American Enterprise Institute

American Enterprise Institute
upright=!Artigos sem imagens
História
Fundação
Quadro profissional
Tipo
Estado legal
Domínios de atividade
Sede social
País
Organização
Pessoas chave
Daniel A. D'Aniello (en)
Cliff Asness (en)
Richard Cheney
Pete Coors (en)
Harlan Crow (en)
Ravenel B. Curry III (en)
Kimberly Dennis (d)
Dick DeVos (en)
Robert Doar (en)
Martin Eltrich (d)
John V. Faraci (en)
Tully Friedman (en)
Christopher Galvin (en)
Harvey Golub (en)
Robert F. Greenhill (en)
Frank Hanna III (en)
John Hurley (d)
Jody Jonsson (d)
Bruce Kovner (en)
Marc Lipschultz (d)
John A. Luke, Jr. (en)
Pat Neal (en)
Ross Perot, Jr. (en)
Geoffrey Rehnert (d)
Kevin Rollins (en)
Matthew K. Rose (en)
Edward B. Rust, Jr. (en)
Bill Taylor (d)
Bill Walton (d)
Receita líquida
75 066 910 $, US$ ()
Website
Identificador
IRS

O American Enterprise Institute for Public Policy Research, conhecido simplesmente como American Enterprise Institute (AEI), é um laboratório de ideais conservador baseado em Washington, D.C. que pesquisa governo, política, economia e bem-estar social. [1] [2] AEI é uma organização independente sem fins lucrativos apoiada principalmente por contribuições de fundações, empresas e indivíduos. Fundado em 1938, o AEI é comumente associado ao conservadorismo e ao neoconservadorismo, mas não apoia candidatos políticos. [3]

O AEI é governado por um Conselho de Curadores de 28 membros, composto por executivos e ex-executivos de várias corporações. [4] Aproximadamente 185 autores estão associados ao AEI. [5] Arthur C. Brooks atuou como presidente do AEI de janeiro de 2009 a 1º de julho de 2019. [6] Ele foi sucedido por Robert Doar.

MembrosEditar

 
Placa do American Enterprise Institute

Os membros da equipe do AEI foram considerados alguns dos principais arquitetos da política pública e externa do governo Bush. [7] Mais de vinte membros da equipe serviram em um cargo político no governo Bush ou em um dos muitos painéis e comissões do governo. Entre os proeminentes ex-funcionários do governo agora afiliados ao AEI estão: o membro do Conselho de Curadores do AEI [8] Dick Cheney, vice-presidente dos Estados Unidos no governo de George W. Bush; John R. Bolton, ex-embaixador nas Nações Unidas; Lynne Cheney, ex-presidente do National Endowment for the Humanities; e Paul Wolfowitz, ex-secretário adjunto de Defesa. [9]

Posição política e impactoEditar

O instituto é uma contrapartida de centro-direita à organização de centro-esquerda Brookings Institution; [10] [11] as duas entidades frequentemente colaboram. De 1998 a 2008, eles co-patrocinaram o Centro Conjunto de Estudos Regulatórios AEI-Brookings e, em 2006, lançaram o Projeto de Reforma Eleitoral AEI-Brookings. [12] Em 2015, um grupo de trabalho formado por membros de ambas as instituições foi coautor de um relatório intitulado Oportunidade, Responsabilidade e Segurança: Um Plano de Consenso para Reduzir a Pobreza e Restaurar o Sonho Americano. [13]

AEI é o think tank mais proeminente associado ao neoconservadorismo americano, tanto na arena política doméstica quanto internacional. [3] Irving Kristol, amplamente considerado um dos fundadores do neoconservadorismo, era um membro sênior do AEI (vindo do Congresso para Liberdade Cultural após a revelação do financiamento deste pela CIA) [14] e muitos neoconservadores proeminentes, incluindo Jeane Kirkpatrick, Ben Wattenberg e Joshua Muravchik, passaram a maior parte de suas carreiras na AEI. [15]

