Ana Maria de Gonzaga-Nevers

Ana Maria de Gonzaga-Nevers (Paris, 16166 de julho de 1684), foi uma nobre ítalo-francesa e salonista. Era filha mais nova de Carlos I de Gonzaga-Nevers, duque de Mântua e Monferrato, e Catarina de Mayenne, filha de Carlos de Lorena, duque de Mayenne. Ana era Princesa Palatina pelo casamento com Eduardo do Palatinado-Simmern, neto do rei Jaime I da Inglaterra e tio do rei Jorge I da Grã-Bretanha. Ela deu à luz a três filhas de Eduardo. Se Eduardo não tivesse se convertido ao catolicismo, e Ana tivesse se convertido ao protestantismo, o trono inglês poderia ter sido herdado por seus descendentes.

Ana Maria
Condessa Palatina de Simmern
Nascimento 1616
  Paris, França
Morte 6 de julho de 1684 (67 anos)
  Paris, França
Marido Eduardo, Conde Palatino de Simmern
Descendência Luísa Maria do Palatinado
Ana Henriqueta do Palatinado
Benedita Henriqueta do Palatinado
Casa Gonzaga (por nascimento)
Wittelsbach (por casamento)
Pai Carlos I, Duque de Mântua
Mãe Catarina de Lorena
Religião Catolicismo
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Ana Maria de Gonzaga-Nevers
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.