Abrir menu principal
Antônio Celso de Queiroz
Bispo da Igreja Católica
Bispo-emérito de Catanduva
Hierarquia
Papa Francisco
Atividade Eclesiástica
Diocese Diocese de Catanduva
Nomeação 9 de fevereiro de 2000
Entrada solene 25 de março de 2000
Predecessor criação diocese
Sucessor Dom Otacílio Luziano da Silva
Mandato 2000 - 2009
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 17 de abril de 1960
Nomeação episcopal 10 de outubro de 1975
Ordenação episcopal 14 de dezembro de 1975
por Dom Frei Paulo Evaristo Cardeal Arns, O.F.M.
Dados pessoais
Nascimento Pirassununga
24 de novembro de 1933 (85 anos)
Nacionalidade brasileiro
Funções exercidas -Bispo-auxiliar de São Paulo (1975-2000)
dados em catholic-hierarchy.org
Bispos
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

Antônio Celso de Queiroz (Pirassununga, 24 de novembro de 1933) é um bispo católico brasileiro. É bispo emérito da diocese de Catanduva.

Foi ordenado presbítero em 17 de abril de 1960 na localidade de Comillas, na Espanha. Foi nomeado bispo em 15 de outubro de 1975 e ordenado bispo em 14 de dezembro de 1975.

Foi bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo, para a Região Episcopal Ipiranga, de 1975 a 2000, sendo então substituído no governo da região por Dom Gil Antônio Moreira e a partir de 25 de março de 2000 tornou-se o primeiro bispo de Catanduva, diocese esta criada pelo Papa João Paulo II em 9 de fevereiro de 2000, tendo seu território se constituído pelo desmembramento das dioceses de São José do Rio Preto, São Carlos e Jaboticabal.[1]

Foi secretário-geral (1987-1994) e vice-presidente da CNBB (2003-2007). Em 2009 o papa Bento XVI aceitou sua renuncia por idade sendo sucedido por Dom Otacílio Luziano da Silva.

Lema: Amou até o fim.

Referências

  1. «A Diocese». Diocese de Catanduva. Consultado em 18 de julho de 2018