André Horta

futebolista português

André Filipe Luz Horta (Almada, 7 de novembro de 1996), é um futebolista português que atua como meia. Atualmente, joga no Olympiacos, emprestado pelo Braga.

André Horta
André Horta
Horta jogando pelo Braga em 2019
Informações pessoais
Nome completo André Filipe Luz Horta
Data de nascimento 7 de novembro de 1996 (27 anos)
Local de nascimento Almada, Portugal
Altura 1.75 m[1]
Informações profissionais
Clube atual Olympiacos
Número 5
Posição Meia
Clubes de juventude
2004–2012
2012–2015
Benfica
Vitória Setúbal
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2014–2016
2016–2018
2017–2018
2018–2019
2019–
2024–
Vitória Setúbal
Benfica
Braga (emp.)
Los Angeles FC
Braga
Olympiacos (emp.)
0044 000(2)
0016 000(1)
0030 000(1)
0016 000(0)
0191 000(9)
00011 000(2)
Seleção nacional
2014
2014–2015
2016
2016–2018
Portugal Sub-18
Portugal Sub-19
Portugal Sub-20
Portugal Sub-21
0004 000(1)
0008 000(0)
0007 000(1)
0009 000(3)


2 Partidas e gols totais pelos
clubes, atualizadas até 13 de janeiro de 2024.

Carreira editar

Vitória Setúbal editar

Nascido em Almada, Setúbal, André Horta passou oito anos na categorias de base do Benfica, com 15 anos de idade foi para as categorias de base Vitória Setúbal.[2]

No final de 2014, enquanto ainda júnior, ele foi promovido para profissional pelo gerente Domingos Paciência.[3]

Em 12 de Dezembro de 2014, André Horta fez seu primeiro jogo na estreia da Primeira Liga, jogando os 45 minutos do segundo tempo de uma derrota de 1-0 em casa contra o Boavista.[4]

Seu tempo em Setúbal, após sua chegada ao profissional, foi relativamente curto, mas marcado por 44 jogos, onde chegou a anotar dois gols. A "aposta" do clube e do treinador renderam ao time uma quantia aproximada de 400 mil euros, já que o médio, na época com 19 anos, foi vendido ao fim da época 2015–16.[5]

Benfica editar

Com seu destaque no time anterior, e por já ter pertencido a Base do time, André foi vendido ao Benfica em 2016 e assinou um contrato válido por cinco épocas.[6]

Apesar da emoção de estar jogando no seu time do coração,[7][6] a passagem do jogador no time do Estádio da Luz não foi primorosa. Apesar de ter assinado por cinco temporadas, de fato, o médio jogou apenas uma: a de sua estreia. Por conta de suas lesões[8] e do grande desempenho individual de Pizzi, o meio-campista titular,[9] Horta ficou muito tempo entre os suplentes e chegou a fazer somente 16 partidas com um gol anotado.[10][11][12]

Apesar de ter feito apenas 10 partidas como titular,[12] Horta esteve presente em bons momentos do Benfica na temporada. Lá, venceu seus primeiros quatro títulos como profissional: duas Supertaças, uma Liga Portuguesa e uma Taça de Portugal.[8][12]

Braga (empréstimo) editar

Após tímida passagem, Horta foi emprestado ao Braga em 2017, onde ia começar a jogar com seu irmão mais velho: Ricardo.[13]

Nessa época, o jogador alternava entre jogos de suplente e partidas onde sequer entrava em campo até o início de 2018. A partir daí, tornou-se um meio-campista frequente ajudando a equipe em 30 partidas e com 1 tento feito.[14]

Los Angeles FC editar

Após sua temporada na Europa, o jogador decidiu que rumaria à MLS, nos Estados Unidos, para jogar a próxima época.[14] O Benfica o negociou em definitivo após os americanos pagarem o valor de sete milhões de dólares, e o português receberia também quantia de um milhão, nessa mesma moeda, enquanto estivesse sob contrato com o time do Los Angeles.[15][16]

