Ana Martín

Atriz mexicana

Ana Beatriz Martínez Solózano (Cidade do México, 14 de maio de 1945) é uma atriz mexicana, mundialmente conhecida por seus trabalhos em telenovelas, como Amor real, Rubi, Soy tu dueña e El pecado de Oyuki.

Ana Martín
Martín em 2016.
Nome completo Ana Beatriz Martínez Solórzano
Nascimento 14 de maio de 1945 (75 anos)
Cidade do México, D.F., México
Nacionalidade mexicana
Ocupação
Período de atividade 1965–presente
Principais trabalhos Rosario Aranda em Amor real,
Refugio Ochoa de Pérez em Rubi
Clara García de Hernández em Destilando Amor

BiografiaEditar

Antes de se destacar como atriz, Ana participou do concurso de beleza "Señorita México" do qual a ajudou a abrir portas dentro do mundo dos espetáculos, entre as telenovelas mais conhecidas em que ela se destacou estão: Gabriel y Gabriela aonde foi protagonista em 1983, Alma rebelde, Atrévete a olvidarme e Amor real.

No ano de 1983 foi editado pela produtora Discos Melody seu trabalho discográfico chamado "Ana Martin" incluindo entre os temas os da telenovela "Gabriel y Gabriela", a música foi composta por Bebu Silvetti.[1]

Em 2004, Ana teve um papel estelar na nova adaptação da telenovela Rubí, "remake" das outras versões de 1968 e 1970, na que encarnou a mãe da malvada protagonista, que foi interpretada pela atriz Bárbara Mori, ao finalizar essa produção, Ana se integrou ao elenco de Amar otra vez onde compartilhou cenas com Irán Castillo, Valentino Lanus e Angélica María.

No ano de 2005, novamente seria convidada para a telenovela La madrastra, atuando com outros grandes atores como César Évora, Victoria Ruffo e Eduardo Capetillo.

Em 2006, Ana esteve em Duelo de pasiones onde interpretou uma mulher de campo, onde contracenou com Ludwika Paleta, Pablo Montero, Erika Buenfil e Sergio Goyri.

Já em 2007 ela trabalhou na telenovela Destilando amor, terceira versão da telenovela colombiana de Fernando Gaitán, Café con aroma de mujer, na que ela deu vida a mãe da protagonista Angélica Rivera.

Logo após uma longa jornada de trabalho artístico, Ana teve um descanso e seria novamente convidada para Un gancho al corazón em 2008, na qual atuaram Danna García, Sebastián Rulli e Laisha Wilkins, está telenovela também foi um "remake" da telenovela argentina "Sos mi vida" na que atuaram Facundo Arana e Natalia Oreiro. Ana nunca se casou nem tem filhos[2]

No ano de 2009 Ana vai para Argentina para gravar a telenovela Los Exitosos Pérez junto com Jaime Camil interpretando sua mãe, e também os atores Ludwika Paleta, Rogelio Guerra, Verónica Castro e José Ron.[3]

Em 2010, integra o elenco da novela Soy tu dueña, contracenando com Lucero, Fernando Colunga, Gabriela Spanic e David Zepeda. Em 2011, participou da novela La que no podía amar, em 2012, integrou no elenco de Amores verdaderos e em 2013 na novela Por siempre mi amor.

Em 2015, interpretou Dona Felicitas na telenovela Simplemente María.

Em 2017, interpreta Angustias Gálvez na telenovela Sin tu mirada, um remake da telenovela Esmeralda.

Vida pessoalEditar

Ana é filha de Jesús Martínez "Palillo", um dos grandes comediantes do México e de Hilda Solózano. Ao longo de seus quarenta e anos de atividade artística, já atuou em várias telenovelas, filmes, e séries na televisão mexicana. Ana é uma fiel admiradora da cantora Maria Callas. Ela também gosta de músicas clássicas de Mozart e Beethoven. Ana optou por não se casar e não ter filhos, dedicando-se à sua carreira.

