Armindo Freitas-Magalhães

Armindo Freitas-Magalhães
Nascimento 1966 (54 anos)
Cidadania Portugal
Alma mater Universidade de Coimbra
Ocupação cientista

Armindo Freitas-Magalhães é professor, psicólogo, fundador e atual diretor do Laboratório de Expressão Facial da Emoção, da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade Fernando Pessoa (UFP), no Porto, em Portugal.

É membro efectivo da American Psychological Association (APA), da International Society for Research on Emotions (ISRE), da International Neuropsychological Society (INS), da International Brain Research Organization (IBRO), da European Health Psychology Society (EHPS), da Sociedade Portuguesa de Neurociências (SPN) e do Fórum Internacional de Investigadores Portugueses (FIIP).

AtuaçãoEditar

É especialista no estudo da expressão facial da emoção,[1][2][3] particularmente na detecção da mentira.[4] Desenvolve trabalhos científicos na área da expressão facial da emoção com aplicações práticas nas áreas da educação, saúde e justiça. É especialista no Facial Action Coding System (FACS), desenvolvido por Paul Ekman,[5] da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos.

DistinçãoEditar

Foi distinguido pelo Governo do Reino Unido no âmbito do “Global Partnership Programme” (2008),[6][7] pelo Instituto Nokia de Tecnologia (2008),[8][9] pela American Psychological Association (2010),[10] pela European Commission Network of Excellence on Research on Emotions and Human-Computer Interaction (2010),[11][12][13][14] pela Encyclopedia of Human Behavior, da Elsevier, em Oxford (2010)[15][16][17] e pelo Ministério da Justiça de Portugal (2010)[18] pelo pioneirismo e inovação do seu trabalho científico. Foi considerado uma das "mentes mais ilustres de Portugal no campo da ciência" (RTP, 2006)[19][20] e um dos "Portugueses Excelentíssimos" (TSF, 2003). É fundador da International Society on Facial Expression of Emotion (ISFEE).[21]. Foi distinguido com o "Prêmio Professor do Ano 2007" pelo International Biographical Centre, de Cambridge, Reino Unido.

Ligações externasEditar

Referências

  1. «Cópia arquivada». Consultado em 22 de julho de 2010. Arquivado do original em 8 de julho de 2010 
  2. «Cópia arquivada». Consultado em 22 de julho de 2010. Arquivado do original em 16 de abril de 2015 
  3. «Cópia arquivada». Consultado em 1 de setembro de 2011. Arquivado do original em 15 de abril de 2014 
  4. «Cópia arquivada». Consultado em 14 de abril de 2014. Arquivado do original em 15 de abril de 2014 
  5. http://fm.ufp.pt/fmpe270308.swf
  6. «Cópia arquivada». Consultado em 28 de setembro de 2008. Arquivado do original em 11 de outubro de 2008 
  7. http://exameinformatica.clix.pt/noticias/mercados/998095.html
  8. http://www.indt.org.br
  9. «Cópia arquivada». Consultado em 21 de dezembro de 2008. Arquivado do original em 23 de julho de 2011 
  10. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=102379&Itemid=359[ligação inativa]
  11. http://emotion-research.net/
  12. http://feelab2010.blogspot.com/2010/10/prof-freitas-magalhaes-considerado.html
  13. «Cópia arquivada». Consultado em 17 de outubro de 2010. Arquivado do original em 30 de novembro de 2010 
  14. «Cópia arquivada». Consultado em 17 de outubro de 2010. Arquivado do original em 2 de março de 2010 
  15. «Cópia arquivada». Consultado em 4 de dezembro de 2010. Arquivado do original em 22 de março de 2016 
  16. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=101972&Itemid=336[ligação inativa]
  17. http://sol.sapo.pt/inicio/Sociedade/Interior.aspx?content_id=44941
  18. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=100887&Itemid=337[ligação inativa]
  19. «Cópia arquivada». Consultado em 25 de dezembro de 2008. Arquivado do original em 17 de maio de 2009 
  20. http://viveraciencia.org/index.php?option=com_content&task=view&id=176&Itemid=46
  21. http://www.isfee.org