Abrir menu principal

Antônio Givanildo da Silva Santos

Antônio Givanildo da Silva Santos, mais conhecido como Cascata (Tanquinho, 2 de junho de 1982), é um futebolista brasileiro que atua como meia. Atualmente defende o URT de Minas Gerais.

Cascata
Informações pessoais
Nome completo Antônio Givanildo da Silva Santos
Data de nasc. 2 de junho de 1982 (37 anos)
Local de nasc. Tanquinho, (BA), Brasil
Altura 1,70 m
Destro
Apelido Cascata
Informações profissionais
Clube atual URT
Número 10
Posição Meia
Clubes de juventude
Catuense
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
20042005
2006
2006
2007
2007
2007
2008
2009
2009
20102011
2012
2012
2013
2014
2014
20152016
2016
2017
20172018
2018
2019
Catuense
ASA
Fortaleza
Votoray
Mirassol
América de Natal
Ferroviária
São Caetano
Sertãozinho
ABC
Náutico
ABC (emp.)
América de Natal
Boavista
Sampaio Corrêa
América de Natal
Confiança
URT
América de Natal
Juazeirense
URT







00019 0000(3)
00004 0000(1)
00048 000(17)
00007 0000(2)
00016 0000(1)
00028 0000(4)
00015 0000(3)
00012 0000(0)
00059 000(11)
00018 0000(1)
00014 0000(2)
00029 0000(9)
00007 0000(0)
00007 0000(2)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 24 de abril de 2019.

CarreiraEditar

Nascido em Tanquinho no interior da Bahia, Cascata começou sua trajetória no futebol pela base do Catuense e logo depois indo ao profissional, porém sem oportunidades. Acabou seguindo para alguns clubes do Nordeste como Asa de Arapiraca e do interior de São Paulo, como o Votoraty e Mirassol, porém, sem conseguir continuidade nos clubes por onde atuou.

Em 2010 após atuar no Campeonato Paulista pelo Sertãozinho foi anunciado pelo ABC como reforço do Mais Querido para o restante da temporada, sendo essa sua segunda passagem pelo futebol potiguar.[1] Assumiu a camisa 10 do Alvinegro e sendo um dos destaques do clube durante a Série C daquele ano, sendo dito como diferenciado, responsável pela criação das principais jogadas de ataque, com seu chute potente, habilidade para driblar e qualidade para dar assistências. Em virtude de uma lesão acabou perdendo jogos importantes pelo ABC na fase de mata-mata, mas nas finais contra o Ituiutaba se recuperou e voltou ao time titular, no Parque do Sabiá em Minas marcou o gol do título da Série C, título esse que foi garantido após o empate por 0 a 0 no Frasqueirão em Natal. Assim escrevendo seu nome na história do Mais Querido, sendo esse o primeiro título nacional do ABC.[2][3] Após se destacar em sua passagem pelo Alvinegro foi contratado pelo Náutico para a temporada de 2012, porém, por conta de alguns lesões acabou perdendo espaço no Timbu e acabou sendo sondado por ABC e América de Natal, mas acabou acertando seu retorno ao Mais Querido por empréstimo para o restante da temporada.[4] Em sua segunda passagem pelo ABC marcou apenas um gol, diante do Bragantino pela Série B numa vitória por 1 a 0.[5]

Após o fim da temporada a diretoria do ABC não teve interesse em renovar seu vínculo com o meia e acabou liberando após a Série B, após isso Cascata rescindiu seu vínculo com o Náutico e acertou seu retorno ao América de Natal que já havia defendido em 2007.[6] Em 2014 acertou com o Boavista para a disputa do Campeonato Carioca, marcando seu primeiro gol diante do Vasco da Gama num empate por 1 a 1.[7] No segundo semestre foi liberado pelo Boavista para acertar com o Sampaio Corrêa para a disputa da Série B.[8] No fim de 2014 acertou com o América de Natal para a temporada de 2015, sendo essa a terceira passagem de Cascata pelo alvirrubro.[9] Diante do Vila Nova pela Série C, Cascata chegou a marca de 100 jogos pelo Mecão, jogo em que o time potiguar venceu de virada por 2 a 1.[10][11] Permaneceu no América de Natal para a temporada de 2016, porém, após o Campeonato Potiguar recebeu uma proposta do Confiança e acertou com o clube para a disputa da Série C.[12]

Em 2017 acertou com o URT para a disputa do Campeonato Mineiro.[13] Mas no segundo semestre da temporada acertou seu retorno ao América de Natal aonde reencontrou Leandro Campos, que havia sido seu treinador no ABC. Essa sendo a sua quarta passagem pelo Mecão visando o reerguimento do clube após o rebaixamento para a Série D em 2016.[14][15]

Depois de uma rápida passagem pela Juazeirense onde disputou a Série C em 2018, Cascata acertou seu retorno ao URT-MG onde disputará o Campeonato Mineiro de 2019.[16]

TítulosEditar

Ligações ExternasEditar

Referências