Alumínio (São Paulo)

município brasileiro do estado de São Paulo
Disambig grey.svg Nota: Se procura outro significado de Alumínio, veja Alumínio (desambiguação).
Alumínio
  Município do Brasil  
Paço Municipal de Aluminio
Paço Municipal de Aluminio
Símbolos
Bandeira de Alumínio
Bandeira
Brasão de armas de Alumínio
Brasão de armas
Hino
Lema Labor et sapientia
"Trabalho e Sabedoria"
Gentílico aluminense
Localização
Localização de Alumínio em São Paulo
Localização de Alumínio em São Paulo
Mapa de Alumínio
Coordenadas 23° 32' 06" S 47° 15' 43" O
País Brasil
Unidade federativa São Paulo
Região intermediária[1] Sorocaba
Região imediata[1] Sorocaba
Municípios limítrofes Mairinque, Sorocaba, Votorantim e Ibiúna
Distância até a capital 74 km
História
Fundação 30 de dezembro de 1991 (28 anos)
Aniversário 2 de abril
Administração
Prefeito(a) Antônio Piassentini (PPS, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [3] 83,660 km²
População total (est. IBGE/2019[4]) 18 628 hab.
Densidade 222,7 hab./km²
Clima subtropical (Cfb)
Altitude 790 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
CEP 18125-000 a 18129-999[2]
Indicadores
IDH (PNUD/2000 [5]) 0,787 alto
PIB (IBGE/2008[6]) R$ 1 714 225,827 mil
PIB per capita (IBGE/2008[6]) R$ 104 967,60
Outras informações
Padroeiro(a) São Francisco de Paula
Website aluminio.sp.gov.br (Prefeitura)
camaraaluminio.sp.gov.br (Câmara)

Alumínio é um município brasileiro do estado de São Paulo, situado na Região Metropolitana de Sorocaba, nas regiões intermediária e imediata de Sorocaba. Localiza-se a uma latitude 23º32'06" sul e a uma longitude 47º15'43" oeste, estando a uma altitude de 790 metros. Sua população estimada em 2019 era de 18.628 habitantes.[4]

Possui uma área de 83,660 km².

HistóriaEditar

 
Cia Brasileira de Alumínio.

As origens do município de Alumínio remontam ao ano de 1899, quando foi inaugurada a estação ferroviária de Rodovalho, em homenagem a Cel. Antônio Proost Rodovalho, dono de uma fábrica de cimento que estava sendo construída na região na época. A fábrica funcionou até a década de 1920, quando a mesma foi fechada; anos mais tarde, Antônio Pereira Ignácio adquiriu o antigo prédio da fábrica de Rodovalho e nela começou a fabricar vidros, passando a fabricar mais tarde outros produtos, em escala reduzida de produção. Em 1941, era fundada a Companhia Brasileira de Alumínio, que iria se instalar ao lado da estação Rodovalho, mas a guerra impediu a sua imediata implantação. Somente em 1946, a Estrada de Ferro Sorocabana mudou o nome da estação de Rodovalho para Pereira Ignácio e, logo depois, para Alumínio, originando o nome do pequeno núcleo urbano que ali estava se formando. A Cia. Brasileira de Alumínio iniciou as suas operações somente 14 anos depois da sua fundação, em 1955. Alumínio pertenceu ao município de São Roque até 1957, quando o município de Mairinque foi emancipado; mesmo assim, Alumínio continuou sendo um bairro, desta vez de Mairinque. Em 1991, Alumínio finalmente se tornou município.[7]

GeografiaEditar

 
Área rural.

ClimaEditar

O clima de alumínio é considerado subtropical Cfb, com média em torno de 18 °C, sendo o mês mais quente fevereiro, média de 22 °C e o mais frio julho, média de 14 °C, o índice pluviométrico anual gira em torno de 1400mm.

Gráfico climático para Aluminio
JFMAMJJASOND
 
 
234
 
27
18
 
 
213
 
27
18
 
 
153
 
27
17
 
 
79
 
25
15
 
 
64
 
23
13
 
 
61
 
21
11
 
 
61
 
21
10
 
 
43
 
21
11
 
 
77
 
23
13
 
 
124
 
24
14
 
 
128
 
25
16
 
 
153
 
25
16
Temperaturas em °CPrecipitações em mm
Fonte: Tempo Agora

DemografiaEditar

Dados do Censo - 2016

População total: 16.839

  • Urbana: 13.727
  • Rural: 1.525
  • Homens: 7.699
  • Mulheres: 7.553

Densidade demográfica (hab./km²): 182,22

Mortalidade infantil até 1 ano (por mil): 20,26

Expectativa de vida (anos): 69,03

Taxa de fecundidade (filhos por mulher): 2,17

Taxa de alfabetização: 92,89%

Índice de Desenvolvimento Humano (IDH-M): 0,787

  • IDH-M Renda: 0,724
  • IDH-M Longevidade: 0,734
  • IDH-M Educação: 0,903

(Fonte: IPEADATA)

Bituka a LendaEditar

A cidade de Alumínio reside um grande nome que revolucionou o mundo: Bituka O Grande. Reza a lenda que quando o ele nasceu, seu pai apagou uma bituca de cigarro em sua cabeça e desde então ele ficou conhecido como Bituka: A Lenda. Para comemorar a sua origem, as pessoas comemoram a sua vinda no dia 22/09. Eles celebram dando presentes um para os outros e cantando canções sobre Bituka.

ComunicaçõesEditar

A cidade era atendida pela Telecomunicações de São Paulo (TELESP)[8], que construiu a central telefônica utilizada até os dias atuais. Em 1998 esta empresa foi privatizada e vendida para a Telefônica[9], sendo que em 2012 a empresa adotou a marca Vivo[10] para suas operações de telefonia fixa.

Referências

  1. a b Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (2017). «Base de dados por municípios das Regiões Geográficas Imediatas e Intermediárias do Brasil». Consultado em 10 de fevereiro de 2018 
  2. Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. «Busca Faixa CEP». Consultado em 1 de fevereiro de 2019 
  3. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  4. a b «Estimativa Populacional de 2019». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Consultado em 23 de dezembro de 2019 
  5. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  6. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  7. «Alumínio». IBGE. Consultado em 10 de janeiro de 2018 
  8. «Área de atuação da Telesp em São Paulo». Página Oficial da Telesp (arquivada) 
  9. «Nossa História». Telefônica / VIVO 
  10. GASPARIN, Gabriela (12 de abril de 2012). «Telefônica conclui troca da marca por Vivo». G1 

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Alumínio (São Paulo)
  Este artigo sobre municípios do estado de São Paulo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.