Academia Maceioense de Letras

Academia Maceioense de Letras, fundada em 11 de agosto de 1955[1], em Maceió, Alagoas, é uma academia de letras brasileira.

Fundada por intelectuais alagoanos, entre eles os escritores Cláudio Antônio Jucá Santos, Augusto Vaz da Silva Filho, Artur Verres Domingues, Manoel Cícero do Nascimento, Rui Ávila, Paulo Duarte Cavalcante, Rui Sampaio e o seu idealizador, o jornalista José Rodrigues de Gouveia.

Nasceu em consequência da decadência do Centro Cultural Emílio de Maya[2].

Seu atual presidente é um de seus fundadores, o poeta Cláudio Antonio Jucá Santos[1].

Ligações externasEditar

Referências

  Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.