Abrir menu principal

António José Osório de Pina Leitão

António José Osório de Pina Leitão
Nascimento 1762
Cidadania Portugal
Alma mater Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra
Ocupação escritor
Prêmios Cavaleiro da Ordem de Cristo

António José Osório de Pina Leitão (Manigoto, Pinhel, 12 de março de 1762 — Rio de Janeiro, [quando?]) foi um magistrado e escritor luso-brasileiro.

BiografiaEditar

Estudou ciências jurídicas na Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, de outubro de 1781 a outubro de 1785, instituição onde formou-se em bacharel em cânones com formatura a 5 de julho de 1786. Exerceu vários cargos na magistratura, entre os quais, Juiz de Fora de Alfândega da Fé e Desembargador da Relação da Bahia. Escreveu várias obras literárias, entre elas, a principal é Alfonsiada: Poema heroico da fundação da Monarquia Portugueza pelo Senhor Rey D. Alfonso Henriques, de 1818. Era Cavaleiro da Ordem de Cristo, passando para o Brasil, era em 1820 Desembargador da Relação da Bahia, e com a independência do Brasil foi recebido para serviço do Império e naturalizado como brasileiro. Quanto a data da morte há divergências nos dicionário biográficos da época, visto que de acordo com Sacramento Blake, no Dicionário Bibliográfico Brasileiro de 1883, a morte aconteceu no Rio de Janeiro a 24 de março de 1825, mas para Inocêncio Francisco da Silva no Dicionário Bibliográfico Português a morte foi depois de 1840.[1][2]

Referências