Abrir menu principal

Alto Alegre do Maranhão é um município brasileiro do estado do Maranhão.

Município de Alto Alegre do Maranhão
Bandeira indisponível
Brasão indisponível
Bandeira indisponível Brasão indisponível
Hino
Aniversário 10 de novembro
Fundação 10 de novembro de 1996 (22 anos)
Gentílico alto-alegrense
Prefeito(a) Emmanuel da Cunha Santos Aroso Neto (Maninho de Alto Alegre) (PDT)
(2017 – 2020)
Localização
Localização de Alto Alegre do Maranhão
Localização de Alto Alegre do Maranhão no Maranhão
Alto Alegre do Maranhão está localizado em: Brasil
Alto Alegre do Maranhão
Localização de Alto Alegre do Maranhão no Brasil
04° 12' 46" S 44° 26' 45" O04° 12' 46" S 44° 26' 45" O
Unidade federativa Maranhão
Mesorregião Leste Maranhense IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Coroatá, Bacabal, São Luís Gonzaga do Maranhão, Peritoró e São Mateus do Maranhão
Distância até a capital 205 km
Características geográficas
Área 420,874 km² [2]
População 30 896 hab. IBGE/2010[3]
Densidade 73,41 hab./km²
Clima Quente
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,538 baixo PNUD/2000[4]
PIB R$ 68 004,501 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 2 998,96 IBGE/2008[5]

HistóriaEditar

Em 10 de novembro de 1994 foi elevada a categoria de município, desmembrando-se da Comarca de Bacabal.[6]

GeografiaEditar

Sua população estimada em 2015 era de 38.434 habitantes.

Referências

  1. «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  6. História da cidade IBGE - acessado em 30 de julho de 2019

Ligações externasEditar