Aldo César

ator brasileiro
Aldo César
Nome completo Aldo da Silva Cezar
Nascimento 20 de dezembro de 1928
Rio de Janeiro, RJ
Nacionalidade brasileiro
Morte 5 de janeiro de 2001 (72 anos)
São Paulo, SP
Ocupação Ator e dublador
Cônjuge Dorotéia Gonçalves
Filho(s) Leonardo Gonçalves César

Aldo da Silva Cezar (Rio de Janeiro, 20 de dezembro de 1928São Paulo, 5 de janeiro de 2001) foi um ator e dublador brasileiro.

BiografiaEditar

Um dos grandes nomes da dublagem brasileira, Aldo César desde os 5 anos de idade já cantava na Igreja Batista. Com 17 anos ingressou na rádio, trabalhou nas Rádios Tupi e Mayrink Veiga, no Rio de Janeiro.

Em toda a sua carreira fez telenovelas, peças e dublagens. Em novelas trabalhou em "Redenção" (1966), "Hospital" (1971), "O Preço de um Homem" (1971), "A Barba Azul" (1974), "O Profeta" (1977), "O Direito de Nascer" (1978), "Como Salvar Meu Casamento" (1979), "Cavalo Amarelo" (1980), "Rosa Baiana" (1981), "A Filha do Silêncio" (1982), "Braço de Ferro" (1983), "O Tempo e o Vento" (1985), "Dona Beija" (1986) e "Chapadão do Bugre" (1988). Fez uma participação especial em Dona Beja[1].

Trabalhou em diversas emissoras como Globo, Manchete e SBT, na qual ficou 18 anos. Destaque para sua trajetória no SBT, onde trabalhou em A Praça é Nossa e fazia o quadro "Ui, ui, ui meu chefinho", com a então modelo famosa Alice di Carli e Tutuca.

Como dublador trabalhou na AIC, onde dublou o ator Rex Harrison, e mais recentemente fez o comandante do conselho galático central em Cassiopeia, Jason Bolt na série ...E as noivas chegaram, Júlio César em alguns filmes do Asterix, o Rei do Crime em alguns episódios do desenho do Homem-Aranha, a 1ª voz do Bender em Futurama, Doutor Maki Gero em Dragon Ball Z, dentre outros trabalhos.

No dia 5 de janeiro de 2001 faleceu, com 72 anos de idade. Por conta de seu falecimento teve de ser substituído por Sílvio Navas no papel de Bender a partir dos episódios finais da segunda temporada de Futurama e não pôde voltar a fazer o Doutor Maki Gero em Dragon Ball GT e em Dragon Ball Kai, sendo substituído no primeiro por Luís Carlos de Moraes e no segundo por José Carlos Guerra.

Lista de trabalhosEditar

DublagemEditar

TelevisãoEditar

Ano Titulo Papel Emissora
1999 Ô... Coitado! Mordomo Ileric (Participação especial - episódio 1) SBT
1988 Chapadão do Bugre Coronel Eusébio Salles Rede Bandeirantes
1987 - 2000 A Praça É Nossa Inspetor / Seu Menezes SBT
1986 Tudo ou Nada Rômulo Barroso Rede Manchete
1986 Dona Beija João Alves
1986 Sinhá Moça Petrúcio Rede Globo
1985 O Tempo e o Vento Maneco Terra
1983 Braço de Ferro Rede Bandeirantes
1982 A filha do silêncio Agenor
1982 As cinco panelas de ouro Tenente Messias TV Cultura
1981 Partidas Dobradas
1981 Rosa Baiana Rede Bandeirantes
1980 Cavalo Amarelo Roque
1979 Como Salvar meu Casamento TV Tupi
1978 O Direito de Nascer Dom Rafael
1977 O Profeta Francisco
1974 A Barba Azul Padre Aurélio
1973 Mulheres de Areia Delegado Fleury
1972 Camomila e Bem-me-quer Padre Inácio
1971 O Preço de um Homem Maneco
1971 Hospital Dr. Mário
1968 Nunca é Tarde Demais Renato Rede Bandeirantes
1968 O Rouxinol da Galiléia TV Tupi
1966 Redenção Ananias TV Excelsior

CinemaEditar

Ano Título Papel
1996 Cassiopéia Comandante do conselho galático central
1976 Tiradentes, o Mártir da Independência
1976 Senhora Tavares do Amaral

Referências

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um(a) dublador(a), integrado ao projeto sobre dublagem é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.