Abrir menu principal

A Super Fêmea

filme de 1973 dirigido por Aníbal Massaini Neto
A Super Fêmea
Cartaz do filme, destacando a atriz Vera Fischer, em desenho de Benício.
 Brasil
1973 •  cor •  95 min 
Direção Anibal Massaini Neto
Roteiro Anibal Massaini Neto / Lauro César Muniz / Alexandre Pires / Adriano Stuart
Elenco Vera Fischer
Perry Salles
John Herbert
Geórgia Gomide
Walter Stuart
Género comédia
Idioma português
Página no IMDb (em inglês)

A Super Fêmea[nota 1] é um filme brasileiro de 1973, do gênero comédia erótica, dirigido e escrito por Anibal Massaini Neto, e com roteiro de Lauro César Muniz, Alexandre Pires e Adriano Stuart.

SinopseEditar

Bela modelo é contratada para fazer a campanha de uma pílula contraceptiva para homens. O problema será conquistar a confiança do público alvo, uma vez que todos desconfiam que o tal produto pode causar impotência.

ElencoEditar

RecepçãoEditar

Marina Paulista em sua crítica para o Papo de Cinema disse que o "humor sujo, as piadinhas, os trocadilhos e a nudez feminina. Todas as marcas da pornochanchada estão presentes em A Super Fêmea. (...) Mesmo com alguns momentos genuinamente engraçados, (...) fica evidente ao público atual que o humor de 1973 não envelheceu tão bem. É complicado entrar nessa questão sem cair no anacronismo, já que muito da comédia se baseia em coisas que hoje seriam ofensivas."[1]

Ver tambémEditar

Referências

  1. Marina Paulista (4 de agosto de 2016). «A Super Fêmea». www.papodecinema.com.br. Consultado em 24 de outubro de 2016 

Notas

  A Wikipédia tem o
  Este artigo sobre um filme brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.