De acordo com o Relatório Global Go To Think Tank Index de 2011 (Universidade da Pensilvânia ), o AEI está em 17º lugar nos "Trinta Melhores Think Tanks do Mundo" e em 10º nos "Cinquenta melhores Think Tanks dos Estados Unidos". [16] A partir de 2019, o American Enterprise Institute também lidera o número de assinantes do YouTube entre os apoiadores do livre mercado. [17]

HistóriaEditar

O AEI surgiu da American Enterprise Association (AEA), fundada em 1938 por um grupo de empresários de Nova York liderados por Lewis H. Brown. A missão original do AEA era promover "um maior conhecimento público e compreensão das vantagens sociais e econômicas que advêm ao povo americano por meio da manutenção do sistema de empresa livre e competitiva". [18] Os fundadores do AEI incluíram executivos da Eli Lilly, General Mills, Bristol-Myers, Chemical Bank, Chrysler e Paine Webber. [19]

ReferênciasEditar

  1. «Why the American Enterprise Institute chief is so popular». The Washington Post. Consultado em 26 de novembro de 2015 
  2. Steinhauer, Jennifer (25 de fevereiro de 2014). «In New Home, Policy Group Gets Big Gift». The New York Times. Consultado em 28 de dezembro de 2015 
  3. a b Schifferes, Steve (3 de abril de 2003). «Battle of the Washington think tanks». BBC News. Consultado em 12 de fevereiro de 2009. Cópia arquivada em 6 de janeiro de 2009 
  4. «Board of Trustees». American Enterprise Institute. Consultado em 27 de junho de 2019 
  5. «Authors». American Enterprise Institute. Consultado em 27 de junho de 2019 
  6. Martin, Rachel (15 de maio de 2018). «Arthur Brooks To Step Down As President Of AEI». NPR. Consultado em 21 de junho de 2019 
  7. Abramowitz, Michael (19 de julho de 2006). «Conservative Anger Grows Over Bush's Foreign Policy». The Washington Post. p. A01. Consultado em 12 de fevereiro de 2009. Cópia arquivada em 8 de novembro de 2012 
  8. «Board of Trustees». AEI. 16 de abril de 2014. Consultado em 13 de janeiro de 2017. Cópia arquivada em 13 de janeiro de 2017 
  9. Bondarenko, Peter (5 de fevereiro de 2015). «American Enterprise Institute». Encyclopedia Britannica. Chicago, Illinois: Britannica Group Inc. Consultado em 31 de março de 2021 
  10. «An insider's guide to the upcoming week». The Washington Post. 30 de abril de 2007. p. A02. Consultado em 12 de fevereiro de 2009 
  11. Milbank, Dana (8 de dezembro de 2000). «White House Hopes Gas Up A Think Tank: For Center-Right AEI, Bush Means Business». The Washington Post. p. A39 
  12. «Wayback Machine». 11 de fevereiro de 2009. Consultado em 10 de junho de 2018 
  13. «OPPORTUNITY, RESPONSIBILITY, AND SECURITY : A CONSENSUS PLAN FOR REDUCING POVERTY AND RESTORING THE AMERICAN DREAM» (PDF). Brookings.edu. Consultado em 10 junho de 2018 
  14. Saunders, Frances Stonor: The Cultural Cold War The New Press, 1999.
  15. «Scholars & Fellows». AEI. Consultado em 12 de fevereiro de 2009. Cópia arquivada em 8 de maio de 2009 
  16. James G. McGann (director) (20 de janeiro de 2012). «The Global Go To Think Tank Report, 2011» (PDF). Consultado em 10 de junho de 2014. Cópia arquivada (PDF) em 31 de dezembro de 2013 
  17. Chafuen, Alejandro. «The 2019 Ranking Of Free-Market Think Tanks Measured By Social Media Impact». Forbes (em inglês). Consultado em 21 de março de 2021 
  18. AEI. «History of AEI». Consultado em 6 de julho de 2009. Cópia arquivada em 8 de julho de 2009 
  19. «Board of Trustees». AEI. Consultado em 2 de abril de 2020