Abrir menu principal

Antoninho Fernandes

futebolista brasileiro

Antônio Fernandes (Santos, 13 de agosto de 1921 - Santos, 16 de dezembro de 1973), foi um futebolista e ídolo do Santos Futebol Clube. Conhecido por "Antoninho", tinha o apelido de "O arquiteto da bola", ganho durante a vitoriosa campanha da Seleção Paulista de Futebol em 1952. No Santos, jogou 400 partidas e marcou 145 gols. Foi vice-campeão paulista em 1948 e 1950. Depois de deixar o clube do litoral iria jogar mais dois anos no Jabaquara, quando então encerrou a carreira.

Antoninho
Informações pessoais
Nome completo Antônio Fernandes
Data de nasc. 13 de agosto de 1921
Local de nasc. Santos (SP),  Brasil
Falecido em 16 de dezembro de 1973 (52 anos)
Local da morte Santos (SP),  Brasil
Apelido Arquiteto da bola
Informações profissionais
Posição Treinador
(ex-Meia)
Clubes de juventude


Brasil São Paulo do Marapé (clube amador)
Brasil CA Theodor Wille
Brasil Santos
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1941–1954
1955–1956
Brasil Santos
Brasil Jabaquara
0400 00(145)
Seleção nacional
1952 São Paulo Seleção Paulista
Times/Equipas que treinou
1959
1960
1962–1963
1963
1963
1964

1966–1971
1968
1971–1972
1973
1973
Brasil Canto do Rio
Brasil Brasil Olímpico
Brasil Atlético Mineiro
Brasil Brasil Olímpico
Brasil Fluminense
Brasil Brasil Olímpico
Brasil Santos (auxiliar-técnico)
Brasil Santos
Brasil Brasil Olímpico
Brasil Brasil Olímpico
Brasil Figueirense
Brasil Noroeste
Brasil
Última atualização: 15 de março de 2013

Foi auxiliar-técnico de Lula e técnico do Atlético Mineiro. Substituiu Lula no Santos a partir de 1967, quando levaria o time ao seu segundo tricampeonato paulista. Venceu o Torneio Roberto Gomes Pedrosa de 1968, atual Campeonato Brasileiro, e a Recopa dos Campeões Intercontinentais de 1968, além de vários outros torneios nacionais e internacionais. Ao deixar o comando técnico do Santos em 1971, foi substituído por Mauro Ramos de Oliveira, outro grande ex-jogador do clube.

Antoninho morreu em um acidente de carro, quando seu TL despencou de um abismo na Rodovia Anchieta.[1] Ele subia a serra para uma entrevista na TV Bandeirantes e para assistir ao jogo entre São Paulo e Santos.[1]

Referências

  1. a b Renato Sant'Ana (17 de dezembro de 1967). «Antonio Fernandes (1921—ontem)». Folha de S. Paulo (16 251). São Paulo: Empresa Folha da Manhã S/A. 18 páginas. ISSN 1414-5723 
Precedido por
Luis Alonso Peres
Técnico do Santos
1966 - 1971
Sucedido por
Mauro Ramos de Oliveira