スポーツ». nikkansports.com (em japonês). Consultado em 19 de maio de 2019 
  170. «こじはる、武藤十夢らNYにAKB、ファン5000人集結に感動 ― スポニチ Sponichi Annex 芸能». web.archive.org. 14 de maio de 2015. Consultado em 19 de maio de 2019 
  171. «こじはるらNYで「ヘビロテ」など5曲披露 - AKB48 : 日刊スポーツ». nikkansports.com (em japonês). Consultado em 19 de maio de 2019 
  172. «里田まいも興奮「すごい熱気」AKB・NYイベント - AKB48 : 日刊スポーツ». nikkansports.com (em japonês). Consultado em 19 de maio de 2019 
  173. «AKB48、6年ぶりNYライブに5000人熱狂 里田まい現地報告「ものすごい熱気」». ORICON NEWS. Consultado em 19 de maio de 2019 
  174. «僕たちは戦わない(初回限定盤/Type A) | AKB48». ORICON NEWS. Consultado em 19 de maio de 2019 
  175. «AKB総選挙 視聴率18・8%…過去2位 瞬間最高は指原コールで23・4% (デイリースポーツ) - Yahoo!ニュース». web.archive.org. 12 de junho de 2015. Consultado em 19 de maio de 2019 
  176. «Rino Sashihara crowned amid tears and jeers at AKB election». The Japan Times (em inglês). 8 de junho de 2015. Consultado em 19 de maio de 2019 
  177. «AKB48『「AKB48 41stシングル 選抜総選挙」開票結果』». AKB48 Official Blog 〜1830mから~ Powered by Ameba (em japonês). Consultado em 19 de maio de 2019 
  178. «AKB48公式サイト | AKB48 41stシングル 選抜総選挙 :選挙速報». web.archive.org. 26 de junho de 2015. Consultado em 19 de maio de 2019 
  179. «Minami Takahashi Named Center for her Final AKB48 Single! Details of 42nd Single Announced!». Japanese kawaii idol music culture news | Tokyo Girls Update (em inglês). Consultado em 19 de maio de 2019 
  180. «AKB48 overtakes iconic rock group to become Japan's No.1». SBS PopAsia (em inglês). Consultado em 19 de maio de 2019 
  181. «AKB48's 43rd Single "Kimi wa Melody" Revealed on Final Day of Request Hour 2016!». Japanese kawaii idol music culture news | Tokyo Girls Update (em inglês). Consultado em 19 de maio de 2019 
  182. «【AKB紅白】台湾オーディション合格の馬嘉伶「ヘビロテ」1人で熱唱 – 東京スポーツ新聞社». 東スポWeb – 東京スポーツ新聞社 (em japonês). Consultado em 19 de maio de 2019 
  183. «微博». m.weibo.cn. Consultado em 19 de maio de 2019 
  184. Polaris (25 de dezembro de 2016). «Rino Sashihara and Morning Musume Collab on AKB48's 8th Album». ARAMA! JAPAN (em inglês). Consultado em 19 de maio de 2019 
  185. «Kojima Haruna announces graduation from AKB48 | tokyohive.com». www.tokyohive.com (em inglês). Consultado em 19 de maio de 2019 
  186. «Marriage, Graduation Announcements Overshadow Idol Rino Sashihara's 3rd AKB48 Election Win». Anime News Network (em inglês). Consultado em 19 de maio de 2019 
  187. «Details on AKB48 Shuffle Team Members in late 2017». Bunshun English. Consultado em 19 de maio de 2019 
  188. «【紅白】AKB48まゆゆが有終の美 視聴者人気1位は「11月のアンクレット」». ORICON NEWS. Consultado em 19 de maio de 2019 
  189. «AKB48、9枚目のフルアルバム『僕たちは、あの日の夜明けを知っている』1月24日発売 - TOWER RECORDS ONLINE». tower.jp. Consultado em 15 de maio de 2019 
  190. aramajapan (28 de fevereiro de 2018). «"Ja-Ba-Ja" All Night Long with AKB48 in New Music Video». ARAMA! JAPAN (em inglês). Consultado em 15 de maio de 2019 
  191. «AKB48 Perform New Single 'Teacher Teacher' at First Headlining Show in Two Years». Billboard. Consultado em 15 de maio de 2019 
  192. «Jurina Matsui triumphs in the 2018 AKB48 General Election». SBS PopAsia (em inglês). Consultado em 15 de maio de 2019 
