Abrir menu principal

Aeroporto de Maringá

Maringá
Aeroporto
Aeroporto Regional Silvio Name Júnior
Fachada principal do aeroporto.
IATA: MGF - ICAO: SBMG
Características
Tipo Público
Administração Terminais Aéreos de Maringá - SBMG S/A
Serve Região de Maringá
Localização Brasil Maringá, PR
Inauguração 25 de abril de 2001 (18 anos)
Coordenadas 23° 28' 46" S 52° 0' 44" O
Altitude 545 m (1 788 ft)
Movimento de 2015
Passageiros 437 505 passageiros
Carga 1 242 015 Kg
Aéreo 5 388 decolagens
Principais companhias Azul, Gol e Latam
Website oficial Página oficial
Mapa
SBMG está localizado em: Brasil
SBMG
Localização do aeroporto no Brasil
Pistas
Cabeceira(s) Comprimento Superfície
10 / 28 2 100  m (6 890 ft) Asfalto
Notas
Dados do DECEA[1] e da ANAC[2]

O Aeroporto Regional de Maringá - Silvio Name Júnior (IATA: MGFICAO: SBMG) é um aeroporto brasileiro localizado em Maringá, distante 12 km da área central.

Passageiros embarcando Embraer 190 da Azul Linhas Aéreas Brasileiras.
Aeroporto de Maringá (MGF)
Aeroporto de Maringá (MGF).
Balcões de check-in
Balcões de check-in.

HistóriaEditar

Sua construção teve início em Outubro de 1994 e foi concluída em Julho de 2000.

O aeroporto foi homologado pelo Comando da Aeronáutica através da Portaria DAC n° 484/SIE em Março de 2001 e iniciou suas atividades em 25 de Abril de 2001.

Seu nome, Silvio Name Júnior, é uma homenagem a um jovem e promissor empresário maringaense, que foi vítima de acidente aéreo no ano de 2000 na cidade de São Paulo [3].

Em maio de 2012, o aeroporto foi elevado para categoria 7 e tornou-se um dos quatro do Sul do Brasil aptos a receber cargas internacionais com regularidade, ao lado dos aeroportos de Curitiba, Foz do Iguaçu e Porto Alegre. [4]

InfraestruturaEditar

A pista tem uma extensão homologada de 2.100 metros e largura de 45 metros.

O aeroporto aceita operações VFR e IFR, sendo que os procedimentos para pouso por instrumentos são constituídos por RNAV (GNSS e RNP) e NDB.

Possui também sistema PAPI, iluminação de pista, biruta iluminada e farol rotativo para procedimentos de aproximação.

O terminal de passageiros é climatizado e mede 4.094,09 m². Conta com TECA - Terminal de Cargas, hangares para aviação executiva, táxi aéreo, como também o Aeroclube de Maringá, que mantém uma escola voltada para a aviação civil, com cursos de Piloto Privado, Piloto Comercial e IFR.

Ampliação e modernizaçãoEditar

Obras de Ampliação e Investimentos [5]Editar

  • extensão da Pista de Pouso e Decolagem (PPD), de 2.100 para 2.380 metros;
  • demolição do atual pátio e reconstrução do pátio 1 de aeronaves;
  • ampliação do pátio 2;
  • reforma e ampliação da Seção Contra Incêndio (SCI) do Corpo de Bombeiros - de 150 m² para 300 m²;
  • instalação de instrumentos de aproximação ILS e ALS;
  • nova estação meteorológica;
  • ampliação do terminal de passageiros;
  • construção de uma nova sede administrativa.

Em 2012 Maringá foi a primeira cidade a conquistar os recursos para as obras de ampliação do aeroporto, dentro do Plano para o Desenvolvimento de Aeroportos Regionais. Desde então passando por diversas etapas de avaliações e aprovações de projetos e de assuntos burocráticos e licitações. A obra de R$ 81,5 milhões assegura maior intervenção já realizada no aeroporto desde sua inauguração. As Obras tiveram início em 29 de novembro de 2019, com previsão de execução em 12 meses[6].

Primeira Fase

Obras iniciadas em Novembro de 2019[7]

AdministraçãoEditar

O aeroporto é administrado pela empresa de economia mista Terminais Aéreos de Maringá - SBMG.

MovimentoEditar

O crescente desenvolvimento da região provocou um crescimento recorde no número de passageiros.

Os voos regionais são os mais procurados pelos passageiros, que circulam entre Maringá, Curitiba, Campinas, Porto Alegre e São Paulo, com ramificações para outras localidades do País.

