Arthur Earl Bryson

Arthur Earl Bryson, Jr. (7 de outubro de 1925)[1] é Pigott Professor of Engineering Emeritus da Universidade Stanford, especialista em teoria do controle ótimo. Com Henry J. Kelley de uma versão inicial do procedimento de backpropagation,[2][3][4] atualmente de uso geral para aprendizado de máquina e rede neural artificial.

Arthur Earl Bryson
Nascimento 7 de outubro de 1925
Cidadania Estados Unidos
Alma mater
Ocupação cientista, académico, professor universitário, engenheiro aeronáutico, astronautical engineer
Prêmios
Empregador Universidade Stanford
Página oficial
https://profiles.stanford.edu/arthur-bryson

Foi membro do V-12 da Marinha dos Estados Unidos na Universidade Estadual de Iowa, onde obteve um B.S. em engenharia aeronáutica em 1946.[5] Obteve um Ph.D. no Instituto de Tecnologia da Califórnia em 1951, com a tese An Interferometric Wind Tunnel Study of Transonic Flow past Wedge and Circular Arcs, orientado por Hans Wolfgang Liepmann.

Bryson foi orientador de Yu-Chi Ho.

Prêmios e honrariasEditar

Foi eleito membro da Academia Nacional de Engenharia dos Estados Unidos em 1970 e da Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos em 1984.[6] Recebeu o Prêmio Richard E. Bellman de 1990 do American Automatic Control Council[7] e a Medalha Daniel Guggenheim de 2009.

ReferênciasEditar

  1. Journal of Dynamic Systems, Measurement, and Control. [S.l.]: American Society of Mechanical Engineers. 1981. p. 1967 
  2. Arthur E. Bryson (1961, April). A gradient method for optimizing multi-stage allocation processes. In Proceedings of the Harvard Univ. Symposium on digital computers and their applications.
  3. Stuart Dreyfus (1990). Artificial Neural Networks, Back Propagation and the Kelley-Bryson Gradient Procedure. J. Guidance, Control and Dynamics, 1990.
  4. Jürgen Schmidhuber (2015). Deep learning in neural networks: An overview. Neural Networks 61 (2015): 85-117. ArXiv
  5. «Arthur E. Bryson, Jr.». www.aere.iastate.edu. Consultado em 7 de julho de 2019. Arquivado do original em 9 de maio de 2012 
  6. «IEEE Control Systems Award». IEEE Control Systems Society. Consultado em 7 de julho de 2019. Arquivado do original em 29 de dezembro de 2010 
  7. «Richard E. Bellman Control Heritage Award». American Automatic Control Council. Consultado em 7 de julho de 2019 

Ligações externasEditar