Abrir menu principal

Antônio Abujamra

(Redirecionado de Antonio Abujamra)
Antônio Abujamra
Abujamra em 2013
Nascimento 15 de setembro de 1932
Ourinhos, SP
Morte 28 de abril de 2015 (82 anos)
São Paulo, SP
Nacionalidade brasileiro
Parentesco André Abujamra (filho)
Clarisse Abujamra (sobrinha)
Iara Jamra (sobrinha)
Samir Abujamra (Sobrinho)
Ocupação Ator e diretor

Antônio Abujamra, OMC (Ourinhos, 15 de setembro de 1932São Paulo, 28 de abril de 2015)[1][2] foi um premiado diretor de teatro, ator e apresentador brasileiro, sendo um dos primeiros a introduzir os métodos teatrais de Bertolt Brecht e Roger Planchon em palcos brasileiros.[3]

Era conhecido por sua irreverência, suas encenações e por seu humor ácido e crítico em relação aos tabus sociais[4].

BiografiaEditar

Antônio Abujamra estudou filosofia e jornalismo na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS), onde iniciou sua carreira como ator, na segunda metade dos anos 1950, na peça Assim é se lhe parece, de Pirandello, no Teatro Universitário de Porto Alegre.[5]

A estreia profissional foi em 1961, ano em que dirigiu "Raízes", de Arnold Wesker, com Cacilda Becker.[6] No mesmo ano, dirigiu a peça "José de Parto à Sepultura", de Augusto Boal, no Teatro Oficina.[7]

Como diretor, foi um dos principais da antiga TV Tupi e, como ator, teve atuação destacada.

No início da década de 1980, engaja-se na recuperação do Teatro Brasileiro de Comédia (TBC), com destaque para as obras “Os Órfãos de Jânio”, de Millôr Fernandes, e “Hamletto”, de Giovanni Testori, sendo esta última dirigida por ele no TBC e em Nova York, para o Theatre for the New City.[3] Na mesma década, fez duas telenovelas, ganhando destaque por seu personagem Ravengar, em Que Rei Sou Eu?, transmitida pela Rede Globo em 1989.[8]

Em 1991 ele recebeu o Prêmio Molière pela direção de Um Certo Hamlet, espetáculo da companhia Os Fodidos Privilegiados, fundada por ele mesmo para ocupar o Teatro Dulcina, no Rio de Janeiro. Nesta companhia, Abujamra dirigirá diversas peças durante a década de 1990.[9]

Em 1998, esteve em Monte Carlo, principado de Mônaco, ao lado de celebridades como Claudia Cardinale, Annie Girardot e Yehudi Menuhin, no júri do Festival Mundial de Televisão, como único latino-americano convidado.[10]

Era pai do também ator e músico André Abujamra. As atrizes Clarisse Abujamra, Marcia Abujamra e Iara Jamra são suas sobrinhas.

Antônio Abujamra foi quem levou o ator Othon Bastos para a televisão, depois do grande sucesso do ator ao interpretar Corisco no filme Deus e o diabo na terra do sol de Glauber Rocha.

Comandou o programa Provocações, da TV Cultura, no ar desde 6 de agosto de 2000, onde adotou um estilo audacioso de fazer entrevistas[11]. O programa era exibido às terças-feiras à noite, com reapresentação na madrugada de quarta para quinta-feira. O último programa foi exibido no dia 21 de abril, tendo o humorista Eduardo Sterblitch como convidado[12].

MorteEditar

Abujamra morreu aos 82 anos, em consequência de um infarto, ocorrido enquanto ele dormia, no dia 28 de abril de 2015, na cidade de São Paulo.[1][13] O corpo foi velado no Teatro Sérgio Cardoso e cremado no dia seguinte, 29 de abril, no Crematório da Vila Alpina, na zona leste de São Paulo. Deixou dois filhos (Alexandre e o músico André Abujamra). Era tio do cineasta Samir Abujamra e das atrizes Clarisse Abujamra e Iara Jamra.[3]

Curiosamente, no programa Provocações, ao perguntar ao entrevistado como gostaria de morrer e ouvir a resposta "em casa, dormindo", o apresentador costumava debochar do convidado.[14]

FilmografiaEditar

Na televisãoEditar

Como ator e apresentador
Ano Título Personagem Emissora
1967 As Minas de Prata Frazão Rede Excelsior
1987 Sassaricando António Marcos (Totó) Rede Globo
1989 Que Rei Sou Eu? Mestre Ravengar
Cortina de Vidro Arnon Balakian SBT
1992 Amazônia Homero Spinoza (Xerife Spinoza) Rede Manchete
1993 O Mapa da Mina Nero Horácio Koll Rede Globo
1995 A Idade da Loba Piconês Rede Bandeirantes
1996 Antônio Alves, Taxista Décio SBT
1997 Os Ossos do Barão Sebastião Caldas Penteado
1999 Andando nas Nuvens Álvaro Luís Gomes Rede Globo
Terra Nostra Coutinho Abreu
1999 Vila Madalena Federico Fellini Rede Globo
2000 Marcas da Paixão Diogo Del Rey RecordTV
2000-2015 Provocações Apresentador TV Cultura
2004 Começar de Novo Dimitri Nicolaievitch Rede Globo
2009 Poder Paralelo Marco Iago RecordTV
2012 Corações Feridos Dante Vasconcelos[15][16] SBT
Como diretor
Ano Título Emissora
1968 O Estranho Mundo de Zé do Caixão Rede Tupi
Nenhum Homem É Deus
1974 Yerma RTC
1978 Salário Mínimo Rede Tupi
1979 Gaivotas
1980 Um Homem muito Especial Rede Bandeirantes
1981 Os Imigrantes
Os Adolescentes
1982 Ninho da Serpente
1997 Os Ossos do Barão SBT

