Arquidiocese de Brasília

Arquidiocese de Brasília (Archidioecesis Brasiliapolitana) é uma circunscrição eclesiástica da Igreja Católica no Brasil. É a sé metropolitana da Província Eclesiástica de Brasília. Pertence ao Conselho Episcopal Regional Centro-Oeste da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, sendo também a sede desta Conferência Episcopal. A sé arquiepiscopal está na Catedral de Nossa Senhora Aparecida, em Brasília, no Distrito Federal.

Arquidiocese de Brasília
Archidiœcesis Brasiliapolitana
Arquidiocese de Brasília
Catedral Metropolitana de Brasília
Localização
País  Brasil
Dioceses sufragâneas Diocese de Formosa
Diocese de Luziânia
Diocese de Uruaçu
Estatísticas
População 3 039 444
2 040 445 católicos[1]
Área 5,814 km²
Paróquias 147[1]
Sacerdotes 324[1]
Informação
Rito romano
Criação da diocese 16 de janeiro de 1960 (64 anos)
Elevação a arquidiocese 11 de outubro de 1966 (57 anos)
Catedral Catedral Metropolitana de Brasília
Padroeiro Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São João Bosco
Governo da arquidiocese
Arcebispo Paulo Cezar Costa
Bispo auxiliar Antônio Aparecido de Marcos Filho
Denilson Geraldo, S.A.C.
Ricardo Hoepers
Vicente de Paula Tavares
Jurisdição Arquidiocese Metropolitana (Região Centro-Oeste)
Outras informações
Página oficial arqbrasilia.com.br
dados em catholic-hierarchy.org

Histórico

editar
 
Dom Paulo Cézar Costa, atual Cardeal-Arcebispo de Brasília.
 
Religiosos acompanham a inauguração de Brasília ao lado de Juscelino Kubitschek e João Goulart, presidente e vice-presidente da República, respectivamente.

A Diocese de Brasília (Dioecesis Brasiliapolitana) foi erigida canonicamente por meio da bula Quandoquidem Nullum do Papa João XXIII, no dia 16 de janeiro de 1960, a partir de território desmembrado da Arquidiocese de Goiânia.[2] A nova diocese foi criada três meses antes da inauguração da capital federal. O primeiro bispo foi nomeado a 12 de março de 1960.

Em junho de 1962, Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São João Bosco foram proclamados, respectivamente, padroeira e copadroeiro da diocese recém-criada.[3]

A diocese foi elevada à dignidade de arquidiocese e sé metropolitana, por meio de Constituição Apostólica do Papa Paulo VI, a 11 de outubro de 1966.[4][5]

Situação geográfica, demografia e paróquias

editar

Situa-se na Região Centro-Oeste do Brasil, abrangendo todo o território do Distrito Federal. Faz limites com a Diocese de Formosa, Diocese de Paracatu e Diocese de Luziânia.[6]

Em 2017, a arquidiocese contava com uma população aproximada de 3.039.444 de habitantes, com 67,1% de católicos.[6]

O território da diocese é de 5.814 km.2, organizado em 147 paróquias.

Bispos e arcebispos

editar
Nome Período Notas
Arcebispos
Paulo Cezar Cardeal Costa 2020-atual
Sérgio Cardeal da Rocha 2011-2020 Nomeado arcebispo de Salvador
João Braz de Aviz 2004-2011 Nomeado prefeito da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e Sociedades de Vida Apostólica
José Cardeal Freire Falcão 1984-2004
José Newton de Almeida Baptista 1966-1984
Bispo dioceseano
José Newton de Almeida Baptista 1960-1966 Nomeado arcebispo
Bispos auxiliares
Vicente de Paula Tavares 2024- Atual
Ricardo Hoepers 2023- Atual
Denilson Geraldo, S.A.C. 2023- Atual
Antônio Aparecido de Marcos Filho 2022- Atual
Marcony Vinícius Ferreira 2014-2022 Nomeado arcebispo do Ordinariado Militar do Brasil
José Aparecido Gonçalves de Almeida 2013-2023 Nomeado bispo de Itumbiara
Valdir Mamede 2013-2019 Nomeado bispo de Catanduva
Leonardo Ulrich Steiner, O.F.M. 2011-2019 Nomeado arcebispo de Manaus
Francisco de Paula Victor 1996-2011
Jésus Rocha 1993-2004 Nomeado bispo de Oliveira
João Evangelista Martins Terra, S.J. 1994-2004
Raymundo Damasceno Assis 1986-2004 Nomeado arcebispo de Aparecida
Alberto Taveira Corrêa 1991-1996 Nomeado arcebispo de Palmas
Geraldo do Espírito Santo Ávila 1977-1990 Nomeado Ordinário militar do Brasil
Aloísio Sinésio Bohn 1977-1980 Nomeado bispo de Novo Hamburgo
Administrador Apostólico
José Aparecido Gonçalves de Almeida 2020 Bispo auxiliar da mesma
Waldemar Passini Dalbello 2011 Bispo auxiliar de Goiânia

Referências

  1. a b c GCatholic, dados de 2017
  2. Bula Quandoquidem Nullum, AAS 52 (1960), págs. 749-751 (em latim)
  3. «Dom Bosco». Catedral Metropolitana Nossa Senhora Aparecida. Consultado em 13 de março de 2016 
  4. Paulus VI (1966). «Constitutio Apostolica Goianiensis - Uberabensis (Brasiliapolitanae)» (em latim). Consultado em 17 de novembro de 2011 
  5. Paulus VI (1967). Constitutio Apostolica Goianiensis - Uberabensis (Brasiliapolitanae) (PDF). Roma: Typis Polyglottis Vaticanis. Acta Apostolicae Sedis (em latim). LIX (5): 321-322. Consultado em 17 de novembro de 2011 
  6. a b Dados da Arquidiocese em GCatholic

Ligações externas

editar
 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Arquidiocese de Brasília