Adriana de Castro

jornalista brasileira

Adriana de Castro Silva (Rio de Janeiro, 23 de maio de 1967) é uma jornalista brasileira.

Adriana de Castro
Nome completo Adriana de Castro Silva
Nascimento 23 de maio de 1967 (57 anos)
Rio de Janeiro
Cônjuge Glauco Campos
Prêmios Troféu Mulher Imprensa (2006)

Biografia

editar

Adriana de Castro também é formada em artes plásticas, e produz várias obras de arte, que cria em paralelo com a carreira jornalística.

Adriana é casada com o administrador Glauco Campos, com quem tem um filho, Antônio.

Carreira

editar

Adriana começou a sua carreira na extinta Rede Manchete, no Rio de Janeiro, como repórter e apresentadora.

Em 1993 chegou à São Paulo, vinda do Rio de Janeiro, a convite da Rede Record. Foram sete anos à frente do Informe São Paulo, do Jornal da Record, do Jornal Onze & Meia e do Jornal da Record 2ª Edição. Foi, por muito tempo, a "cara" do jornalismo da Record, apresentando quase todos os telejornais da casa (inclusive os que tiveram vida efêmera, como o Fala Brasil dominical, com José Luiz Datena e Rosana Hermann), também como substituta eventual dos "medalhões" da emissora de várias épocas, como Chico Pinheiro, em 1995, e Boris Casoy, a partir de 1997.

Também fez reportagens especiais, para a Rede Record, como a série sobre a estréia do Filme Arquivo X, feita em Los Angeles, nos Estados Unidos.

Em 2000 fez a sua estréia no SBT, no programa SBT Repórter.

Em 2001 foi trabalhar no SporTV. Apresentou os programas SporTV News, Troca de Passes e Grid Motor.

Em 2002 aceitou o convite da Rede Mulher, para ser âncora do Jornal da Rede Mulher até pouco antes do encerramento da emissora, que viria a dar lugar a Record News em 27 de setembro de 2007. Queria trabalhar com temas voltados para a mulher e qualidade de vida.

Em 2006 Adriana recebeu o Troféu Mulher Imprensa na categoria de melhor âncora de telejornal.[1]

Em março de 2009, a rede CNT lhe deu a chance que ela buscava. Foi uma grande virada na carreira. Saiu da bancada dos telejornais e passou a apresentar o programa Notícias e Mais, junto com o jornalista Leão Lobo e Rony Curvello, um programa jornalístico das 12h30 às 14h, de segunda a sexta e eventualmente substituia a jornalista Salette Lemos no CNT Jornal. Em 2014, deixa a emissora, juntamente com vários profissionais, em razão da venda da emissora para a Igreja Universal do Reino de Deus. Foram cinco anos à frente do Notícias & Mais.

Filmografia

editar
Ano Nome Função Emissora
1985- 1989 Jornal da Manchete Repórter Rede Manchete
1989- 1992 Programa de Domingo Apresentadora
1992-1997 Jornal da Record Rede Record
1995-2000 Apresentadora Eventual
1997-1999 Jornal Onze & Meia Apresentadora
1999 Fala Brasil Edição de Domingo
1999-2000 Jornal da Record 2ª Edição
2000-2001 SBT Repórter SBT
2001-2002 SporTV News SporTV
Troca de Passes
Grid Motor
2002-2007 Jornal da Rede Mulher Rede Mulher
2009-2014 Notícias e Mais CNT
CNT Jornal Apresentadora Eventual

Internet

editar
Nome do Programa Período Função
A Inteligência Feminina 2014 - presente Apresentadora

Canal no YouTube

editar

Na Web apresenta o programa A Inteligência Feminina, criado a partir do livro do mesmo nome da psiquiatra Hebe de Moura. A dra. Hebe dá dicas inéditas de como fazer algumas mudanças simples no nosso comportamento para conseguir resultados surpreendentes.

O programa recebe também uma convidada toda semana, que divide suas experiências conosco e traz suas perguntas.

Referências

Ligações Externas

editar
  Este artigo sobre um(a) jornalista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.