Abrir menu principal
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Aderbal.
Aderbal Duarte
Nome completo Aderbal da Silva Duarte Filho
Nascimento 1949 (70 anos)
Boa Nova, Brasil
Ocupação Maestro, compositor, arranjador, violonista, professor de música

Aderbal da Silva Duarte Filho (Boa Nova, 1949) é um maestro, compositor, arranjador, violonista e professor de música brasileiro.

Filho de uma família de músicos do sudoeste da Bahia, começou a sua formação musical na infância, ouvindo, entre outros, Pixinguinha, Ataulfo Alves, Noel Rosa e Luiz Gonzaga. A estes juntaram-se Caymmi, João Gilberto, Tom Jobim e Baden Powell.[1]

Graduado em Composição e Regência pela Escola de Música da Universidade Federal da Bahia (UFBA) em 1980, foi aluno de Ernst Widmer e Walter Smetak.[2]

É pesquisador de MPB contemporânea, em particular da obra de João Gilberto e Baden Powell.

Em 2003, obteve o Prêmio Braskem Cultura e Arte, na categoria Instrumentista Solo.

É também professor universitário e autor de livros didáticos de Pedagogia Musical, Teoria Musical e Execução Instrumental, editados no Brasil e na Europa. Em 2005, apresentou um concerto em Mafra, Portugal.[3] Em 2007, em turnê na Alemanha, apresentou-se em Nuremberg.[4]

DiscografiaEditar

  • Sexteto do Beco (1980)
  • Toque com bossa (2004)

Livros publicadosEditar

  • Percepção Musical - método de sofejo baseado na MPB. Salvador: Boanova, 1996.

Happy Byrday Bossa Nova - editora Boossey&Hankes. Alemanha - Berlim

Referências

  1. Dados biográficos.
  2. Semana Smetak: palestras, filme e livro[ligação inativa] por James Martins. Bahia Notícias, 19 de maio de 2009.
  3. Agenda cartaz, outubro de 2005. Arquivado em 27 de julho de 2008, no Wayback Machine. Câmara Municipal de Mafra.
  4. Aderbal Duarte, Meister des Bossa Nova Arquivado em 13 de abril de 2010, no Wayback Machine. (em alemão)

Ligações externasEditar