Abrir menu principal

Alexander the Great

Alexander the Great
No Brasil Alexandre Magno
 Estados Unidos · Flag of Spain.svg Espanha
1956 •  cor •  135 min 
Direção Robert Rossen
Produção Robert Rossen
Roteiro Robert Rossen
Género drama histórico-biográfico · guerra
Música Mario Nascimbene
Direção de fotografia Robert Krasker
Direção de arte André Andrejew
Figurino David Ffolkes
Edição Ralph Kemplen
Distribuição United Artists
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Alexander the Great (bra Alexandre Magno[1][2]) é um filme hispano-estadunidense de 1956, dos gêneros drama histórico-biográfico e guerra, escrito e dirigido por Robert Rossen e estrelado por Richard Burton, com roteiro baseado na trajetória de Alexandre.[2]

SinopseEditar

O filme conta a história de Alexandre, que sucedeu a seu pai Filipe 2.º da Macedônia em 336 a.C. e durante seu curto reinado conquistou todo o Império Aquemênida. Herdou um exército extremamente profissional e comandou-o com uma tática genial. Sua morte aos 32 anos, cuja causa ainda hoje é motivo de dúvida, foi prematura, mas sua curta carreira alterou o curso da história para sempre. O desempenho de Richard Burton é dos melhores, garantindo grande credibilidade à história.[carece de fontes?]

ElencoEditar

ProduçãoEditar

O filme foi gravado em CinemaScope na Espanha, especialmente em Madrid e Málaga. Foram oito meses de filmagens, com orçamento em torno de $2 milhões de dólares.[3] O príncipe Pedro da Grécia foi consultor técnico do filme.

Ver tambémEditar

Referências

  1. EWALD FILHO, Rubens (1975). Os filmes de hoje na TV. São Paulo (Brasil): Global. p. 21 
  2. a b «Alexandre Magno». Brasil: CinePlayers. Consultado em 23 de maio de 2019 
  3. Alexander the Great no TCM.com
  Este artigo sobre um filme estadunidense é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.