Abrir menu principal

Adega Quintas de Melgaço

Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde junho de 2019). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Quintas de Melgaco.JPG

A Adega Quintas de Melgaço é uma sociedade anónima situada na Região Demarcada dos Vinhos Verdes, na Sub-Região de Monção e Melgaço, especializada na produção de vinhos verdes, nomeadamente o Alvarinho.

Está localizada na freguesia de Alvaredo

A ideia da sua criação remonta a 1990, quando Amadeu Abílio Lopes, emigrante melgacense que há mais de meio século procurou e conseguiu fortuna no Brasil, procurou uma forma de valorizar os produtos da sua terra natal. A adega começou a laborar em 1994 então já com mais três ou quatro dezenas de accionistas e dois anos depois Amadeu Abílio Lopes (sem herdeiros) ofereceu as suas acções à Câmara Municipal de Melgaço, que se tornou dona de mais de 70% do projecto.

Em 2013, a empresa Adegas de Melgaço já conta com mais de 500 accionistas, dos quais 430 são produtores e lá vinificam as suas uvas, na esmagadora percentagem alvarinho (mais de 90%), mas também trajadura, vinhão e alvarelhão, estas em quantidades residuais. A área total de vinha é de 100 ha, com a média por proprietário a ser cerca de 2000 m2 e com o maior de todos a possuir sete hectares.

Em 2013, produzem e vendem cerca de um milhão de litros, colocando no mercado nacional cerca de 85%, procurando subir a exportação, que em 2014 poderá chegar aos 25%.

Ligações externasEditar