A Revolução de Maio

filme de 1937 dirigido por António Lopes Ribeiro

A Revolução de Maio é uma longa-metragem portuguesa, realizada por António Lopes Ribeiro, no ano de 1937.
Trata-se do mais emblemático - e, muito provavelmente, o único - filme de propaganda ideológica feito pelo salazarismo: nele, a personagem principal, um homem com inclinações comunistas, apaixona-se por uma senhora bastante afecta à ideologia implementada pelo 28 de Maio. Desenrola-se então uma espécie de luta de bem contra o mal, i.e., das ideias do salazarismo contra as do comunismo. No fim, o homem acaba por abandonar os seus antigos pontos de vista e abraçar a causa de Salazar. O filme foi financiado pelo Secretariado de Propaganda Nacional de António Ferro.

A Revolução de Maio
A Revolução de Maio (PRT)
Portugal
1937 •  pb •  110 min 
Direção António Lopes Ribeiro
Roteiro Baltasar Fernandes, Jorge Afonso
Elenco Maria Clara, Emília D'Oliveira, Alexandre de Azevedo
Género drama
Idioma português

ElencoEditar

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um filme é um esboço relacionado ao Projeto Entretenimento. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.