Agualva e Mira-Sintra

freguesia do município de Sintra, Portugal

Agualva e Mira-Sintra (oficialmente, União das Freguesias de Agualva e Mira-Sintra[1]) é uma freguesia portuguesa do município de Sintra, com 5,98 km² de área[2] e 41 104 habitantes (2011[3]).

Portugal Portugal Agualva e Mira-Sintra 
  Freguesia  
Largo da Republica, em Agualva
Largo da Republica, em Agualva
Localização
Município SNT.png Sintra
História
Fundação 28 de janeiro de 2013
Administração
Tipo Junta de freguesia
Presidente Carlos Miguel Nunes Casimiro Pereira (PS)
Características geográficas
Área total 5,98 km²
População total (2011) 41 104 hab.
Densidade 6 873,6 hab./km²

Foi criada aquando da reorganização administrativa de 2012/2013,[1] resultando da agregação das antigas freguesias de Agualva e Mira-Sintra.

LugaresEditar

  • Agualva
  • Abelheira
  • Alto do Granjal
  • Alto de Colaride
  • Barroca
  • Bairro da Anta
  • Bons Amigos
  • Buraca dos Mouros
  • Colaride
  • Casal de Rocanes
  • Casal de Colaride
  • Casal do Torrinha
  • Fonte das Eiras
  • Grajal
  • Ladeira do Monte
  • Lopas
  • Mira-Sintra
  • Monte da Tapada
  • Monte da Tojeirinha
  • Quinta Nova do Tojal
  • Quinta da Fidalga
  • Serrado da Bica
  • Tojeirinha
Freguesia atual Freguesias antigas
Brasão Freguesia População[3] Área
(km²)[2]
Brasão Freguesia População[4]
(2011)
Área
(km²)[5]
União das Freguesias de Agualva e Mira-Sintra 41 104 9,15 Agualva 35 824 8
Mira-Sintra 5 280 1,15
 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Agualva e Mira-Sintra

Notas e referências

  1. a b Lei n.º 11-A/2013, de 28 de janeiro: Reorganização administrativa do território das freguesias. Anexo I. Diário da República, 1.ª Série, n.º 19, Suplemento, de 25/05/2016.
  2. a b Instituto Geográfico Português (2015). «Áreas das freguesias, municípios e distritos/ilhas da CAOP 2013». Carta Administrativa Oficial de Portugal (CAOP), versão 2013. Direção-Geral do Território. Consultado em 25 de maio de 2016. Arquivado do original (XLS-ZIP) em 9 de dezembro de 2013 
  3. a b Valor obtido somando a população das antigas freguesias que lhe deram origem.
  4. INE (2012). «Quadros de apuramento por freguesia» (XLS-ZIP). Censos 2011 (resultados definitivos). Tabelas anexas à publicação oficial; informação no separador "Q101_CENTRO". Instituto Nacional de Estatística. Consultado em 24 de maio de 2016 
  5. IGP (2012). «Áreas das freguesias, municípios e distritos/ilhas da CAOP 2012.1» (XLS-ZIP). Carta Administrativa Oficial de Portugal (CAOP), versão 2012.1. Instituto Geográfico Português. Consultado em 24 de maio de 2016 
  Este artigo sobre freguesias portuguesas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.