O Aeroporto tem uma média diária de 44 operações entre pousos e decolagens.

EstatísticasEditar

Ano Passageiros Variação
2017 658.000 5%  
2016 696.131 20,57%  
2015 876.461 5,5%  
2014 831.134 14,18%  
2013 728.024 3,91%  
2012 757.719 13,61%  
2011 666.957 33,93%  
2010 497.979 55,82%  
2009 319.576 47,1%  

Companhias Aéreas e DestinosEditar

IncidentesEditar

  • Em 8 de março de 2016, o voo G3-1231 operado por um Boeing 737-8BK, prefixo PR-GOP, realizando a rota Maringá-PR a São Paulo - Guarulhos, levando 162 passageiros, foi obrigado a retornar ao Aeroporto de Maringá 15 minutos após a decolagem devido a problemas mecânicos no motor esquerdo que desestabilizou o voo. Os passageiros relataram terem ouvido um forte estouro e, em seguida, visto chamas saindo do motor esquerdo. Não houve feridos e a referida aeronave foi encaminhada para manutenção para a substituição do motor avariado.[9][10]

Voos Charter/FretadosEditar

O Aeroporto Regional de Maringá recebe diversos voos charters e fretados de diversas companhias aéreas em todas as épocas do ano. Tanto de voos domésticos de passageiros como internacionais de cargas. Os de passageiros ocorrem principalmente no período de férias escolares.

CaracterísticasEditar

  • Terminal de passageiros: 4.094,09 m²
  • Terminal de cargas: 2.593,60 m²
  • Habilitado ao tráfego internacional de cargas.

Equipamentos de navegação e auxílio ao vooEditar

  • NDB MRN 320 kHz
  • PAPI RWY 10
  • TWR 118.750 MHz
  • Estação meteorológica
  • Indicador de direção do vento iluminado
  • Balizamento noturno
  • Farol Rotativo
  • Operação H24

Meteorologia CMA (1 a 9).

Serviço de Salvamento e Combate a IncêndioEditar

  • RFFS - CAT 7.

ParqueamentoEditar

  • Possui dois pátios de estacionamento de aeronaves
  • O Comercial com 31 mil metros quadrados, com 7 posições para estacionamento de Boeings 737-800 e remoto para cinco Embraer 120.
  • O Aviação Geral e de pequeno porte com 100 m x 99 m.

Segurança PatrimonialEditar

  • Circuito interno de vigilância (CFTV).
  • Quantidade de pousos e decolagens: 670/mês.
  • Linhas aéreas regulares: GOL (Boeing), AZUL (Embraer e ATR), LATAM (Airbus).
  • Localiza-se na PR-317, na saída para Campo Mourão e Foz do Iguaçu, a 12 km 'SW' do centro de Maringá.
  • O Aeroporto Regional de Maringá foi construído fora do perímetro urbano da cidade, observando áreas livres para as futuras necessidades de ampliação.
  • Seu entorno é protegido por Lei Municipal de uso do solo.

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Publicação Auxiliar de Rotas Aéreas (ROTAER)» (PDF). Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA). 2016. Consultado em 1 de outubro de 2016. Cópia arquivada (PDF) em 1 de outubro de 2016 
  2. «Dados Estatísticos» (XLSB). Agência Nacional de Aviação Civil. 2015. Consultado em 2 de outubro de 2016. Cópia arquivada em 2 de outubro de 2016 
  3. Londrina, Folha de. «Name, que disputou a eleição, morreu no acidente». Folha de Londrina. Consultado em 13 de novembro de 2019 
  4. http://maringa.odiario.com/maringa/noticia/585719/aeroporto-ganha-area-de-manobras-de-13-mil-m2/
  5. «Ordem de serviço dará início ao projeto de ampliação do aeroporto». Prefeitura do Município de Maringá. Consultado em 13 de novembro de 2019 
  6. «Prazo para conclusão da ampliação da pista do aeroporto é de um ano». CBN Maringá. Consultado em 30 de novembro de 2019 
  7. «Obra de R$ 81,5 milhões assegura maior intervenção já realizada no aeroporto». Prefeitura do Município de Maringá. Consultado em 30 de novembro de 2019 
  8. «SBMG - Aeroporto Regional de Maringá». www.aeroportomaringa.com.br. Consultado em 30 de novembro de 2019 
  9. «Problema na turbina faz avião da Gol retornar para aeroporto de Maringá». maringa.odiario.com. Consultado em 10 de março de 2016 
  10. «Carreta que trazia turbina para Maringá tomba e reparo de avião atrasa». maringa.odiario.com. Consultado em 10 de março de 2016