Abelardo de Souza

arquiteto brasileiro

Abelardo Riedy de Souza (Rio de Janeiro, 15 de junho de 1908São Paulo, 11 de abril de 1981) foi um arquiteto brasileiro.[1]

Abelardo Riedy de Souza
Nascimento 15 de junho de 1908
Morte 11 de abril de 1981 (72 anos)
São Paulo, São Paulo, Brasil
Ocupação arquiteto

HistóriaEditar

 
Mercado Municipal de Pirituba, 1971.
Museu da Cidade de São Paulo

Estudou na Escola Nacional de Belas Artes, entre 1927 e 1932, especializando-se em arquitetura. Com Lúcio Costa como diretor da escola a partir de 1930, Abelardo e outros alunos absorveram as tendências da arquitetura racionalista moderna, influenciados pelas obras de arquitetos como Le Corbusier e Gregório Warchawchik.

Após terminar a EMBA, Abelardo fez o curso de urbanismo na Universidade do Distrito Federal até 1935.[2] Trabalhou no Departamento de Engenharia da prefeitura do Rio de Janeiro, então Distrito Federal, supervisionando a construção de edifícios. Mudou-se para São Paulo em 1939, onde montou escritório. Seu projeto do Edifício Nações Unidas, na Avenida Paulista, marcou a transição de uma via conhecida pelos casarões para um centro financeiro e comercial.[3]

Abelardo foi professor da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP de 1948 a 1956 e de 1961 a 1971. Em 1964 o nome de Abelardo esteve numa lista de professores e alunos da USP acusados de "atividades subversivas" por uma comissão implantada durante a ditadura militar.[4][5]

Obras selecionadasEditar

Referências

  1. «Necrologia». Folha de S.Paulo, ano 61, edição 19002, 3º Caderno, página 28. 12 de abril de 1981. Consultado em 2 de setembro de 2020 
  2. http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/16/16131/tde-10082010-085508/.../dissertacao1.pdf[ligação inativa]
  3. «Folha.com - Classificados - Imóveis - 120 anos: Prédios da av. Paulista expressam as mudanças do poder econômico - 08/12/2011». classificados.folha.uol.com.br. Consultado em 6 de junho de 2018 
  4. https://www.adusp.org.br/files/cadernos/livronegro.pdf
  5. «Os arquitetos e a ditadura - CAU/BR». CAU/BR. 10 de março de 2014 
  6. «Residência de Oswaldo Young». Revista Municipal de Engenharia-Prefeitura do Rio de Janeiro, edição 4, volume XV páginas 127-129. Setembro de 1948 
  7. «Abelardo de Souza». Revista Acrópole, Ano 16, edição 184, páginas 171 a 174. Agosto de 1953. Consultado em 2 de setembro de 2020 
  8. «Mercado Municipal de Pirituba | Secretaria Municipal de Trabalho e Empreendedorismo | Prefeitura da Cidade de São Paulo». www.prefeitura.sp.gov.br. Consultado em 5 de junho de 2018 

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Abelardo de Souza
  Este artigo sobre um(a) arquiteto(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.