Abdul Raxide de Gásni

Abdul Raxide ou Abdal Raxide (em árabe: عبد الرشيد‎; romaniz.: Abdul-Raxid ou Abdal-Raxid) foi o 10.º sultão do Império Gasnévida por alguns meses em 1052. Era filho de Mamude (r. 998–1030). Sob seu sobrinho Ali (r. 1050–1052), filho de Maçude I (r. 1030–1040), esteve preso numa fortaleza da qual foi libertado em 1052 para fazer frente a seu parente incompetente. Abdul Raxide marchou contra Gásni, depôs Ali e ascendeu ao trono. De imediato, nomeou como governador do Punjabe Nuxeteguim, que recuperou a fortaleza de Cangra e restaurou a ordem no país, enquanto enviou Tugril ao Sistão para subjugar aquela província. Tugril conseguiu vitórias contra os seljúcidas do Coração e com isso fortaleceu sua posição a ponto de reunir grande exército com o qual assaltou Gásni, derrotando e matando Abdul Raxide e nove outros membros de sua dinastia antes de ascender ao trono.[1]

Abdul Raxide
Sultão do Império Gasnévida
Reinado 1052
Antecessor(a) Ali
Sucessor(a) Tugril
 
Dinastia gasnévida
Morte 1052
  Gásni
Pai Mamude

Referências

  1. Haig 1928, p. 33-34.

BibliografiaEditar

  • Haig, Wolseley (1928). «II - The Yamini Dynasty of Ghazni and Lahore, Commonly Known as the Ghaznavids». In: Haig, Wolseley. Cambridge History of India Vol. III - Turks and Afghans. Cambrígia: Imprensa da Universidade de Cambrígia