No cinemaEditar

Ano Título Personagem Direção
1989 Festa Velho Ugo Giorgetti
Lua Cheia Verissímo Alain Fresnot
1990 Sermões, a História de Antônio Vieira [17] Júlio Bressane
1991 Olímpicos Jogador de poker Flávia Moraes
1992 Atrás das Grades Homem Paolo Gregori
Perigo Negro Moscosão Rogério Sganzerla
1993 Oceano Atlantis Cientista Francisco de Paula
1995 Carlota Joaquina, princesa do Brazil Conde de Mata-Porcos Carla Camurati
1996 Quem matou Pixote? Advogado José Joffily
Olhos de Vampa Dr. Arthur Walter Rogério
1998 Caminho dos Sonhos Padre Otero Lucas Amberg
2000 Villa-Lobos - Uma Vida de Paixão Diretor do Theatro Municipal Zelito Viana
Coda Romão Flávio Barone
2002 Dez Dias Felizes Médico José Eduardo Belmonte
2005 Concerto Campestre Major Eleutério Henrique de Freitas Lima
Quanto vale ou é por quilo? Manoel Fernandes Sérgio Bianchi
2009 É Proibido Fumar Pepe Anna Muylaert
Solo Ugo Giorgetti
O Filme mais Violento do Mundo J. C. Gilberto Scarpa
2010 Syndrome Roberto Bomtempo
2011 Assalto ao Banco Central Moacir Marcos Paulo
2012 Brichos - A Floresta é Nossa Al Corcova (voz) Paulo Munhoz[18]
2013 Babu - A Reencarnação do Mal Cesar Nero
2018 A Repartição do Tempo Santiago Dellape

No teatroEditar

Entre seus principais trabalhos em teatro encontram-se Volpone", de Ben Johnson; Hair, de Gerome Ragni e James Rado; A secreta obscenidade de cada dia, de Manuel Antonio de la Parra; Retrato de Gertrude Stein quando homem, texto seu sobre a vida e obra da autora, e O inferno são os outros, de Sartre.

HonrasEditar

PremiaçõesEditar

Referências

  1. a b Débora Laís; Marco Tucci (28 de abril de 2015). «Morre, aos 82 anos, o artista Antônio Abujamra». Diário de S. Paulo. Consultado em 29 de abril de 2015. Arquivado do original em 30 de abril de 2015 
  2. 'Antônio Abujamra teve um infarto', diz amigo da família. Por Luisa Girão.
  3. a b c Ator e diretor Antônio Abujamra morre em São Paulo. Globo.com, 28 de abril de 2015.
  4. diariosp.com.br/ Arquivado em 30 de abril de 2015, no Wayback Machine. Morre, aos 82 anos, o artista Antônio Abujamra
  5. Morre o ator e diretor Antônio Abujamra. Mais Teatro, 28 de abril de 2015.
  6. Bocchini, Bruno (28 de abril de 2015). «Corpo de Abujamra será velado a partir das 23h em São Paulo». EBC. Consultado em 4 de maio de 2015 
  7. «Morre dramaturgo Fauzi Arap, aos 75 anos». Zero Hora. 5 de dezembro de 2013. Consultado em 4 de maio de 2015. A fonte afirma que Antônio Abujamra dirigiu a peça em 1961 
  8. «Morre aos 82 anos Antônio Abujamra, de 'Que Rei Sou Eu?' e do programa 'Provocações'». Caras. 28 de abril de 2015. Consultado em 23 de janeiro de 2019 
  9. «Antônio Abujamra». Enciclopédia Itaú Cultural. Consultado em 23 de janeiro de 2019 
  10. agenciabrasil.ebc.com.br/ Morre em São Paulo o ator e diretor Antônio Abujamra
  11. entretenimento.r7.com/ Morre Antônio Abujamra aos 82 anos
  12. diversao.terra.com.br/ Aos 82 anos, Antônio Abujamra é encontrado morto em SP
  13. «Aos 82 anos, morre o diretor, ator e apresentador Antônio Abujamra». Zero Hora. 28 de abril de 2015. Consultado em 29 de abril de 2015 
  14. rollingstone.uol.com.br/ Morre o ator e apresentador Antônio Abujamra, aos 82 anos, em São Paulo
  15. «SBT divulga elenco completo de "Corações Feridos"». NaTelinha. 1 de setembro de 2010. Consultado em 8 de dezembro de 2010. Arquivado do original em 6 de setembro de 2010 
  16. «SBT pode reprisar "Corações Feridos" à tarde» 
  17. «Sermões, a História de Antônio Vieira». Cinemateca Brasileira. Consultado em 4 de junho de 2019 
  18. Brichos 2 encara seu grande desafio Jornal Gazeta do Povo (ed. de janeiro de 2013)
  19. http://www.cultura.gov.br/ordem-do-merito-cultural-2013
  20. a b c d e f tvcultura.cmais.com.br/ Antonio Abujamra completa 80 anos

Ligações externasEditar