Air Greenland

Air Greenland é uma empresa de aviação da Groenlândia.

Air Greenland
IATA GL
ICAO GRL
Indicativo de chamada AIR GREENLAND
Fundada em 1960
Principais centros
de operações
Aeroporto de Kangerlussuaq
Frota 27 (9 aviões e 18 helicópteros)
Destinos 67
Companhia
administradora
Scandinavian Airlines System (SAS), Governo da Gronelândia, Governo dinarmarquês.
Sede Nuuk, Groenlândia
Pessoas importantes Peter Grønvold Samuelsen (CEO)
Sítio oficial www.airgreenland.com

HistóriaEditar

A linha aérea foi fundada como Grønlandsfly e começou operações em novembro de 1960[1] como Greenland Air. Foi fundada pela Scandinavian Airlines System (SAS) e a companhia de mineração Kryolitselskabet em 1962, o governo da Gronelândia e o governo da Dinamarca transformou-se co-proprietários. Em 1998, a empresa começou a operar seu primeiro avião a jato, um Boeing 757-200. Em 2002, a empresa mudou de nome para "Air Greenland". É detida pelo governo da Gronelândia (37,5%), pelo grupo SAS (37,5%) e pelo governo dinamarquês (25%) e tem 409 empregados (8 de fevereiro de 2008). O seu hub principal é o Aeroporto de Kangerlussuaq.

O serviço intercontinental de Copenhaga transportou quase 95000 passageiros em 2003. Em 2003, a Air Greenland ganhou o contrato da força aérea dos Estados Unidos para voos à base aérea de Thule (prendida previamente por SAS). Os voos à base aérea de Thule começaram em fevereiro de 2004.

Numa conferência de imprensa em 13 de junho de 2007, o grupo SAS anunciou que venderia a sua parte na Air Greenland.

FrotaEditar

Referências

  1. «Cópia arquivada». Consultado em 8 de fevereiro de 2008. Arquivado do original em 11 de dezembro de 2009 

Ver também

Lista de aeroportos da groelandia

Kangerlussuak

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Air Greenland
  Este artigo sobre uma companhia aérea é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.