Abrir menu principal

Arbil (também escrito em língua portuguesa Erbil ou Irbil) (em árabe: اربيل Arbīl; em curdo: ههولیر Hewlêr; em sumério: Urbilum; em turco: Erbil) é a quarta maior cidade do Iraque, depois de Bagdá, Baçorá e Mossul. É também a capital da região autônoma do Curdistão iraquiano e da província e distrito de Arbil.

Arbil (Hewlêr)
هەولێر
Cidadela de Arbil
Cidadela de Arbil
A localização de Erbil na província
A localização de Erbil na província
Coordenadas 36° 19' N 44° E
País  Iraque
Província Arbil
Altitude 420 m
População  
  Cidade (2014) 1,5 milhão
Fuso horário UTC+3 (UTC)
Website: bot.gov.krd/erbil-province/erbil

A cidade está localizada 80 km a leste de Mossul e é servida pelo Aeroporto Internacional de Erbil, que atende voos vindos de diversas capitais do Médio Oriente. Sua parte mais antiga, a Cidadela de Arbil, foi tombada pela UNESCO como Patrimônio Histórico da Humanidade em 2014[1].

Apesar de ser parte do Iraque, Arbil é considerada uma das cidades mais seguras do mundo, recebendo milhares de turistas anualmente[2], e sendo escolhida como sede de consulados de diversos países que possuem relações diplomáticas com o Iraque e o Curdistão.

HistóriaEditar

A vida urbana em Arbil iniciou-se no sexto milénio a.C., sendo esta uma das mais antigas localidades continuamente habitadas do mundo. No coração da cidade está a Cidadela de Arbil - a antiga Arbilum, onde na Antiguidade foi construído o templo de Ishtar, ou a posterior Arbela, famosa pela batalha em que Alexandre o Grande derrotou o rei persa Dário III.

Os hurritas foram os primeiros a estabelecer Urbilum e expandir seus domínios ao restante do norte da Mesopotâmia. Depois, a cidade esteve sob o domínio de muitas potências regionais desde aquele tempo, incluindo os assírios, babilônios, persas, gregos, árabes e otomanos. Erbil cresceu descontroladamente ao redor da cidadela, principalmente após o domínio islâmico.

O museu arqueológico da cidade abriga uma grande coleção de artefatos pré-islâmicos, sendo um centro para projetos arqueológicos na área.

GeografiaEditar

Embora seja quase completamente plana, Erbil está próxima às montanhas do norte do Iraque, entre os rios Grande Zab e Pequeno Zab, que também são os limites da província. Sua população é majoritariamente de curdos sunitas, embora abrigue diversas religiões e etnias. Vizinha, está a cidade de Ankawa, predominantemente cristã.

CulturaEditar

Erbil possui uma rica arquitetura e história, tendo muitos museus, como Museu da Civilização de Erbil, com diversos artefatos antigos. A cidadela histórica foi restaurada em 2011[1] e é o principal ponto turístico, com uma vista para toda a cidade.

O distrito de Erbil também é sede de diversos canais de televisão, jornais e estações de rádio. Em 2013, a cantora curdo-finlandesa Helly Luv gravou o clipe da música "Risk It All" na cidade.

FutebolEditar

O Erbil SC é o principal clube da cidade, sendo tetracampeão da liga nacional iraquiana. Ele realiza seus jogos no Estádio Franso Hariri, utilizado também pelas seleções iraquiana e curda.

Ver tambémEditar

Referências

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Arbil