  193. «[공식입장] "'프듀'·'AKB48' 컬래버"…'프로듀스48' 내년 방송 확정». www.xportsnews.com (em coreano). 29 de novembro de 2017. Consultado em 15 de maio de 2019 
  194. «一般社団法人 日本レコード協会». www.riaj.or.jp. Consultado em 15 de maio de 2019 
  195. «AKB48 54th Single with Miyawaki Sakura CENTER, but without Matsui Jurina Participation - 48/46 J-POP & Showbiz News». jshowbiz.com. Consultado em 15 de maio de 2019 
  196. «センチメンタルトレイン (Type B)». www.melon.com (em coreano). Consultado em 13 de maio de 2019 
  197. «AKB48 55thシングル収録内容一部決定のお知らせ | AKB48 KING RECORDS official website». akb.kingrecords.co.jp (em japonês) [ligação inativa]
  198. DoctorDazza. «AKB48 Announce the Release Date of Their 1st Single of Reiwa». Crunchyroll. Consultado em 23 de julho de 2019 
  199. «AKB48 to reveal 56th single "Sustainable" this Wednesday - 48/46 J-POP & Showbiz News». www.jshowbiz.com. Consultado em 23 de julho de 2019 
  200. «AKB48冠番組「AKBINGO!」終了へ 11年半の歴史に幕 - モデルプレス». モデルプレス - ライフスタイル・ファッションエンタメニュース (em japonês). Consultado em 7 de março de 2020 
  201. «番組を応援してくださった皆さんへ». AKB48SHOWブログ (em japonês). Consultado em 7 de março de 2020 
  202. «AKB総選挙の開催見送り発表 09年開始以降で初 - AKB48 : 日刊スポーツ». nikkansports.com (em japonês). Consultado em 7 de março de 2020 
  203. Harding, Daryl. «Minami Minegishi, the Final Member of AKB48's First Generation, Announces Graduation». Crunchyroll. Consultado em 7 de março de 2020 
  204. «Last 1st Generation AKB48 Idol Minami Minegishi Announces Graduation». Anime News Network (em inglês). Consultado em 7 de março de 2020 
  205. «AKB峯岸みなみ卒業!4・2卒コン、1期生ゼロに - AKB48 : 日刊スポーツ». nikkansports.com (em japonês). Consultado em 7 de março de 2020 
  206. «AKB48's Japanese company announces division of management in preparation for IZ*ONE's return to promotions». allkpop. Consultado em 7 de março de 2020 
  207. «AKB48 57thシングル タイトル決定! | AKB48 KING RECORDS official website». akb.kingrecords.co.jp (em japonês). Consultado em 7 de março de 2020 
  208. «Yamauchi Mizuki appointed AKB48 57th Single CENTER - 48/46 J-POP & Showbiz News». jshowbiz.com. Consultado em 26 de janeiro de 2020 
  209. Kyle (22 de janeiro de 2020). «Mizuki Yamauchi to center AKB48's new single, called the "2nd Sakura Miyawaki"». ARAMA! JAPAN (em inglês). Consultado em 7 de março de 2020 
  210. «HuffPost - Breaking News, U.S. and World News». www.huffpost.com (em inglês). Consultado em 13 de maio de 2019 
  211. Joyce, Andrew; Maxwell, Kenneth (28 de dezembro de 2011). «Japan Goes Gaga Over a 92-Member Girl Group». Wall Street Journal (em inglês). ISSN 0099-9660 
  212. Baseel, Casey (14 de dezembro de 2014). «"Who's still buying physical media in Japan? Top 20 singles lists for the year reveal the answer".» [Quem ainda está comprando mídia física no Japão? Top 20 listas de singles para o ano revelam a resposta] (em inglês). rocketnews24.com 
  213. Swarts, Alan (23 de julho de 2013). «"Why Japan's Music Industry Is Booming... For Now"» [Por que a indústria musical do Japão está crescendo ... por enquanto] (em inglês). Billboard 
  214. «DOCUMENTARY of AKB48 to be continued 10年後、少女たちは今の自分に何を思うのだろう? : 作品情報». 映画.com (em japonês). Consultado em 13 de maio de 2019 
