Alexander J. Dallas

Alexander J. Dallas
Nascimento 21 de junho de 1759
Kingston
Morte 16 de janeiro de 1817 (57 anos)
Filadélfia
Cidadania Estados Unidos
Filho(s) George M. Dallas
Alma mater Universidade de Edimburgo
Ocupação advogado, político
Empregador Departamento do Tesouro dos Estados Unidos
Assinatura
Alexander J Dallas Signature.svg

Alexander J. Dallas (Kingston, 21 de junho de 1759Filadélfia, 16 de janeiro de 1817) foi um político norte-americano, Secretário do Tesouro dos Estados Unidos na presidência de James Madison (1814 a 1816).[1][2]

BiografiaEditar

Nasceu em Kingston, Jamaica, filho do Dr. Robert Charles Dallas (1710 - 1769), um escocês, e Elizabeth Sarah (Cormack) Hewitt.[2] Aos cinco anos a sua família mudou-se para Edimburgo e depois para Londres, onde estudou com James Elphinstone. Prevê fazer estudos de direito, mas não pode pagá-los. Casou-se em 1780 com Arabella Maria Smith, da Pensilvânia, a filha do Major George Smith do exército britânico. No ano seguinte, partem para a Jamaica. Lá, ele foi admitido ao exercício do direito graças à influência do seu pai. A saúde de sua mulher não se adaptou ao local, e o casal voltou para Filadélfia em 1783. Dallas é admitido como advogado na Pensilvânia em 1785. Sua prática da lei é lenta e marginal, e publica o "Pennsylvania Herald " 1787-1788 e o "Columbian Magazine" em 1787-1789.

Quando a Suprema Corte dos Estados Unidos se estabeleceu em Filadélfia em 1791, tornou-se no seu primeiro relator de decisões judiciais. Como o posto de relator era então uma função não-oficial, trabalhou a suas próprias expensas. Os volumes, dos quais não produzirá mais que quatro, são incompletos, imprecisos e extremamente demorados. Por exemplo, a significativa ação judicial Chisholm vs. Georgia (1793) que conduziria à elaboração da décima-primeira emenda à constituição dos Estados Unidos, não foi relatada por Dallas senão cinco anos depois, bem depois da alteração ter sido ratificada. Foi o fundador das Sociedades democratas-republicanas em 1793.

O gvernador Thomas Mifflin, primeiro governador da Pensilvânia, nomeou Dallas como secretário da Commonwealth, cargo que ocupou no período 1791-1801. Como Mifflin era alcoólico, Dallas foi o governador de facto no final da década de 1790. Dallas ajudou a criar o Partido Democrata-Republicano na Pensilvânia e foi um defensor de uma formulação rigorosa da nova Constituição dos Estados Unidos.

Em 1801 foi nomeado procurador dos Estados Unidos para o Distrito Oriental da Pensilvânia, cargo que ocupou até 1814. Quando o seu amigo Albert Gallatin era Secretário do Tesouro dos Estados Unidos, por alturas do início da guerra de 1812, ajudou a levantar fundos para lutar contra os ingleses. A guerra tinha quase arruinado o país, quando no Tesouro Gallatin foi substituído por Dallas, que reorganizou o Departamento do Tesouro, repôs os saldos positivos, defendeu a criação do Second Bank of the United States, e ergueu o sistema monetário. De 14 de março de 1815 a dezembro de 1815 foi Secretário da Guerra dos Estados Unidos, ad interim, continuando a ser o Secretário do Tesouro. Retornou para Filadélfia, e morreu um ano depois.

Era membro da American Philosophical Society desde 1791 e diretor da Universidade da Pensilvânia.

Um filho seu, o oficial de marinha Alexander J. Dallas, morreu em serviço. O Condado de Dallas (Alabama), Fort Dallas e nome do destróier americano USS Dallas (DD-199) foram nomeados em sua homenagem.

Um seu outro filho, George Mifflin Dallas, foi vice-presidente dos Estados Unidos sob a presidência de James K. Polk. A cidade de Dallas, no Texas pode ser nomeada em sua homenagem embora continue a ser possível que o seja em honra do seu irmão ou do seu pai.

Referências

  1. Vexler, Robert I. (1975). The Vice-Presidents and Cabinet Members: Biographies Arranged Chronologically by Administration (em inglês). Dobbs Ferry: Oceana Publications. p. 59 
  2. a b «Alexander J. Dallas (1814- 1816)». Miller Center (em inglês). 4 de outubro de 2016. Consultado em 5 de fevereiro de 2021 

Ligações externasEditar

Precedido por
George W. Campbell
Secretário do Tesouro dos Estados Unidos
6 de outubro de 1814 - 21 de outubro de 1816
Sucedido por
William H. Crawford
  Este artigo sobre um político é um esboço relacionado ao Projeto Biografias de Políticos. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.