Apesar de ter assinado por cinco temporadas,[16] Horta ficou pouco tempo no clube. O jogador estreou ainda em 2018, mas custava a atuar por 90 minutos. Na época seguinte, voltou a lesionar-se. Isso custou-lhe boa parte do início da temporada de 2019.[17][18][19] Ao todo, jogou lá por 16 vezes sem participar de nenhum gol diretamente.[19]

Ele saiu da equipe antes do fim da temporada, mas, como foi inscrito, chegou a ser considerado um dos Campeões da Temporada Regular da MLS em 2019.[20][21]

Tal desempenho fez com que ele fosse criticado pela mídia local. Um jornalista da ESPN local chegou a afirmar que Horta "nunca apareceu em Los Angeles", referenciado o alto valor investido e pouco retorno dentro de campo.[19]

Retorno ao Braga editar

Em junho de 2019, André regressou ao Braga após assinar um novo contrato de cinco temporadas.[22]

Em seu regresso, o jogador passou a conquistar mais seu espaço e também a participar ativamente de grandes momentos do Braga. Ele esteve ativamente na campanha que levou o clube às quartas de finais da Liga Europa de 2021–22;[23] foi figura presente no título do clube na Taça de Portugal de 2020–21, sendo o capitão na partida decisiva dessa mesma competição no vice-campeonato em 2023[24]; ficou com o vice-campeonato da Supertaça Cândido de Oliveira de 2021[25]; e também esteve frequentemente escalado na Primeira Liga de 2022–23, onde o time alcançou a terceira colocação e obteve a chance de disputar a próxima Liga dos Campeões.[26]

Contudo, foi durante a temporada de 2023–24, após ter renovado até o fim da época 2025–26 no ano de 2022[27], que o jogador passou a ter uma minutagem menor sob o comando de Artur Jorge. O atleta chegou a participar de alguns jogos da Taça da Liga de 2023–24, mas saiu da equipe meses antes do título[28] e da saída de Artur.[29]

Olympiacos (empréstimo) editar

Em janeiro de 2024, o jogador foi emprestado para o Olympiacos até o fim da época.[30]

Vida pessoal editar

André Horta tem um irmão mais velho chamado Ricardo Horta, também é um jogador de futebol.[31] Juntos, os jogadores conseguiram ultrapassar a marca de mais de 200 jogos juntos enquanto atuavam pelo Braga.[32][33][34][35][36]

Títulos editar

Benfica editar

Los Angeles FC editar

Braga editar

Prêmios individuais editar

  • 54º melhor jogador sub-21 de 2016 (FourFourTwo)[37]

