Abrir menu principal
Ana Brito e Cunha
Nome completo Maria Ana Espírito Santo de Brito e Cunha
Nascimento 28 de julho de 1975 (44 anos)
São Sebastião da Pedreira, Lisboa
Nacionalidade portuguesa
Ocupação Atriz
Cônjuge Afonso Coruche (2016 - presente)

Ana Brito e Cunha (Maria Ana Espírito Santo de Brito e Cunha, Lisboa, São Sebastião da Pedreira, 28 de julho de 1975)[1] é uma atriz portuguesa.[1][2]

CarreiraEditar

Em 1984 entra numa produção escolar de "Annie" no Instituto Espanhol de Lisboa. Em 1991 e 1992 aparece no espectáculo "Um Dia No Alentejo", levado a cena no Teatro Tivoli, com Gonçalo e Mico da Câmara Pereira, a sua irmã Patricia, Mafalda Veiga, entre outros. Entra na novela Na Paz dos Anjos de 1993. Aparece depois em Trapos e Companhia da TVI (1994).

Regressa à RTP onde entra em "Primeiro Amor" (1995). Entra em "Cantar Portugal" no CCB. Em 1996 entra na série "Policias" da RTP.

Produz e escreve peças de teatro nas quais também tem participado, a 1ª em 1995 "Amigos do Palco I", "Tabata" e "Amigos do Palco II e III" em 1997 e 1998 respectivamente.

Tornou-se mais conhecida na qualidade de apresentadora do programa infantil Jardim da Celeste, papel pelo qual ainda é reconhecida entre os portugueses. Foi a cara portuguesa do canal cabo Viver Vivir durante o 1º ano de emissão.

Os seus papéis mais marcantes foram a cómica Rosa em Baía das Mulheres e Bárbara Rodrigues em Jura.

Aparece em "Sempre em pé" (stand up) aquando da estreia do programa.

Foi encenadora de O Natal na Floresta, de Rita Fernandes, no Pavilhão Atlântico, em 2004; Salon, de Rita Fernandes, T. Gymnasio; Não Te Esqueças de Puxar o Autoclismo, de Rita Fernandes (musical); e Super-Mulher.

Estreou-se em teatro de revista na peça HIP HOP'arque!, no Teatro Maria Vitória, no Parque Mayer.

TelevisãoEditar

  • Elenco principal, Tininha em Massa Fresca, TVI 2016
  • Actriz convidada, Várias personagens em Donos Disto Tudo, RTP 2016
  • Co-protagonista, Alexandra Furtado em O Beijo do Escorpião, TVI 2014
  • Elenco principal, em Agora a Sério, RTP 2012
  • Participação especial, Isabel em Maternidade - II, RTP 2011
  • Elenco principal, Mafalda em A Sagrada Família, RTP 2010/2011
  • Elenco principal, Dora Silva Lobo em Rebelde Way, SIC 2007/2008
  • Elenco adicional, Juíza em Floribella, SIC 2007
  • Elenco principal, Bárbara em Jura, SIC 2006
  • Elenco adicional, Juliana em Morangos Com Açúcar, TVI 2005/2006
  • Actriz convidada, Hortense em Inspector Max, TVI 2005
  • Elenco principal, Rosa em Baía das Mulheres, TVI 2004
  • Elenco principal, Gabriela em A Senhora das Águas, RTP 2001
  • Actriz convidada, em Segredo de Justiça, RTP 2001
  • Participação especial, Sofia em Sr.ª Ministra, RTP 2000
  • Protagonista, Celeste em Jardim da Celeste (2.ª série), RTP 1999
  • Elenco principal, Raquel Lobo em Os Lobos, RTP 1998
  • Protagonista, Celeste em Jardim da Celeste (1.ª série), RTP 1997
  • Actriz convidada, Passageira em Polícias, RTP 1996
  • Elenco principal, Rosário em Primeiro Amor, RTP 1995/1996
  • Elenco principal, Olívia em Trapos e Companhia, TVI 1994/1995
  • Elenco principal, Catarina em Na Paz dos Anjos, RTP 1993/1994
  • Elenco principal, Lina no telefilme A Hora da Morte, SIC 2001
  • Elenco principal, Maria no telefilme A Solista, RTP 2012
  • Elenco principal, Antónia no telefilme O Par Ideal, TVI 2011

CinemaEditar

  • O Amor é Lindo ... Porque Sim!, 2016
  • curta-metragem Campo de Víboras, 2015
  • filme Famel Top Secret, 2013
  • curta-metragem Amélia e a Diabetes, 2013
  • filme Al Fachada, 2012
  • filme Com um Pouco de Fé, 2011
  • filme A Última Famel, 2009
  • Maria e as Outras, de José Sá Caetano, 2003
  • Mudam-se os Tempos, de José Nascimento
Teatro
  • A Super Mulher, de Anne Roumanoff (T. Camões e digressão)
  • Confissões de Mulheres de 30, de Domingos Oliveira (digressão)
  • Não te Esqueças de Puxar o Autoclismo (2 temporadas em tournée)
  • A Relíquia, de Eça de Queiróz (T. Municipal Maria Matos)
  • No Natal 3 Histórias de Encantar (Comp. Teatro Magia e Fantasia)
  • Conversas Secretas (T. Nacional D. Maria II e Casa do Artista)
  • Annie, de Carol Sobieski (Instituto Espanhol de Lisboa)
  • O Baloiço (performance de poesia em formato cabaret)
  • Cantar Portugal (CCB)
  • Amigos no Palco I,II,III,IV,V (T. Tivoli, Coliseu dos Recreios, CCB e Casino Estoril)

FamíliaEditar

Brito e Cunha é filha de João Manuel de Orey de Brito e Cunha (Cascais, 5 de abril de 1938), sobrinho paterno do 3.º Visconde de Pereira Machado e de sua mulher (Lisboa, 1 de agosto de 1963) Ana Filipa Pinheiro Espírito Santo Silva (Lisboa, 22 de maio de 1942 – 6 de março de 2018), neta materna do 1.º Conde de Arnoso e bisneta do 1.º Visconde de Pindela. É irmã da também atriz Patrícia Brito e Cunha, sobrinha-neta de Ricardo Ribeiro do Espírito Santo Silva e prima-sobrinha em segundo grau de Ricardo Salgado, José Maria Ricciardi, Maria João Bustorff e António Bustorff.[2]

Casou-se no dia 21 de maio de 2016 na Quinta do Peru, Azeitão, com Afonso Luís Fernando Soares Luz Coruche. Afonso é filho de Luís Caetano de Sá Luz Coruche, 2º Visconde de Pereira, que é neto, por via parterna, do 2º Visconde de Coruche e, por via materna, do 3º Conde de Aurora. Teve o seu primeiro filho em 26 de maio de 2017[3].

Referências

  1. a b «Fotos: Ana Brito e Cunha comemora 39º aniversário». Revista LUX 
  2. a b Direcção de Manuel de Mello Corrêa (1.ª edição, Lisboa, 1985). Anuário da Nobreza de Portugal - 1985. [S.l.]: Instituto Português de Heráldica. pp. Tomo II. 366  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  3. Caras (16 de Novembro de 2016). «ANA BRITO E CUNHA E AFONSO CORUCHE PREPARAM-SE PARA SER PAIS PELA PRIMEIRA VEZ». Consultado em 16 de Novembro de 2016 
  Este artigo sobre uma atriz é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Ligações externasEditar