Ana Suelly Arruda Câmara Cabral é uma linguista brasileira especialista em línguas indígenas sul-americanas, especialmente as línguas Tupí. É professora do Departamento de Linguística, Português e Línguas Clássicas da Universidade de Brasília.[1] Atualmente é vice-coordenadora do Laboratório de Línguas e Literaturas Indígenas da Universidade de Brasília (LALLI/UnB).[2][3][4]

Ana Suelly Arruda Câmara Cabral
Nascimento
 Brasil
Nacionalidade brasileira
Alma mater Universidade de Pittsburgh (Ph.D., 1995)
Ocupação linguista e professora universitária

Publicações selecionadas

editar
  • Considerations on the concepts of language and dialect: the case of Asuriní of Tocantins and Parakanã (Rodrigues & Cabral 2009) (em inglês)
  • A contribution to the linguistic history of the Língua Geral Amazônica (Rodrigues & Cabral 2011) (em inglês)
  • Expressão do caso argumentativo em três línguas Tupí-Guaraní (Cabral, Silva & Sousa 2013)
  • The interface of stress and nasality in Tupí-Guaraní languages in a historical perspective (Rodrigues & Cabral 2011) (em inglês)
  • Reduções lexicais e gramaticais na fala dos últimos falantes nativos do Kokáma no Brasil (Viegas & Cabral 2009)
  • Expressões de modalidade em línguas da família Tupí-Guaraní (Kamaiwra, Cabral, Solano & Naves 2009)
  • Evidências lingüísticas para a reconstrução de um nominalizador de objeto **-mi- em Proto-Tupí (Rodrigues, Cabral & Silva 2006)
  • A posição da língua Akuntsú na família lingüística Tuparí (Aragon & Cabral 2005)
  • Sobre o sistema pessoal da língua Xetá (Cabral, Rodrigues & Vasconcelos 2005)
  • Ensurdecimento vocálico em Zo'é (Cabral, Rodrigues & Carvalho 2010)
  • A origem e o desenvolvimento de orações dependentes nas famílias do tronco lingüístico Tupi (Rodrigues & Cabral 2006)
  • Different histories, different results: the origin and development of two Amazonian languages (Cabral 2011) (em inglês)
  • Contact-induced language change in the western Amazon: The non-genetic origin of the Kokama language (Cabral 1995) (em inglês)
  • Evidências de crioulização abrupta em Kokáma? (Cabral & Rodrigues 2003)
  • Caracterização do sistema de alinhamento do Zo'é e os fatores condicionadores de suas múltiplas cisões (Cabral 2009)

Ver também

editar

Referências

  1. Costa, Luís (19 junho 2020). «Com apenas três falantes, língua indígena tem estudo recuperado pelo Museu Nacional». BBC. Rio de Janeiro. Consultado em 11 de março de 2021 
  2. Laboratório de Línguas e Literaturas Indígenas – LALLI. ResearchGate.
  3. Perfil de Ana Cabral no Cadastro de Pesquisadores de Línguas Indígenas Sul-Americanas
  4. Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo

Ligações externas

editar
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.