Referências

  1. https://scbraga.pt/atleta/andre-horta/
  2. «Domingos rendido a André Horta» [Domingos head over heels with André Horta]. Record. 13 de agosto de 2014. Consultado em 25 de agosto de 2015 
  3. «André Horta nos seniores» [André Horta with seniors]. Record. 9 de dezembro de 2014. Consultado em 25 de agosto de 2015 
  4. «V. Setúbal-Boavista, 0–1 (crónica)» [V. Setúbal-Boavista, 0–1 (match report)]. Mais Futebol. 12 de dezembro de 2014. Consultado em 25 de agosto de 2015 
  5. «André Horta está garantido». www.record.pt. Consultado em 31 de março de 2024 
  6. a b PÚBLICO (1 de junho de 2016). «Benfica contrata André Horta por cinco épocas». PÚBLICO. Consultado em 31 de março de 2024 
  7. «André Horta admite que é um sonho poder voltar para o Benfica». SIC Notícias. 2 de junho de 2016. Consultado em 31 de março de 2024 
  8. a b Renascença (14 de novembro de 2016). «"Lesão de André Horta prejudica mais o jogador que o Benfica" - Renascença». Rádio Renascença. Consultado em 31 de março de 2024 
  9. «Pizzi é fundamental para o ano do Benfica» 
  10. «André Horta ficou sem espaço». www.record.pt. Consultado em 31 de março de 2024 
  11. «André Horta fica no plantel». www.record.pt. Consultado em 31 de março de 2024 
  12. a b c «André Horta é alvo a título definitivo». www.record.pt. Consultado em 31 de março de 2024 
  13. Portugal, Rádio e Televisão de (30 de agosto de 2017). «Benfica empresta André Horta ao Sporting de Braga». Benfica empresta André Horta ao Sporting de Braga. Consultado em 31 de março de 2024 
  14. a b «André Horta na despedida: «Voltei a jogar com o meu ídolo»». CNN Portugal. Consultado em 31 de março de 2024 
  15. «Norte-americanos dizem que André Horta já assinou pela MLS». www.record.pt. Consultado em 31 de março de 2024 
  16. a b «André Horta oficializado no Los Angeles FC». www.record.pt. Consultado em 31 de março de 2024 
  17. mlssoccer. «Andre Horta's arrival comes at the perfect time for LAFC | MLSSoccer.com». mlssoccer (em iv). Consultado em 31 de março de 2024 
  18. City, Sporting Kansas. «Injury Report: Two players questionable ahead of MLS season opener at LAFC». Sporting Kansas City (em iv). Consultado em 31 de março de 2024 
  19. a b c «Sources: Horta to leave LAFC, open up DP spot». ESPN.com (em inglês). 7 de junho de 2019. Consultado em 31 de março de 2024 
  20. mlssoccer. «LAFC win 2019 Supporters' Shield, lift first major trophy | MLSSoccer.com». mlssoccer (em iv). Consultado em 31 de março de 2024 
  21. LAFC. «Supporters' Shield». LAFC (em iv). Consultado em 31 de março de 2024 
  22. «André Horta com princípio de acordo para renovar até 2026». www.record.pt. Consultado em 31 de março de 2024 
  23. «SC Braga eliminado da Liga Europa após derrota no prolongamento». SIC Notícias. 14 de abril de 2022. Consultado em 31 de março de 2024 
  24. «Porto vence Braga e é campeão da Taça de Portugal com recorde de Pepê». ge. 4 de junho de 2023. Consultado em 31 de março de 2024 
  25. «Sporting vence Braga de virada e conquista Supertaça de Portugal». ge. 31 de julho de 2021. Consultado em 31 de março de 2024 
  26. «Um encaixe milionário: saiba quanto o Sp. Braga vai ganhar por entrar na Champions». www.record.pt. Consultado em 31 de março de 2024 
  27. «André Horta com princípio de acordo para renovar até 2026». www.record.pt. Consultado em 31 de março de 2024 
  28. jogada10. «Braga, nos pênaltis, é campeão da Taça da Liga de Portugal». Terra. Consultado em 31 de março de 2024 
  29. «Artur Jorge deixa o Braga e assina contrato com o Botafogo; multa é de R$ 10 milhões». O Globo. 29 de março de 2024. Consultado em 31 de março de 2024 
  30. «Olympiacos oficializa contratação de André Horta: conheça os contornos do negócio». www.record.pt. Consultado em 31 de março de 2024 
  31. «André Horta acredita numa surpresa na Luz» [André Horta believes in surprise at the Luz]. Record. 13 de fevereiro de 2015. Consultado em 25 de agosto de 2015 
  32. «André Horta e os 500 jogos do irmão Ricardo: «Um percurso de muita superação»». www.record.pt. Consultado em 31 de março de 2024 
  33. «André Horta espreita o jogo 200 - Correio do Minho». correiodominho.pt. Consultado em 31 de março de 2024 
  34. «André Horta e o recorde do irmão: «Se puder ser ele a marcar todos os golos da equipa...»». www.record.pt. Consultado em 31 de março de 2024 
  35. Abola.pt (25 de agosto de 2023). «SC Braga André Horta, o guerreiro das 200 batalhas | Abola.pt». Abola.pt. Consultado em 31 de março de 2024 
  36. «Ricardo Horta chegou às 200 vitórias no Braga e vai igualar número de jogos de Alan». O Jogo. Consultado em 31 de março de 2024 
  37. «FourFourTwo's 59 Best Under-21 Wonderkids in the World: 59-51». FourFourTwo 
   Este artigo sobre futebolistas portugueses é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.