FilmografiaEditar

TelevisãoEditar

Ano Título Personagem Notas
1968 Tú eres mi destino Fluvia
1973 Mi primer amor Baby
1975 El milagro de vivir Jenny Gordon
Mundos opuestos Mónica de la Mora
1979 La llama de tu amor Ana Cecilia
Muchacha de barrio Laura
1982 Gabriel y Gabriela Gabriela/ Gabriel
1983 La pasión de Isabela Isabela Hernández Gallardo
1988 El pecado de Oyuki Oyuki Ogino
1996 La culpa Cuquita Mendizábal
1997 Mujer, casos de la vida real Episódio: "Ganas de vivir"
Gente Bien Alicia Dumas de Klein
1998 Mujer, casos de la vida real Episódio: "Ciego amor"
Brida Episódio: "Infierno"
Ángela Delia Bellati Roldán
1999 Alma rebelde Clara Hernández
Mujer, casos de la vida real Episódio: "Mía"
2001 Atrévete a olvidarme Sabina
Mujer, casos de la vida real Epsisódio: "Lazos familiares"
Navidad sin Fin Teófila Especial de fim de ano
2002 Mujer, casos de la vida real Episódio: "Acto salvaje"
2003 Amor real Rosario Aranda
2004 Rubí Rosario Ochoa de Pérez
Amar otra vez Yolanda Beltrán
2005 La madrastra Socorro de Montes
Mujer, casos de la vida real Episódio: "Lotería"
2006 Duelo de pasiones Luba López
2007 Destilando amor Clara García de Hernández
2008 La rosa de Guadalupe Yoya Episódio: "Volver a verte"
Un gancho al corazón Nieves de Ochoa
2009 Mañana es para siempre Refugio Rosario Episódio: "14 de junho de 2009"
Los Exitosos Pérez Renata Manzilla "Rosa"
2010 Soy tu dueña Benita Garrido
2011 La que no podía amar María Gómez
2012 Historias Delirantes Episódio: "Habitación 10"
Amores verdaderos Candelaria Corona
2013 Por siempre mi amor María Luisa "Tita" Valverde Vda. de Escudero
2015 Simplemente María Felicitas Nuñez Vda. de Cervantes "Doña Feli"
2017 Como dice el dicho Bela Episódio: "A la buena y sin engaño, para mi quiero el provecho"
Sin tu mirada Angustias Gálvez
2020 Los pecados de Bárbara Inés Fernández Vda. de Porrero[4]

CinemaEditar

  • Me han destrozado la vida (2005)
  • Molinos de viento (2005) - Interviews
  • Las viudas (2004)
  • En el tiempo de las mariposas (2001) - Mamá
  • Corazones rotos (2001) - Celina
  • Un boleto para soñar (1998)
  • Dulces compañías (1996) - Nora
  • Ángela Morante, ¿crimen o suicidio? (1981) - Rosa Solórzano
  • Vivir para amar (1980) - Marina
  • Verano salvaje (1980)
  • Cadena perpetua (1979) - Criada
  • Los indolentes (1979) - Rosa
  • Ratas del asfalto (1978)
  • El lugar sin límites (1978) - Japonesa
  • Mil caminos tiene la muerte (1977) - Claudia
  • El pacto (1976) - Teresa
  • La mujer del diablo (1974)
  • El primer paso... de la mujer (1974)
  • El profeta Mimi (1973) - Rosita
  • Lágrimas de mi barrio (1973)
  • Trio y cuarteto (1972)
  • Hoy he soñado con Dios (1972) - Rita Linares
  • Victoria (1972)
  • Tacos al carbón (1972) - Lupita
  • Fin de fiesta (1972) - Raquel
  • Trampa mortal (1972)
  • En esta cama nadie duerme (1971)
  • Siempre hay una primera vez (1971) - Rosa
  • Los corrompidos (1971) - Luz María
  • La rebelión de las hijas (1970)
  • ¿Por qué nací mujer? (1970) - Santa
  • Faltas a la moral (1970) - Consuelo "Chelo" Godínez
  • El golfo (1969)
  • Romance sobre ruedas (1969)
  • Blue Demon contra las diabólicas (1968)
  • Blue Demon contra cerebros infernales (1968)
  • Corona de lágrimas (1968) - Consuelito
  • Return of the Gunfighter (1967) - Anisa
  • La muerte es puntual (1967)
  • Acapulco a go-go (1967) - Rita
  • El ángel y yo (1966)
  • Marcelo y María (1966)
  • Pánico (1966)
  • El gángster (1965)