  215. «DOCUMENTARY of AKB48 Show must go on 少女たちは傷つきながら、夢を見る : 作品情報». 映画.com (em japonês). Consultado em 13 de maio de 2019 
  216. «Documentary of AKB48: Show Must Go On (2012)». www.boxofficemojo.com. Consultado em 13 de maio de 2019 
  217. «DOCUMENTARY of AKB48 No flower without rain 少女たちは涙の後に何を見る? : 作品情報». 映画.com (em japonês). Consultado em 13 de maio de 2019 
  218. «Documentary of AKB48: No Flower Without Rain». www.boxofficemojo.com. Consultado em 13 de maio de 2019 
  219. «DOCUMENTARY of AKB48 The time has come 少女たちは、今、その背中に何を想う? : 作品情報». 映画.com (em japonês). Consultado em 13 de maio de 2019 
  220. «Japan Box Office, July 12–13, 2014». www.boxofficemojo.com. Consultado em 13 de maio de 2019 
  221. «Japanese Box Office, January 28-29». Anime News Network (em inglês). Consultado em 13 de maio de 2019 
  222. «マンガ「AKB49」はAKB48大島優子も納得の出来!?「楽屋での私のまんまだ((;゜Д゜))」». シネマトゥデイ. Consultado em 12 de maio de 2019 
  223. a b «AKB0048 Idol Sci-Fi Anime's TV Ad Streamed». Anime News Network (em inglês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  224. «AKB0048 next stage's 1st Promo Streamed». Anime News Network (em inglês). Consultado em 12 de maio de 2019 
  225. «The AKB48 Arcade Game Is Pretty Much AKB48 House Of The Dead». Siliconera. 7 de fevereiro de 2014. Consultado em 13 de maio de 2019 
  226. «AKB48 Finally Gets An Official Music Game Is, Well, The Name Of The Game». Siliconera. 7 de maio de 2014. Consultado em 13 de maio de 2019 
  227. kevingifford (17 de outubro de 2012). «Japan Review Check: AKB48, Borderlands 2, Forza: Horizon». Polygon. Consultado em 13 de maio de 2019 
  228. «From Akiba to L.A. with AKB48». Anime News Network (em inglês). Consultado em 13 de maio de 2019 
  229. Takeo, Yuko (24 de junho de 2013). «As CDs Spin On in Japan, Tower Records Rocks On». WSJ (em inglês). Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  230. Ryusenkai (22 de dezembro de 2015). «Oricon unveils their Yearly Sales Rankings for 2015». ARAMA! JAPAN (em inglês). Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  231. «【オリコン】AKB48、女性グループ歴代1位 シングル総売上1178.7万枚». ORICON NEWS. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  232. «2019年度 オリコン年間 シングルランキング». ORICON NEWS. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  233. «【オリコン年間】AKB48、10年連続シングル1位・2位独占 9年連続ミリオン突破». ORICON NEWS. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  234. «2011年度 オリコン年間 シングルランキング». ORICON NEWS. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  235. «2012年度 オリコン年間 シングルランキング». ORICON NEWS. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  236. «2013年度 オリコン年間 シングルランキング». ORICON NEWS. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  237. «2014年度 オリコン年間 シングルランキング». ORICON NEWS. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  238. «2015年度 オリコン年間 シングルランキング». ORICON NEWS. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  239. «2016年度 オリコン年間 シングルランキング». ORICON NEWS. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  240. «【オリコン"平成セールス"ランキング】シングルはSMAP、アルバムは宇多田ヒカルが1位 "平成No.1"アーティスト別セールスのB'zからはコメント到着 2ページ目». ORICON NEWS. