Alain Peyrefitte

político francês

Alain Peyrefitte (Najac, 26 de agosto de 1925Paris, 27 de novembro de 1999) foi um pensador, político, diplomata e ensaísta francês.

Alain Peyrefitte
Nascimento 26 de agosto de 1925
Najac
Morte 27 de novembro de 1999 (74 anos)
Paris
Sepultamento Provins (Haute-Ville) Communal Cemetery
Cidadania França
Alma mater
Ocupação político, escritor, filósofo, diplomata, ministro
Prêmios
  • Cavaleiro da Legião de Honra
  • Comandante da Ordem Francesa das Palmas Acadêmicas
  • Oficial da Ordem Nacional do Quebec (1998)
  • Comendador das Artes e das Letras (1974)
  • Prêmio Lange (1950)
  • Commander of the Order of Cultural Merit (1999)
  • Pierre Lafue Prize (1997)
  • Grã-Cruz da Ordem do Mérito Civil (1966)
  • Henri Malherbe Prize (1995)
Empregador Le Figaro
Causa da morte câncer

Entre outros cargos públicos, foi Ministro da Justiça, Ministro da Educação e Ministro da Cultura da França.

Foi autor de diversos livros, destacando-se A Sociedade da Confiança (La societé de confiance), lançado originalmente em 1995 e editado no Brasil em 1999 com prólogo e introdução do filósofo brasileiro Olavo de Carvalho.[1] Alain Peyrefitte foi eleito em 1977 para a cadeira 11 da Academia Francesa. Agraciado com a Legião de Honra francesa, Comendador das Palmas Acadêmicas, Comendador de Artes e Letras e a Grã-Cruz de ordens de diversas nações.[2][3]

Obras publicadasEditar

  • 1946: Rue d'Ulm, chroniques de la vie normalienne
  • 1947: Le sentiment de confiance, essai
  • 1948: Les roseaux froissés, roman
  • 1949: Le mythe de Pénélope, essai
  • 1961: Faut-il partager l'Algérie ?, essai
  • 1973: Quand la Chine s'éveillera... le monde tremblera, essai
  • 1976: Le mal français, essai
  • 1981: Les chevaux du lac Ladoga - la justice entre les extrêmes, essai
  • 1983: Quand la rose se fanera, essai
  • 1985: Encore un effort, Monsieur le Président, essai
  • 1989: L'empire immobile ou le choc des mondes, récit historique
  • 1990: La tragédie chinoise, essai
  • 1995: La société de confiance
  • 1997: La Chine s'est éveillée.
  • 1994-2000: C'était de Gaulle, mémoires

Cargos políticos
Precedido por
Olivier Guichard
Ministro da Justiça
1977–1981
Sucedido por
Maurice Faure
Precedido por
Christian Fouchet
Ministro da Educação
1967–1968
Sucedido por
François-Xavier Ortoli


Referências

 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Alain Peyrefitte