Abrir menu principal

Arroio do Tigre

município do Rio Grande do Sul
Arroio do Tigre
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Arroio do Tigre
Bandeira
Brasão de armas de Arroio do Tigre
Brasão de armas
Hino
Apelido(s) "Celeiro do centro-serra"
Gentílico tigrense
Localização
Localização de Arroio do Tigre no Rio Grande do Sul
Localização de Arroio do Tigre no Rio Grande do Sul
Arroio do Tigre está localizado em: Brasil
Arroio do Tigre
Localização de Arroio do Tigre no Brasil
Mapa de Arroio do Tigre
Coordenadas 29° 19' 58" S 53° 05' 34" O
País Brasil
Unidade federativa Rio Grande do Sul
Municípios limítrofes N: Jacuizinho, Estrela Velha, S: Sobradinho, L: Tunas e Segredo e O: Ibarama
Distância até a capital 250 km
História
Fundação 6 de novembro de 1963 (56 anos)
Aniversário 6 de novembro
Administração
Prefeito(a) Marciano Ravanello (PP, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [1] 319 km²
População total (est. IBGE/2016[2]) 13 353 hab.
Densidade 41,86 hab./km²
Clima subtropical
Altitude 409 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2000 [3]) 0,764 alto
PIB (IBGE/2009[4]) R$ 208.363 mil
PIB per capita (IBGE/2009[4]) R$ 15 776,00
http://www.arroiodotigre.rs.gov.br (Prefeitura)
http://www.camaraarroiodotigre.com.br (Câmara)

Arroio do Tigre é um município brasileiro do estado do Rio Grande do Sul.

HistóriaEditar

O animal que deu origem ao nome de Arroio do Tigre era, na verdade, uma onça abatida no século XIX na então colônia de sobradinho, às margens de um arroio. A onça estraçalhou vários animais domésticos até que um grupo de homens organizou uma tocaia para abatê-la. Como não conheciam o animal, julgaram que fosse um tigre e o local passou a ser chamado Arroio do Tigre.

O período de ocupação do território, no final da década de XIX, registra a chegada dos descendentes de imigrantes alemães e italianos às proximidades de Arroio do Tigre, trazendo um capital social derivado de suas raízes, tal como conhecimentos produtivos, saberes artesanais, práticas alimentares, modos de vida, tudo isso ligado à experiência e à cultura familiar.[5]

A ocupação efetiva iniciou por volta de 1900, quando chegaram as primeiras famílias de origem germânica, procedentes de Santa Cruz do Sul e arredores. A estes somaram-se posteriormente os italianos e luso-brasileiros. Os colonos enfrentaram a mata e seus perigos, abriram picadas, construíram casas, ergueram as primeiras capelas que, em geral, também serviam de escolas. Por volta de 1920, começou a tomar forma a Vila Tigre. Surgiram as primeiras casas comerciais, as igrejas Católica e Evangélica, depois o Hospital Santa Rosa de Lima e, em seguida, a Escola Estadual de Ensino Médio Arroio do Tigre [ EEEMAT]. Também em 1920, um grupo de colonos fundou a Cooperativa Agrícola Mista Cereja.

Até 1929 a Vila Tigre pertencia ao município de Soledade, passando então a fazer parte e ser o 3° Distrito de Sobradinho. A emancipação deu-se em 6 de novembro de 1963, tomando partes da área de Sobradinho, Soledade e Espumoso. Em 1996, foi fundada a Associação de Juventude Rural de Arroio do Tigre que organiza, atualmente, o maior evento esportivo de juventude rural do Brasil.

GeografiaEditar

O município de Arroio do Tigre situa-se na região Centro-Serra e integra a Associação dos Municípios da Região Centro-Serra (AMCSERRA). Arroio do Tigre faz divisa ao Norte com o município de Estrela Velha, ao Sul com Sobradinho, ao Leste com Tunas e Segredo e ao Oeste com Ibarama. A altitude do município de Arroio do Tigre em sua sede é de 409 metros; Longitude -53º 05 s 07 min; Latitude -29º 20s 06 min.

Sua população estimada em 2010 é de 12.648 habitantes, sendo 6.686 de população rural e 5.962 de população urbana. Possui uma área de 314,68 km².

Dados da EconomiaEditar

O Município de Arroio do Tigre é pujante na economia agropecuária, sendo considerado o maior produtor sul-brasileiro de tabaco tipo Burley. Em meados dos anos 2000 já foi o maior produtor de feijão preto do estado do Rio Grande do Sul.

- Fumo: 7 mil ha;

- Feijão: 1,4 mil ha;

- Milho: 6 mil ha;

- Soja: 6,5 mil ha;

- Leite: 10,6 mil litros/dia;

- Suíno: 750 mil kg/ano.

- Na indústria destacam-se: fabricação de aberturas e móveis sob medida, metalúrgicas, olarias, malharias e também a fabricação de calçados e biscoitos.

- Arroio do Tigre é o principal produtor de tabaco do Território Centro-Serra apresentando um crescimento de 5.127 toneladas, considerando o ano de 1991 em que produziu 7.560 toneladas e 2010 onde atingiu 12.687 toneladas de fumo em folha.

- O município dispõe de boas condições para atração de novos investimentos, como excelente infra-estrutura urbana, asfalto, comunicações, energia elétrica, água e lei de incentivos fiscais.

EducaçãoEditar

Ensino infantil

Escolas: 03 Alunos: 227

Ensino fundamental

Escolas estaduais: 05 Alunos: 692

Escolas municipais: 13 Alunos: 965

Escolas particulares: 01 Alunos: 167

Ensino médio

Escolas estaduais: 01 Alunos: 407

Escolas particulares: 01 Alunos: 63

Faculdades

Cursos: 07 (à distância) Alunos: 300

Dados GeraisEditar

Nº de vereadores: 09

Ag. e postos bancários: 04

Hotéis/pousadas: 02

Hospitais: 01

Postos de saúde: 09

Total de eleitores: 10.135

Taxa de analfabetismo de pessoas com 15 anos ou mais: 7,05%

Expectativa de Vida ao Nascer (2000): 72,35 anos

Coeficiente de Mortalidade Infantil: 6,49 por mil nascidos vivos

PersonalidadesEditar

  • Sancler Frantz, modelo vencedora de vários concursos de beleza.
  • Ezequiel Redin, pesquisador, professor universitário, palestrante e Membro da Academia Centro Serra de Letras.
  • Ati Mainardi: jogador de futebol que jogou em vários clubes do Rio Grande do Sul, entre eles o Santa Cruz e o Esportivo de Bento Gonçalves, sendo escolhido, em um ano, como jogador revelação do campeonato gaúcho!
  • Gustavo Busatto, atual goleiro do CSKA, ex-Grêmio, ex-América RN, ex-Náutico, ex-Aparecidense, ex-Sampaio Corrêa.
  • Caroline Patatt, repórter da Fox.
  • Ricardo Seitenfus, pesquisador, professor universitário, Secretário Estadual de Relações Internacionais e idealizador do Mercosul, participou de um missão da ONU no Haiti.

Ver tambémEditar

Referências

  1. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  2. «Estimativas populacionais para os municípios e para as Unidades da Federação brasileiros em 01.07.2016» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Consultado em 22 de junho de 2017 
  3. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  4. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  5. REDIN, E. Família rural e produção de tabaco: estratégias de reprodução social em Arroio do Tigre/RS. 305 f. (Tese de Doutorado) – Programa de Pós-graduação em Extensão Rural, Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria. 2015 «Untitled Document». cascavel.ufsm.br. Consultado em 15 de julho de 2017 

Ligações externasEditar