Abrir menu principal
Annie Get Your Gun
A Rainha do Circo[1] (PRT)
Bonita e Valente[2] (BRA)
Betty Hutton em cena do trailer do filme
 Estados Unidos
1950 •  cor •  107 min 
Direção George Sidney
Produção Arthur Freed
Roteiro Sidney Sheldon
Herbert Fields
(libreto)
Dorothy Fields
(libreto)
Elenco Betty Hutton
Howard Keel
Louis Calhern
Gênero comédia musical
filme biográfico
Direção de fotografia Charles Rosher
Direção de arte Cedric Gibbons
Paul Groesse
Efeitos especiais A. Arnold Gillespie
Warren Newcombe
Figurino Walter Plunkett
Helen Rose
Edição James E. Newcom
Companhia(s) produtora(s) MGM
Distribuição Warner Bros
Lançamento Estados Unidos 17 de maio de 1950
Portugal 21 de dezembro de 1950
Brasil 5 de junho de 1950
Idioma língua inglesa
Orçamento US$ 3 768 785[3]
Receita US$ 8 100 000[3]

Annie Get Your Gun (bra: Bonita e Valente; prt: A Rainha do Circo) é um filme norte-americano de 1950, do gênero comédia musical, dirigido por George Sidney e estrelado por Betty Hutton e Howard Keel.

Notas sobre a produçãoEditar

 
Howard Keel no trailer do filme.

Annie Get Your Gun, vagamente inspirado na vida de Annie Oakley, é o filme musical de maior sucesso comercial de seu tempo.[4] O roteiro é baseado no espetáculo homônimo de Irving Berlin, que teve 1.147 apresentaçõe na Broadway entre maio de 1946 e fevereiro de 1949,[5] e preserva a maioria das canções, entre elas, a icônica "There's No Business Like Show Business".

A produção foi bastante acidentada. As filmagens começaram em abril de 1949, com Busby Berkeley na direção e Judy Garland no papel principal. As câmeras tiveram de parar quando a atriz sofreu um completo colapso físico e mental[4] e foi considerada "não confiável".[6] Para seu lugar, considerou-se Doris Day,[7] porém quem ficou com o papel foi Betty Hutton. Para isso, a MGM teve de esperar que ela terminasse um filme que estava rodando na Paramount Pictures.[4]

Nesse meio tempo, Charles Walters tomou o lugar de Busby Berkeley, e o ator Frank Morgan, que interpretava Buffalo Bill, morreu repentinamente (suas cenas foram regravadas por Louis Calhern.[4]) Walters não durou muito tempo e foi substituído por George Sidney...

O filme garantiu a Betty Hutton o melhor desempenho de sua carreira,[4][8] e transformou Howard Keel em astro.[4] Como não poderia deixar de ser, o filme está entre os dez melhores trabalhos de ambos, segundo o crítico e historiador Ken Wlaschin.[9]

A produção recebeu quatro indicações ao Oscar, tendo ficado com a estatueta de Melhor Trilha Sonora.

SinopseEditar

 
Louis Calhern como Buffalo Bill, no trailer do filme.
 
J. Carroll Naish como o Chefe Touro Sentado, também no trailer do filme.

Dos cafundós do Velho Oeste, emerge a grande atiradora Annie Oakley, que se torna a principal atração do circo de Buffalo Bill. Mas ela tem um adversário na figura do arrogante Frank Butler, por quem se apaixona e se sacrifica ao perder propositadamente uma importante competição...[8]

Principais premiaçõesEditar

Patrocinador Prêmio Categoria Situação
Academia de Artes e Ciências Cinematográficas Oscar Melhor Direção de Arte (em cores)
Melhor Fotografia
Melhor Edição
Melhor Trilha Sonora Original (musicais)
Indicado
Indicado
Indicado
Vencedor
Associação de Correspondentes Estrangeiros de Hollywood Golden Globe Melhor Atriz - Comédia ou Musical
(Betty Hutton)
Indicado
Sindicato dos Roteiristas Norte-Americanos WGA Melhor Roteiro - Musical Indicado

ElencoEditar

Ator/Atriz Personagem
Betty Hutton Annie Oakley
Howard Keel Frank Butler
Louis Calhern Buffalo Bill
J. Carroll Naish Chefe Touro Sentado
Edward Arnold Pawnee Bill
Keenan Wynn Charlie Davenport
Benay Venuta Dolly Tate
Clinton Sundberg Foster Wilson
  A Wikipédia tem os portais:

Referências

  1. A Rainha do Circo (em português) no CineCartaz (Portugal)
  2. Bonita e Valente no CinePlayers (Brasil)
  3. a b «Bonita e Valente». IMDB. Consultado em 6 de dezembro de 2016 
  4. a b c d e f Eames, John Douglas (1982). The MGM Story (em inglês). Londres: Octopus Books. ISBN 0904230147 
  5. «Annie Get Your Gun». IBDB. Consultado em 6 de dezembro de 2016 
  6. * Robinson, David (1984). ”I Could Go on Singing” in Movies of the Forties (em inglês). Londres: Orbis. ISBN 9780856136610 
  7. Betzold, Michael. «Annie Get Your Gun» (em inglês). AllMovie. Consultado em 6 de dezembro de 2016 
  8. a b Erickson, Hal. «Annie Get Your Gun» (em inglês). AllMovie. Consultado em 6 de dezembro de 2016 
  9. Wlaschin, Ken (1985). The World's Great Movie Stars and Their Films (em inglês). Londres: Peerage Books. ISBN 1850520046 
  Este artigo sobre um filme de faroeste é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.