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  241. «15/12/21付 オリコン週間シングルランキング結果速報». The Natsu Style (em japonês). 15 de dezembro de 2015. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  242. natuka_shinobu. «「恋するフォーチュンクッキー」が、有料音楽配信認定においてミリオンになったので、他のAKB48曲を含めて考察しました». 夏かしのブログ (em japonês). Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  243. «2014年JOYSOUND年間ランキング». JOYSOUND.com (em japonês). Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  244. «2011年間ヒットタレント本/写真集【PRiVATE LiFE】年間ランキング». entamedata.web.fc2.com. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  245. «年間CM起用社数、女性上位はAKB独占 男性は石川遼が4連覇». ORICON NEWS. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  246. «Coming Soon Page». snrcloud.com. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  247. «AKB48 is officially the world's biggest group». web.archive.org. 18 de julho de 2011. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  248. «AKB48's new Guinness World Record». sg.news.yahoo.com (em inglês). Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  249. «New postage stamp sheets feature AKB48». Japan Times. 25 de novembro de 2011. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  250. «JAPANESE IDOL GROUP AKB48 FOUNDER YASUSHI AKIMOTO ON CNN'S TALK ASIA - Press Releases - Turner Asia». web.archive.org. 26 de dezembro de 2012. Consultado em 22 de maio de 2019 
  251. «CNN.com - Transcripts». edition.cnn.com. Consultado em 22 de maio de 2019 
  252. «The Truth Behind Heavy Rotation - Nihongogo» (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2019 
  253. «Japan girl group ad 'encourages homosexuality'». web.archive.org. 28 de junho de 2012. Consultado em 22 de maio de 2019 
  254. «AKB48の"口移し"CMに抗議殺到…「こんな品位の欠けるCMはやめてほしい」». シネマトゥデイ. Consultado em 22 de maio de 2019 
  255. «AKB48 candy ad criticized for encouraging homosexuality». Japan Today (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2019 
  256. «Publisher apologizes for 'inappropriate' picture of Tomomi Kasai's breasts - The Japan Daily Press». web.archive.org. 7 de março de 2013. Consultado em 25 de maio de 2019 
  257. «Japanese girl band star at centre of 'child porn' investigation after magazine used picture of her with boy touching her breasts». Mail Online. 23 de janeiro de 2013. Consultado em 25 de maio de 2019 
  258. «Young Magazine pulls 'inappropriate' AKB48 breast pic». TokyoReporter (em inglês). 11 de janeiro de 2013. Consultado em 25 de maio de 2019 
  259. Mosbergen, Dominique (2 de fevereiro de 2013). «WATCH: Pop Idol Shaves Head To Apologize For Spending Night With Boyfriend». HuffPost (em inglês). Consultado em 25 de maio de 2019 
  260. «From carnivores to herbivores: how men are defined in Japan». Japan Today (em inglês). Consultado em 25 de maio de 2019 
  261. McCurry, Justin; Tokyo (27 de dezembro de 2009). «Japan's 'grass eaters' turn their backs on macho ways». The Observer (em inglês). ISSN 0029-7712 
  262. Today, Asia; Korea, ContributorASIA TODAY is a comprehensive global media group that provides a variety of latest news from S.; World, The (2 de janeiro de 2017). «Japan's Lack of Romance: Is It Due to Idol Culture?». HuffPost (em inglês). Consultado em 25 de maio de 2019 
