Alfa Romeo 33 Stradale

O Alfa Romeo 33 Stradale é um modelo esportivo da marca italiana Alfa Romeo que foi produzido entre novembro de 1967 e março de 1969.

Alfa Romeo 33 Stradale
Alfa Romeo 33 Stradale (4348043177).jpg
Visão geral
Produção 19671969
18 unidades
Fabricante Alfa Romeo
Modelo
Classe Carro esportivo
Carroceria Cupê 2 portas
Designer Franco Scaglione
Ficha técnica
Motor 2.0L V8
Transmissão 6 marchas manual Colotti
Layout Motor central, tração traseira
Modelos relacionados Carro de corrida: Alfa Romeo Tipo 33
Carro de produção: Alfa Romeo Montreal
Dimensões
Comprimento 3 970 mm (3,97 m)
Entre-eixos 2 350 mm (2,35 m)
Largura 1 710 mm (1,71 m)
Altura 991 mm (0,991 m)
Peso 700 kg (1 540 lb)
Velocidade máxima 260 km/h (160 mph)

Este modelo é extremamente raro, já que apenas 18 unidades foram fabricadas,[1][2] quatro delas sem carroçaria, pois foram usadas ​​para criar quatro protótipos da Alfa Romeo. É um carro de dois lugares com motor central-traseiro e tração traseira.

OrigemEditar

Depois de vencer os dois primeiros campeonatos de Fórmula 1 em 1950 e 1951, a Alfa Romeo decidiu se retirar da competição para se concentrar no desenvolvimento de sua linha de carros de passageiros e carros desportivos. Essa situação mudou na década de 1960, quando a marca voltou a desenvolver carros de corrida, desta vez com grande sucesso nas categorias Sport. Para esse retorno à competição, a Autodelta - divisão de corridas da Alfa Romeo - desenvolveu o Alfa Romeo Tipo 33, que alcançou um grande número de vitórias nas décadas de 1960 e 1970.

No Salão do Automóvel de Turim de 1967, a Alfa Romeo apresentou o seu novo desenvolvimento; o 33 Stradale, um carro desportivo baseado no bem-sucedido carro de corrida Alfa Romeo Tipo 33 que correu durante 1967 e 1968. Não foram feitas muitas alterações na versão de corrida para torná-la adequada para uso em estrada: a carroçaria foi construída em alumínio em vez de fibra, a distância entre eixos foi alongada e a potência do motor foi reduzida de 270 CV para 230 CV. Um novo design de carroceria também foi introduzido, mas nenhuma concessão foi feita para conforto ou luxo que adicionasse peso. Graças a isso, o peso do 33 Stradale chega a apenas 700 kg, o que possibilita um alto nível de desempenho.

Design e mecânicaEditar

CarroçariaEditar

 
Interior de um 33 Stradale.

A carroçaria do Alfa Romeo 33 Stradale foi projetada pelo designer italiano Franco Scaglione.[3] É feita de alumínio, está cheia de curvas voluptuosas e tem portas borboleta amplamente vidradas.

A carroceria do 33 Stradale é considerada um dos designs mais belos alguma vez feitos[4] e grande parte do seu design curvilíneo foi reutilizado no século XXI no carro desportivo Alfa Romeo 8C Competizione.

ChassiEditar

O chassi do 33 Stradale foi feito de 3 tubos de alumínio de grande diâmetro em forma de H, que abrigam o tanque de combustível. Nas partes dianteira e traseira, um chassi auxiliar de magnésio sustentava os elementos mecânicos. Este chassi foi alongado 100 mm (3,9 pol.) em comparação com a versão de corrida para melhorar a habitabilidade, e foi reforçado em sua parte central.

Motor e caixa de câmbioEditar

O 33 Stradale é movido por um motor V8 com bloco de alumínio, uma cilindrada de 1995 cc e injeção de combustível SPICA. É capaz de alcançar uma potência máxima de 230 CV a 8.800 rpm, embora possa ir até 10.000, aproximadamente. A caixa de câmbio é uma Colotti manual de seis velocidades.

ProduçãoEditar

A produção do 33 Stradale foi realizada manualmente nas instalações da Carrozzeria Marazzi em Milão, onde os veículos da Autodelta foram recebidos mecanicamente acabados e prontos para o trabalho da carroçaria. A produção era tão artesanal que não existem duas unidades iguais; as principais diferenças são a grade frontal, as luzes e os condutos de ventilação. A produção total foi de 18 unidades,[1][5] embora apenas 13 tenham sido entregues aos clientes;[6] uma unidade permaneceu no Museu de Alfa Romeo, enquanto as restantes foram entregues sem carroçaria à Pininfarina, Bertone e Italdesign para criar os protótipos Bertone Carabo, 33/2 Coupé Speciale, Iguana e Navajo, respectivamente.

Preço e valor atualEditar

Com um preço inicial de US $ 17.000 (10 milhões de liras na Itália[7]), o 33 Stradale era o carro mais caro do mercado em 1968[8] - enquanto o preço médio de um carro novo na época era de US $ 2.822 -.[9]

Atualmente, uma unidade do 33 Stradale em boas condições pode valer mais de US $ 3.000.000 em leilão, de acordo com as estimativas de 2011.[10]

GaleriaEditar

Referências

  1. a b Wouter Melissen (25 de julho de 2011). «Alfa Romeo 33 Stradale» (em inglês). Ultimatecarpage.com 
  2. «Alfa Romeo Tipo 33 Stradale» (em inglês). Conceptcarz 
  3. «Club Spider Alfa Romeo» (em italiano). Spider Alfa Romeo 
  4. Reigniting the passion - Alfa Romeo 33 Stradale and 4C (em inglês). Autotraderclassics.com.
  5. 1967-1969 Alfa Romeo Tipo 33 Stradale specifications (em inglês). Classicandperformancecar.com.
  6. Alfa Romeo Tipo 33 Stradale (1967) (en inglés). Autozine.org.
  7. Alfa Romeo 33 Stradale, a beleza intemporal. www.motor24.pt.
  8. News (em inglês). www.italiaspeed.com.
  9. 1968 (em inglês). www.thepeoplehistory.com.
  10. The Alfa Romeo 33 Stradale (em inglês). Silodrome.com.
 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Alfa Romeo 33 Stradale