Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde junho de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Arquidiocese de Nanquim
Archidiœcesis Nanchinensis
Localização
País República Popular da China
Dioceses sufragâneas Diocese de Haimen
Diocese de Xangai
Diocese de Suzhou
Diocese de Xuzhou
Estatísticas
Informação
Rito romano
Criação da diocese 1659
Elevação a arquidiocese 11 de abril de 1946
Governo da arquidiocese
Arcebispo sede vacante
Jurisdição Arquidiocese Metropolitana

A Arquidiocese de Nanquim (Archidiœcesis Nanchinensis, em chinês, 天主教南京总教区) é uma arquidiocese da Igreja Católica situada em Nanquim, na República Popular da China. É fruto da elevação da diocese de Nanquim. Atualmente está em sede vacante, desde 1978, devido as relações estremecidas entre a Santa Sé e o governo local. Seu atual arcebispo nomeado pela conferência episcopal chinesa (não oficial) é Francis Xavier Lu Xin-Ping. Sua é a Catedral da Imaculada Conceição.

Possui 17 paróquias (1951).

HistóriaEditar

O vicariato apostólico de Nanquim foi eregido em 1659 pelo Papa Alexandre VII. O vicariato foi eregido para servir as necessidades dos católicos chineses e coordenar melhor a evangelização em várias províncias chinesas, principalmente as do norte da China. Antes da formação do vicariato apostólico, todo o território chinês estava sob jurisdição eclesiástica da Diocese de Macau.[1]

O vicariato apostólico foi promovido a diocese de Nanquim no dia 10 de abril de 1690, pela bula papal “Romanus Pontifex” do Papa Alexandre VIII. Surgiu pela necessidade de se dividir o território chinês em 3 dioceses: Nanquim, Pequim e Macau, todas elas vinculadas ao Padroado português e sufragâneas da Arquidiocese de Goa.

Após disputas entre o Padroado português e a Congregação de Propaganda Fide, a diocese foi transformada no vicariato apostólico de Kiangnan, em 1856, desvinculando-se assim do Padroado. Em 1921, teve seu nome alterado para vicariato apostólico de Kiangsu e, em 1922, para vicariato apostólico de Nanquim.

Em 11 de abril de 1946, o Papa Pio XII eleva o vicariato apostólico a Arquidiocese. Após a morte do Cardeal Paul Yü Pin, em 1978, não foram mais nomeados arcebispos para a Arquidiocese, devido ao regime comunista de Pequim, que não permite as atividades da Igreja no país.

PreladosEditar

 
Retrato de Frei Francisco de Santa Rosa de Viterbo, óleo sobre tela de Autor desconhecido, século XVIII, na Fundação Oriente.

Vigários Apostólicos de Nanquim (1659 - 1690)Editar

Bispos de Nanquim (1690 - 1856)Editar

 
Retrato de Caetano Pereira Pires, óleo sobre tela de de Autor desconhecido, de cerca de 1838, na Fundação Oriente.

Vigários apostólicos de KiangnanEditar

  • André-Pierre Borgniet, S.J. (1859 - 1862)
  • Adrien-Hyppolyte Languillat, S.J. (1864 - 1878)
  • Valentin Garnier, S.J. (1879 - 1898)
  • Jean-Baptiste Simon, S.J. (1899)
  • Próspero París, S.J. (1900 - 1921)

Vigário apostólico de KiangsuEditar

Vigários apostólicos de NanquimEditar

Arcebispos de NanquimEditar

Ver tambémEditar

Referências

  1. Macau e a sua Diocese, do Monsenhor Manuel Teixeira; págs. 37, 38 e 39

Ligações externasEditar