  263. «"AKB48、ファン待望の名曲をチャリティーソングとして配信"» (em japonês). Japan Model Press 
  264. «"AKB48、2作連続"初日ミリオン" 初日売上歴代最高の104.6万枚"» (em japonês). Oricon 
  265. «"AKB48's Post-Quake Support Song Sells 1 Million on 1st Day"» [Canção de suporte pós-terremoto do AKB48 vende 1 milhão no primeiro dia] (em inglês). Anime News Network. Consultado em 1 de maio de 2019 
  266. «"AKB48 charity efforts have raised 1.25 billion yen in donations"» [Esforços de caridade do AKB48 levantam 1,25 bilhão de ienes em doações] (em inglês). Tokyograph 
  267. «"AKB48 to distribute another charity song for free"» [AKB48 distribui outra música de caridade de graça] (em inglês). Tokyohive. 1 de março de 2013 
  268. «"AKB48 & sister groups hold special performances at their theaters + the disaster areas"» [AKB48 e grupos irmãos realizam performances especiais em seus teatros + as áreas de desastre] (em inglês). tokyohive.com. 11 de março de 2013 
  269. «AKB48公式サイト|ディスコグラフィー|SET LIST ~グレイテストソングス 2006-2007~【初回生産限定盤】». AKB48公式サイト. Consultado em 26 de julho de 2019 
  270. «AKB48 Site Oficial | Discografia | Kamikyokutachi [Edição Regular]». AKB48公式サイト. Consultado em 26 de julho de 2019 
  271. «AKB48公式サイト|ディスコグラフィー|ここにいたこと【初回限定盤】». AKB48公式サイト. Consultado em 26 de julho de 2019 
  272. «AKB 48 Site Oficial | Discografia | 1830 m [Edição Teatral] (CD 2 Disc Set)». AKB48公式サイト. Consultado em 26 de julho de 2019 
  273. «AKB48公式サイト|ディスコグラフィー|次の足跡 劇場盤». AKB48公式サイト. Consultado em 26 de julho de 2019 
  274. «AKB48公式サイト|ディスコグラフィー|ここがロドスだ、ここで跳べ!【劇場盤】». AKB48公式サイト. Consultado em 26 de julho de 2019 
  275. «Site oficial do AKB48 | Discografia | Entre 0 e 1 [Edição de Teatro]». AKB48公式サイト. Consultado em 26 de julho de 2019 
  276. «AKB48公式サイト|ディスコグラフィー|AKB48 8thアルバム「サムネイル」<Type A>». AKB48公式サイト. Consultado em 26 de julho de 2019 
  277. «AKB48公式サイト|ディスコグラフィー|9thアルバム「僕たちは、あの日の夜明けを知っている」<Type A>». AKB48公式サイト. Consultado em 26 de julho de 2019 
  278. «僕たちは、あの日の夜明けを知っている TypeA(CD+DVD複合)» (em japonês) 
  279. allcinema, TV フォーチュンクッキー (2013)について 映画データベース - allcinema (em japonês), consultado em 4 de janeiro de 2020 
  280. allcinema, TV マジすか学園4 (2015)について 映画データベース - allcinema (em japonês), consultado em 4 de janeiro de 2020 
  281. Cabasuka Gakuen (em inglês), consultado em 4 de janeiro de 2020 
  282. «AKB48's 'Majisuka Gakuen' to return with a new series titled 'Kyabasuka Gakuen' | tokyohive.com». www.tokyohive.com (em inglês). Consultado em 4 de janeiro de 2020 
  283. allcinema, TV CROW'S BLOOD (2016)について 映画データベース - allcinema (em japonês), consultado em 4 de janeiro de 2020 
  284. Crow's Blood, consultado em 4 de janeiro de 2020 
  285. «AKB48's AKB0048 Anime Gets 4 Manga Series in 4 Mags». Anime News Network (em inglês). Consultado em 4 de janeiro de 2020 
  286. «Produce 48 Japanese Trainee Members Profile: Mnet New Survival Show's Girls». Kpopmap (em inglês). 15 de maio de 2018. Consultado em 4 de janeiro de 2020 

Ligações externasEditar

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
  Categoria no Commons
  Base de dados no Wikidata