Antióquida (filha de Antíoco III Magno)

Disambig grey.svg Nota: Para outros significados de Antióquida, veja Antióquida.
Antióquida
Nascimento Século III a.C.
Morte 163 a.C.
Antioquia
Sepultamento Kayseri
Progenitores Mãe:Laódice
Pai:Antíoco III Magno
Cônjuge Ariarate IV
Filho(s) Estratonice, Ariarate V
Irmão(s) Antíoco IV Epifânio, Seleuco IV Filopáter, Cleópatra I
Ocupação consorte
Título rainha consorte

Antióquida foi uma filha de Antíoco III Magno e esposa de Ariarate IV, rei da Capadócia.

Ariarate IV herdou o trono da Capadócia de seu pai Ariarate III quando era uma criança,[1] e se casou com Antióquida, filha de Antíoco III Magno.[2]

Antióquida não tinha escrúpulos, e, vendo que não tinha filhos com o rei, arrumou dois supostos filhos, Ariarate e Orofernes, apresentando-os como se fossem filhos do casal.[2] Mais tarde, porém, Antióquida deixou de ser estéril e teve duas filhas e um filho (chamado de Mitrídates, o futuro rei Ariarate V).[2] Ela contou a verdade sobre Ariarate e Orofernes para o rei e, para evitar problemas com a sucessão, estes foram enviados, respectivamente, a Roma e à Jônia.[2]

Referências

  1. Diodoro Sículo, Livro XXXI, 19.6
  2. a b c d Diodoro Sículo, Livro XXXI, 19.7