DiscografiaEditar

  • Ana Martín (1983)

Prêmios e IndicaçõesEditar

Ano Festival Categoria Nomeações Resultado
1983 Prêmio TVyNovelas Melhor Atriz
Gabriel y Gabriela
Indicada
1985 Prêmio TVyNovelas Melhor Atriz
La pasión de Isabela
Indicada
1988 Prêmio ACE de Nova York Melhor Atriz
El pecado de Oyuki
Venceu
1989 Prêmio TVyNovelas Melhor Atriz Protagonista Indicada
2000 Prêmio TVyNovelas Melhor Primeira Atriz
Alma rebelde
Indicada
2002 MTV Movie Awards Latin America[5] Mamãe mais Malvada
Corazones rotos
Indicada
2004 Prêmio TVyNovelas Melhor Primeira Atriz
Amor real
Venceu
Troféu Laurel de Oro (España)[6][7] Melhor Atriz Coadjuvante Venceu
Prêmio ACE de Nova York[8] Melhor Atriz Característica Venceu
Prêmio TV Adicto Golden Awards Melhor Retorno Venceu
2005 Prêmio TVyNovelas Melhor Atriz Coadjuvante
Rubí
Venceu
2006 Prêmio TVyNovelas Melhor Primeira Atriz
La madrasta
Indicada
2007 Prêmio TV Adicto Golden Awards[9] Melhor Primeira Atriz
Destilando amor
Venceu
2008 Prêmio TVyNovelas Melhor Primeira Atriz Venceu
2010 Prêmio TV Adicto Golden Awards[10] Melhor Primeira Atriz da Década
Carreira
Venceu
2011 Prêmio TVyNovelas Melhor Primeira Atriz
Soy tu dueña
Indicada
2014 Prêmio TVyNovelas[11] Melhor Primeira Atriz
Amores verdaderos
Venceu

Referências

  1. People em espanhol "Ana Martin y Dulce amor" - atualizado em agosto de 2009
  2. http://www.esmas.com/espectaculos/artistas/330219.html
  3. http://noticias.detelenovelas.com/ana-martin-sera-la-madre-de-jaime-camil-en-los-exitosos-perez.- Consultado em 29 de agosto de 2009.
  4. TIM, Televisa. «Ana Martín forma parte de la 'Liga de la decencia' en Los pecados de Bárbara» (em espanhol). Consultado em 15 de enero de 2020  Parâmetro desconhecido |sitioweb= ignorado (|website=) sugerido (ajuda); Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  5. MTV Movie Awards, Latin America 2002
  6. «Estrellas del espectáculo recibieron Laurel de Oro». La Crónica de Hoy (em español). 27 de agosto de 2005. Consultado em 29 de octubre de 2011  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  7. «Carla Estrada y 'Amor Real' reciben 'Laurel de Oro'». premiolaureldeoro.com. Consultado em 29 de octubre de 2011. Cópia arquivada em |arquivourl= requer |arquivodata= (ajuda) 🔗  Parâmetro desconhecido |fechaarchivo= ignorado (|arquivodata=) sugerido (ajuda); Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  8. «Awards and acknowledgments» (em inglés). carlaestrada.com. Consultado em 20 de febrero de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  9. Predefinição:Enlace roto
  10. (GOLDEN AWARDS DE LA DÉCADA)
  11. Conoce los nominados a los Premios TVyNovelas 2014 - Foro de Univisión actualizado el 5 de marzo del 2014

Ligações ExternasEditar