Abrir menu principal

Agustín Allione

futebolista argentino

Agustín Lionel Allione, mais conhecido como Agustín Allione ou apenas Allione (Santa Fé, 28 de outubro de 1994), é um futebolista argentino que atua como meia. Atualmente joga no Rosario Central, emprestado pelo Palmeiras.

Agustín Allione
Agustín Allione
Informações pessoais
Nome completo Agustín Lionel Allione
Data de nasc. 28 de outubro de 1994 (24 anos)
Local de nasc. Santa Fé, Argentina
Nacionalidade argentino
Altura 1,70 m
Ambidestro
Apelido Peluche
Informações profissionais
Clube atual Rosário Central
Número -
Posição Meia-atacante
Clubes de juventude
2009–2011 Vélez Sarsfield
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2011–2014
2014–
2017–2018
2019–
Vélez Sarsfield
Palmeiras
Bahia (emp.)
Rosário Central (emp.)
00072 00000(7)
00073 00000(7)
00071 00000(4)
00009 00000(1)
Seleção nacional
2011
2013
Argentina Sub-17
Argentina Sub-20
00008 00000(0)
00002 00000(1)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 17 de novembro de 2018.

Índice

CarreiraEditar

Vélez SarsfieldEditar

Agustín Allione começou nas categorias de base do FC Belgrano, de Sancti Spiritu, uma cidade que fica a 20 quilômetros de sua cidade natal. Onde, então, partiu para o clube Vélez Sarsfield. Allione fez sua estréia na Primeira divisão da Argentina aos 17 anos, jogando pelo Vélez, entrando em campo numa vitória por 2-1 sobre o Atlético de Rafaela em 2012. Em 3 de agosto, ele estreou como titular na Primeira Divisão com uma vitória por 3-0 sobre o Argentinos Juniors.

O meio-campista fez 14 aparições durante a parte inicial do campeonato pelo Vélez, incluindo quatro como titular. Ele desempenhou um papel fundamental no suporte 17 contra All Boys, dando assistência a Lucas Pratto no primeiro gol da vitória por 2-0 que deixou a sua equipe como líder da competição.

PalmeirasEditar

2014Editar

Em 24 de julho de 2014, assinou contrato com o Palmeiras até 2019.[1] Allione fez sua estreia pelo clube em 31 de julho num jogo amistoso contra a Fiorentina pela Copa Euro Americana de 2014.

Durante o ano de 2014, Allione se envolveu em polêmicas com o técnico Dorival Júnior, até então técnico do Palmeiras, alegando que o técnico não o utilizava durante as partidas. Também, acabou sendo expulso durante algumas partidas. Em dezembro, pouco após a demissão de Dorival no Palmeiras, Allione usou seu Twitter para republicar ofensas ao caráter e à personalidade do técnico. Mas, em sua primeira entrevista coletiva em 2015, disse se sentir responsável pelas poucas chances no ano passado, já que recebeu dois cartões vermelhos. Na coletiva, disse: "Nunca tinha sido expulso. Foram erros que cometi, mas vou tentar mudar porque é importante para mim e para a equipe".[2]

2015Editar

Em 2015, Allione fez sua primeira partida pelo Campeonato Paulista de 2015, numa vitória sobre o Audax por 3-1, onde foi escolhido como o homem do jogo, dando duas assistências para os gols de Leandro Pereira e Robinho.[3]

Em 2 de dezembro de 2015, sagrou-se campeão da Copa do Brasil de 2015 pela equipe na decisão contra o Santos que representou a primeira finalíssima da história disputada no Allianz Parque.[4]

2016Editar

No mês de janeiro, logo no 1º jogo da equipe alviverde, fez um dos gols da vitória por 2-0 sobre o Libertad, do Paraguai, no Estádio Centenário, pela Copa Antel disputado no Uruguai.

No jogo contra o Rosario Central válido pela Copa Libertadores da América de 2016, marcou o segundo gol do time na vitória por 2-0, realizado no Allianz Parque.

Com a chegada do técnico Cuca teve mais espaço no time, na partida válida pela Copa Libertadores da América de 2016 contra o River Plate (URU), fez dois gols na vitória de 4-0 sobre o time uruguaio, apesar Palmeiras ser eliminado, Allione foi eleito o melhor jogador da partida.[5]

Na Copa Libertadores da América de 2016, sofreu mais uma lesão muscular que o fez perder espaço no time.[6] Apesar de sua irregularidade, é tratado no clube como um jogador promissor de grande futuro.

BahiaEditar

2017Editar

Em 13 de janeiro de 2017, foi emprestado ao Bahia.[7] Seu primeiro jogo pelo Bahia foi diante do time do Fortaleza, no dia 26 de janeiro, marcou seu primeiro gol pelo tricolor na goleada de 6–0 contra o Bahia de Feira e deu duas assistências.

TítulosEditar

Referências

Ligações externasEditar