Abrir menu principal
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações (desde novembro de 2011). Ajude a melhorar este artigo inserindo fontes.
Antero.jpg

Antero Monteiro ou Anthero Monteiro(São Paio de Oleiros, Santa Maria da Feira, 1946) é um escritor português. Fez os estudos secundários em Viana do Castelo, Braga e Aveiro. É licenciado em Filologia Românica pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto e mestre em Estudos Portugueses pela Universidade de Aveiro.

Foi professor de Língua Portuguesa numa escola do 2.ª Ciclo em Espinho, realizou várias experiência pedagógicas e foi autor de livros didácticos de Língua Portuguesa em Portugal e em Cabo Verde. Foi formador de docentes na área da didáctica do Português. Foi director de um jornal regional e dirige há cerca de 30 anos o pólo da Biblioteca Pública de S.Paio de Oleiros.

Dedica-se há vários anos à divulgação da poesia em escolas, bares, livrarias, bibliotecas, centros culturais, etc. Coordena várias tertúlias literárias, entre as quais a Onda Poética (tendo começado na já extinta livraria Livramar, tendo passado pela Biblioteca pública de Espinho e pelo Bar Dominó do Casino de Espinho, estando activa, a partir de Outubro de 2008, numa das salas do Edifício da Junta de Freguesia de Espinho), o Quarto Crescente da Biblioteca Pública de S. Paio de Oleiros e as Quartas Mal Ditas do Clube Literário do Porto.

Publicou vários ensaios sobre história local, Cultura e Literatura Portuguesa, de entre os quais avulta O Misticismo Laico de Manuel Laranjeira, da Roma Editora.

PublicaçõesEditar

  • Poesias
    • Canto de Encantos e Desencantos (ed. de Autor, 1997; Corpos Editora, 2.ª Edição, 2004),
    • O Remédio é Naufragar (Elefante Editores, 1998),
    • Com Tremura e Desamor - Tubos de Ensaio sobre a Decadência (Corpos Editora, 2001),
    • Cenas Obscenas- Cigarrilhas Poéticas (Corpos Editora, 2001),
    • Esta Outra Loucura (Corpos Editora, 2002),
    • Desesperânsia (Corpos Editora, 2003),
    • Sete Vezes Sete Nuvens, Egoiste, 2010.
    • Sulcos da Memória e do Esquecimento, Corpos Editora, 2013.
  • Infanto-juvenil
    • A Lia Que Lia Lia (Elefante Editores, 1999)
    • A Sara Sardapintada (Corpos Editora, 2004)

Ligações externasEditar

Elefante editores Corpos Editora

  Este artigo sobre um(a) escritor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.